Meu AdoroCinema
Lars von Trier
facebookTweet
Atividades Diretor, Roteirista, Ator mais
Nacionalidade Dinamarquês
Nascimento 30 de abril de 1956 (Copenhague, Dinamarca)
Idade 61 anos
31
anos de carreira
18
filmes e séries lançados

Biografia

- O sobrenome "Von" foi adotado por Lars Von Trier durante o período em que esteve no Danish Film School. O motivo para a inclusão do sobrenome foi o apelido que seus amigos da época lhe deram;

- Foi um dos criadores do movimento Dogma'95, que prega um cinema mais simples e mais natural;

- Trabalha em um projeto pessoal em que roda 3 minutos de filme todo dia em diferentes locações da Europa. Sua intenção é realizar este trabalho durante 33 anos e, como ele teve início em 1991, a previsão é que o filme seja lançado apenas em 2024.

Leia mais

Filmografia

The House That Jack Built
The House That Jack Built
Data de lançamento desconhecida
Ninfomaníaca - Volume 1
Ninfomaníaca - Volume 1
10 de janeiro de 2014
Ninfomaníaca - Volume 2
Ninfomaníaca - Volume 2
13 de março de 2014
O Amante da Rainha
O Amante da Rainha
8 de fevereiro de 2013
Melancolia
Melancolia
5 de agosto de 2011
Anticristo
Anticristo
28 de agosto de 2009
Cada Um Com Seu Cinema
Cada Um Com Seu Cinema
Data de lançamento desconhecida
O Grande Chefe
O Grande Chefe
Data de lançamento desconhecida
Toda a filmografia Melhores filmes / séries Dê notas express para sua filmografia

Fotos

10 Fotos

Notícias

Björk revela que foi assediada por Lars von Trier
NOTÍCIAS - Personalidades
segunda-feira, 16 de outubro de 2017
Os dois trabalharam juntos em 2000, no filme Dançando no Escuro.
Dançando no Escuro, de Lars von Trier, ganha adaptação teatral no Brasil
NOTÍCIAS - Visto na Web
domingo, 17 de setembro de 2017
De 19 de outubro a 19 de novembro no Rio de Janeiro.
57 notícias sobre esta personalidade
Comentários
  • alexis rommel

    tem todo meu respeito e admiração depois de dançando no escuro e dogville!

  • looidi

    Em DOGVILLE [http://www.adorocinema.com/fil...] e MANDERLAY [http://www.adorocinema.com/fil...] escancara os meandros duma sociedade escravagista [no caso, a americana], a despeito de mostrar-se acolhedora e hospitaleira. Em menor escala, é o caso de muitas famílias. Realidade muitas vezes conhecida por filhos adotados. Um diretor de respeito.

Mostrar comentários
Back to Top