Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    A Bela da Tarde
     A Bela da Tarde
    1967 / 1h 40min / Drama
    Relançamento 7 de dezembro de 2017
    Direção: Luis Buñuel
    Elenco: Catherine Deneuve, Jean Sorel, Michel Piccoli
    Nacionalidades França, Itália
    Ver o trailer
    Assista agora
    Imprensa
    5,0 2 críticas
    Usuários
    3,9 54 notas e 6 críticas
    notar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse e detalhes

    Não recomendado para menores de 14 anos
    Séverine (Catherine Deneuve) é uma jovem rica e bonita, porém infeliz. Ela ama seu marido (Jean Sorel), um médico, mas eles não são tão íntimos quanto ela deseja. Ela procura um discreto bordel, comandado pela Madame Anais (Geniviève Page), para realizar suas fantasias eróticas e e conseguir o prazer que seu marido não consegue lhe dar. Ela trabalha como prostituta à tarde e à noite retoma a vida de casada, mas um cliente abusivo promete complicar a situação.
    Título original

    Belle de Jour

    Distribuidor -
    Ver detalhes técnicos
    Ano de produção 1967
    Tipo de filme longa-metragem
    Curiosidades 12 curiosidades
    Orçamento -
    Data de retorno 07/12/2017
    Idiomas Francês, Espanhol, Mongol
    Formato de produção -
    Cor Colorido
    Formato de áudio -
    Formato de projeção -
    Número Visa -

    Assista ao filme

    Online
    Alugar
    Veja todos os filmes online

    Trailer

    A Bela da Tarde Trailer Original 1:44
    A Bela da Tarde Trailer Original
    35 480 visualizações
    Pela web

    Elenco

    Catherine Deneuve
    Personagem : Séverine Serizy
    Jean Sorel
    Personagem : Pierre Serizy
    Michel Piccoli
    Personagem : Henri Husson
    Geneviève Page
    Personagem : Madame Anais
    Ficha completa

    Comentários do leitor

    Sílvia Cristina A.
    Sílvia Cristina A.

    Segui-los 88 seguidores Ler as 45 críticas deles

    5,0
    Enviada em 6 de janeiro de 2013
    Intrigante e extremamente poético filme de Luis Buñuel , que ficou conhecido internacionalmente como o mestre do surrealismo no cinema. Porém, Buñuel foi muito mais que um esteta surrealista; foi um grande pensador , que criticou ferozmente as instituições sociais , dissecou o caráter mestiço da cultura espanhola e analisou profundamente os dramas da Espanha franquista. Construído na forma de uma rica e complexa rede de simbologias , "A ...
    Leia Mais
    anônimo
    Um visitante
    3,5
    Enviada em 20 de janeiro de 2014
    Tudo no começo é frase resume bem a escolha de Severine,a personagem da linda e loira,Catherine Deneuve na história do dos mas difíceis trabalhos de aproveitou todo o seu charme,e se deu ao máximo a personagem.A direção de Luis Buñuel,é ita muito o ambiente pequeno,com movimentos de câmeras também em suas mãos,um pequeno elenco,que da um certo ânimo a mas no filme,sendo que estão em perfeita harmonia.O final,é extremamente ...
    Leia Mais
    Elvira A.
    Elvira A.

    Segui-los 239 seguidores Ler as 266 críticas deles

    4,5
    Enviada em 21 de setembro de 2013
    A beleza aristocrática de Catherine Deneuve contrastando com a vida promíscua da personagem Séverine é um dos trunfos de Luis Buñuel. Outro é a discussão psicológica, e não moralista, do caráter da personagem. Jean Sorel, Michel Piccoli e Geneviévê Page completaram o elenco de alto nível. Na novela "Passione", o papel da Maitê Proença lembrava no início o de Catherine Deneuve neste filme.
    Shy Boy
    Shy Boy

    Segui-los 11 seguidores Ler as 107 críticas deles

    4,0
    Enviada em 10 de maio de 2013
    Belle de Jour se destaca como um filme refinado e discreto, d'uma discreção poética que salta aos olhos. A temática que poderia suscitar cenas chocantes não ocorre, contrariamente às produções brasileiras que abusam de cenas de sexo e palavrões. O surrealismo impregna o filme, especialmente nas últimas muito. Uma verdadeira relíquia.
    6 Comentários do leitor

    Fotos

    47 Fotos

    Curiosidades das filmagens

    A dica está na tipografia

    Em muitas cópias legendadas, uma fonte em itálico é usada para ajudar o público a distinguir as fantasias de Séverine da realidade.

    39 anos depois ...

    Seguido por Sempre Bela (2006).

    Figurino

    Foi usado um vestido com velcro na cena de estupro para que o som da roupa se abrindo soasse mais alto.
    12 curiosidades

    Últimas notícias

    Cidade de Deus está entre os 100 melhores filmes estrangeiros de todos os tempos
    NOTÍCIAS - Visto na Web
    domingo, 4 de novembro de 2018
    Cinquenta tons de fetiche: quando o cinema exibe gostos sexuais peculiares
    NOTÍCIAS - Visto na Web
    sábado, 10 de fevereiro de 2018
    De voyeurismo a vorarefilia. Não conhece? Descubra!
    Estreias de dezembro nos cinemas
    NOTÍCIAS - Lançamentos
    domingo, 26 de novembro de 2017
    Que a Força esteja com os últimos Jedi e aqueles que ousarão confrontá-los.
    5 Notícias e Matérias Especiais

    Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

    Mais filmes similares

    Comentários

    • Senhor Ivan
      Catherine Deneuve faz a personagem mais amável de sua carreira.Comandada brilhantemente por Buñuel.-09 de Março de 2018-Dou nota 7/10
    • Ivan Sousa.
      Pois é,realmente o final é curioso.Acho que todos que assistiram a esse filme fica com esse pensamento.Mas acho que foi um final que caberia mesmo a história.
    • Senhor Ivan!
      Tudo no começo é bom.Essa frase resume bem a escolha de Severine,a personagem da linda e loira,Catherine Deneuve na história do filme.Um dos mas difíceis trabalhos de Deneuve.Onde aproveitou todo o seu charme,e se deu ao máximo a personagem.A direção de Luis Buñuel,é precisa.Aproveita muito o ambiente pequeno,com movimentos de câmeras sensacionais.Tem também em suas mãos,um pequeno elenco,que da um certo ânimo a mas no filme,sendo que estão em perfeita harmonia.O final,é extremamente fantástico,onde se encaixa perfeitamente aos personagens,e principalmente a história do filme...
    Mostrar comentários
    Back to Top