Minha conta
    Alias Grace
    Alias Grace
    Em produção
    Desde 2017 / min / Histórico, Suspense
    Elenco: Sarah Gadon, Edward Holcroft, Rebecca Liddiard
    Nacionalidade Canadá
    Assistir em streaming
    Usuários
    4,2 185 notas e 8 críticas
    Avaliar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse & Info

    Grace Marks (Sarah Gadon) é uma jovem irlandesa de classe média baixa, que decide tentar a vida no Canadá. Contratada para trabalhar como empregada doméstica na casa de Thomas Kinnear (Paul Gross), ela é condenada à prisão perpétua pelo assasinato brutal do seu patrão e da governanta da casa, Nancy Montgomery (Anna Paquin). Passados 16 anos desde o encarceramento da imigrante, o Dr. Simon Jordan (Edward Holcroft) se apaixona por Grace e fará de tudo para descobrir a verdade sobre o caso.


    Não recomendado para menores de 14 anos.

    1
    Temporada
    6
    Episódios
    Temporada 1

    Como assistir essa série

    SVOD / Streaming
      NetflixInscrições
    Veja todas as ofertas de streaming
    Sarah Gadon
    Personagem : Grace Marks
    Edward Holcroft
    Personagem : Dr Simon Jordan
    Rebecca Liddiard
    Personagem : Mary Whitney
    Zachary Levi
    Personagem : Jeremiah Pontelli
    Veja o elenco completo
    Netflix: as melhores séries escondidas no streaming
    NOTÍCIAS - Série - como visto na Web
    sexta-feira, 17 de julho de 2020

    Netflix: as melhores séries escondidas no streaming

    Emmy 2018: Confira todas as séries originais Netflix indicadas ao prêmio
    NOTÍCIAS - Festivais da série de TV
    quinta-feira, 12 de julho de 2018

    Emmy 2018: Confira todas as séries originais Netflix indicadas ao prêmio

    Stranger Things, Black Mirror e The Crown são só algumas das concorrentes!
    TCA Awards 2018: Confira os indicados ao prêmio promovido pela Associação de Críticos de Televisão
    NOTÍCIAS - Festivais da série de TV
    terça-feira, 19 de junho de 2018

    TCA Awards 2018: Confira os indicados ao prêmio promovido pela Associação de Críticos de Televisão

    Killing Eve e The Americans lideram a disputa.
    Trilogia MaddAddam, de Margaret Atwood, vai virar série de TV
    NOTÍCIAS - Série em produção
    quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

    Trilogia MaddAddam, de Margaret Atwood, vai virar série de TV

    Mais uma adaptação!
    As 20 melhores séries de 2017 segundo o AdoroCinema
    NOTÍCIAS - Série - como visto na Web
    sábado, 16 de dezembro de 2017

    As 20 melhores séries de 2017 segundo o AdoroCinema

    Vem ver as escolhas da redação!!!
    11 Notícias sobre esta série

    Últimos vídeos

    As 20 melhores séries de 2017 2:09
    As 20 melhores séries de 2017
    55.766 visualizações
    Alias Grace 1ª Temporada Trailer Original 2:30
    Alias Grace 1ª Temporada Trailer Original
    5.077 visualizações
    Alias Grace 1ª Temporada Teaser Original 0:45
    Alias Grace 1ª Temporada Teaser Original
    2.767 visualizações
    Pela web
    Fotos

    Comentários do leitor

    Marco Silva
    Marco Silva

    Seguir usuário 94 seguidores Ler as 185 críticas

    3,0
    Enviada em 29 de outubro de 2018
    Um duplo assassinato, uma acusação. A ré, então adolescente, é condenada à morte. Muitos anos depois, ainda pendente a execução e após internações em "asilo" de "tratamento mental", um alienista investiga sua mente. Bom ritmo. O enredo se desenrola mantendo a curiosidade do espectador. Nada fica muito claro. Há flertes com espiritismo. A sinceridade da personagem é dúbia. O desfecho é daqueles que geram as mais variadas reações, ...
    Leia Mais
    cinetenisverde
    cinetenisverde

    Seguir usuário 23.781 seguidores Ler as 1.122 críticas

    2,5
    Enviada em 12 de novembro de 2017
    Homens retardados, animalescos, vivendo em torno de mulheres histéricas, depressivas ou apáticas. Este é o retrato da história contada por Grace Marks para um doutor, igualmente abjeto, Dr. Simon Jordan. A narrativa de Grace sob os olhos da série da Netflix representa um dos últimos pilares do movimento igualmente abjeto chamado (ainda) de feminismo: a crença marxista que homens e mulheres são definidos através de sua relação de ...
    Leia Mais
    Michelly B.
    Michelly B.

    Seguir usuário 1 seguidor Ler a crítica

    5,0
    Enviada em 7 de novembro de 2017
    Achei a narrativa excelente, fazia tempo que não era fisgada com esse tipo de Produção, bateu até um doce saudosismo de Hannibal Lecter. Mas voltando a série, adoro quando o mundo gira apenas sob a ótica da estrela principal “ALIAS GRACE” foi exatamente assim, passamos 240 minutos com os olhos pregados na tv e as ideias se debatendo como asas de borboletas. Afinal essa pobre menina foi vítima das circunstâncias ou ela é uma ...
    Leia Mais
    @AssistaNetflix
    @AssistaNetflix

    Seguir usuário 3 seguidores Ler as 29 críticas

    3,0
    Enviada em 10 de janeiro de 2019
    legal. Me prendeu até o último capítulo. Amo séries com só uma temporada e ainda mais se for suspense. Mas achei que ela se arrastou muito pra ter um final. Sigam @assistanetflix
    Fabrício A.
    Fabrício A.

    Seguir usuário 2 seguidores Ler a crítica

    2,5
    Enviada em 30 de outubro de 2022
    A minissérie é razoável, tem uma certa densidade. Contudo, ela tem que ser assistida no IDIOMA ORIGINAL! A dublagem da Grace Marks é uma coisa medonha, tenebrosa!!! Quem fez? Parece a voz da Marina Ruy Barbosa. O sotaque carioca carregado da dubladora, a falta de interpretação e emoção na voz são muito perceptíveis. Não tem como ignorar. A dublagem é tão ruim quanto a do Luciano Huck em Enrolados!
    8 Comentários do leitor

    Segredos por trás das filmagens

    Inspiração

    A série é baseada no livro homônimo de Margaret Atwood, que, por sua vez, é inspirado em uma história real. Porém, a história que conta é puramente ficcional, e dezenas de personagens foram criados por Atwood. 

    Coprodução

    Alias Grace é uma produção feita pela Netflix em parceria com a emissora canadense CBC.

    Demorou, mas chegou

    Sarah Polley demorou mais de 20 anos para conseguir adaptar a série. A cineasta tentou adquirir os direitos de adaptação da obra em 1996, ano de seu lançamento, e o resultado mesmo só foi ao ar em 2017.

    Comentários

    • Jonas S
      Você quis dizer : Não gostei porque a história não foi para a direção que eu queria...
    • Jonas S
      Concordo, amigo.
    Mostrar comentários
    Back to Top