Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Sindicato dos Produtores expulsa Harvey Weinstein e cria força-tarefa para combater assédio sexual em Hollywood
    Por Laysa Zanetti — 17 de out. de 2017 às 12:50
    facebook Tweet

    O PGA votou de forma unânime pela expulsão do magnata.

    Jamie McCarthy/Getty Images

    A decadência de Harvey Weinstein foi rápida. De um dos produtores mais influentes dos EUA – mais lembrado que Deus nos discursos de agradecimento do Oscar – à decadência total, Weinstein foi expulso da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas no último sábado, para dois dias depois ser afastado oficialmente também do Sindicado dos Produtores.

    Em declaração, os presidentes do Producers Guild of America (PGA), Gary Lucchesi e Lori McCreary, anunciaram:

    "Nesta manhã, a diretoria do PGA decidiu por votos unânimes pelo desligamento de Harvey Weinstein da instituição.

    Como é requerido pela Constituição do PGA, o Sr. Weinstein terá a oportunidade de responder antes do sindicato oficializar a determinação final, em 6 de novembro de 2017.

    Assédio sexual de qualquer tipo é completamente inaceitável. Este é um problema sistêmico e universal que requer ação imediata em toda a indústria. Hoje, a diretoria do PGA – composta por 20 mulheres e 18 homens – criou a Força-Tarefa Anti Assédio Sexual, dedicada especificamente a pesquisar e propor soluções substantivas e efetivas em relação aos assédios sexuais na indústria do entretenimento.

    O PGA chama os líderes espalhados por toda a comunidade do entretenimento a trabalharem juntos para certificarem-se de que o abuso e o assédio sejam erradicados da indústria."

    Desde que o jornal The New York Times e a revista The New Yorker fizeram públicas as denúncias contra Weinstein, dezenas de mulheres entre atrizes, produtoras, diretoras e roteiristas também se pronunciaram, revelando momentos em que sofreram assédio – algumas por Weinstein, outras por outros homens influentes da indústria. 

    "Não podemos culpar as vítimas": Saiba como Hollywood reagiu ao escândalo de assédios de Harvey Weinstein

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top