Meu AdoroCinema
Missão Impossível - Nação Secreta
Críticas AdoroCinema
4,0
Muito bom
Missão Impossível - Nação Secreta

Ele está de volta!

por Lucas Salgado

Já é possível dizer: Tom Cruise está de volta! O ator vem passando por momentos difíceis desde 2006. Sofá da Oprah Winfrey, cientologia, separação, decepções nas bilheterias... Tudo isso fez a carreira do maior astro dos anos 90 dar uma esfriada. Curiosamente, ele não fez grandes bombas, mas fez uma série de produções que simplesmente não decolaram, como Operação ValquíriaEncontro ExplosivoRock of Ages - O Filme. O mau momento acabou interferindo no desempenho do excelente Missão Impossível 3, que registrou o menor faturamento da franquia nos Estados Unidos, apenas US$ 134 milhões. O resultado fez a Paramount romper o contrato com Cruise e praticamente desistir de novos longas da série.

Missão Impossível - Nação Secreta - FotoPara a felicidade dos fãs, o ator não desistiu da franquia. Retomou a relação com o estúdio e convenceu o mesmo a investir em Missão Impossível - Protocolo Fantasma, que faturou US$ 209 milhões nos cinemas americanos. Ali já estávamos diante de uma retomada da carreira de Cruise. Agora, com Missão Impossível - Nação Secreta, ele mostra que ainda está muito vivo e que ainda existe muito para ver de Ethan Hunt nas telonas.

Na trama, Hunt investiga uma agência de espionagem internacional chamada Sindicato. Ao mesmo tempo, sua agência IMF sofre pressões do governo dos Estados Unidos, que consideram que Hunt criou o Sindicato para acobertar seus próprios crimes. Contando com a ajuda de Benji (Simon Pegg), Ethan descobre planos para capturar/assassinar importantes políticos da Europa. Assim, sem o apoio de seu governo, tentará impedir o Sindicato de seguir com seus planos.

O elenco conta ainda com as presenças de Jeremy RennerVing RhamesAlec BaldwinSimon McBurney. Mas quem merece destaque mesmo é a bela Rebecca Ferguson, que interpreta Ilsa Faust, uma agente infiltrada no Sindicato que ajuda e ao mesmo tempo joga com Hunt, deixando a sensação de que ela não pode ser confiável. A atriz é mais do que "a mulher sexy de Missão Impossível". Ela tem uma participação importante na ação e motivações verdadeiras. Assim como Ethan, o espectador será envolvido pela personagem.

Missão Impossível - Nação Secreta - FotoDirigido por Christopher McQuarrie, do bom Jack Reacher - O Último Tiro, o longa traz algumas das melhores sequências de ação da franquia. Na verdade, é até difícil falar em cenas de ação, uma vez que tudo parece uma longa cena de ação ininterrupta. Cruise continua demonstrando coragem (ou seria falta de noção?) ao realizar a maioria das sequências, sem a ajuda de dublês. Parece detalhe, mas passa uma sensação de verossimilhança.

Simon Pegg é cada vez mais o alívio cômico da produção, mas em momento algum se mostra despreparado para a missão. Renner tem uma atuação um pouco mais complexa, se mostrando realmente incomodado com algumas atitudes do protagonista. Já Ving Rhames interpreta Ving Rhames. É legal vê-lo em mais um MI, mas seu personagem pouco acrescenta na produção.

Mission: Impossible - Rogue Nation (no original) conta com uma trilha sonora elétrica, que aproveita bem o tema clássico criado por Lalo Schifrin. A Europa também cai como cenário ideal para a produção. É uma obra revolucionária? Não. É divertidíssima? Sem dúvida!

Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas do AdoroCinema

Comentários

Mostrar comentários
Back to Top