Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Falcão e o Soldado Invernal: Conheça Isaiah Bradley, o primeiro Capitão América da Marvel
    Por Nathalia Jesus — 26 de mar. de 2021 às 17:40
    facebook Tweet

    Sim, o primeiro Capitão América era negro! O Super Soldado foi o precursor de Steve Rogers nas histórias em quadrinhos da Marvel.

    A nova série da Disney+, Falcão e o Soldado Invernal, está trazendo à tona diversos personagens importantes das HQs da Marvel. No novo episódio lançado nesta sexta-feira (26), Isaiah Bradley foi apresentado ao público e, apesar de ter sido uma pessoa essencial para a construção das histórias do Capitão América, nem todo mundo tem conhecimento sobre ele — e de acordo com Bucky Barnes, nem mesmo o próprio Steve Rogers sabia de sua existência.



    Em Falcão e o Soldado Invernal, Isaiah aparece quando Bucky (Sebastian Stan) leva Sam (Anthony Mackie) para conhecer um colega antigo que esteve com ele durante a Guerra na Coreia, em 1951. Quando chegam até lá, eles são recebidos por um senhor o qual Bucky descreve como “o terror da Hidra”. Durante a conversa, o Soldado Invernal tenta pedir ajuda, mas Isaiah reage com negação, dizendo que pessoas como ele sofrem uma carga muito mais pesada ao se tornarem super-heróis. Agora, se quiser saber mais sobre essa história, continue aqui, o AdoroCinema te ajuda!

    Falcão, Super Choque e outros super-heróis de quadrinhos com representatividade negra

    Quem é Isaiah Bradley?

    Isaiah Bradley foi o primeiro Capitão América, e integrou o núcleo de heróis da Marvel antes mesmo da existência de Steve Rogers. Nascido em uma família afro-americana, em 1920, no bairro do Queens, Isaiah foi criado em um ambiente no qual seus entes queridos acreditavam que todas as pessoas eram iguais.

    No entanto, apesar do otimismo, ele também se frustrava ao perceber que ser negro o colocava em uma posição de inferioridade em relação aos indivíduos brancos em seu país nativo. Com o passar dos anos, o rapaz se apaixonou por Faith, uma mulher bem-humorada que tinha valores semelhantes ao seu. Logo, eles se casaram e, a partir deste momento, sua vida começou a caminhar por um rumo inesperado.

    Falcão e o Soldado Invernal: Conheça o grupo anarquista vilão na série da Marvel no Disney+

    Em fevereiro de 1942, Isaiah se alistou no Exército dos Estados Unidos, sendo obrigado a deixar Faith, que na época estava grávida de um filho seu. Lá, ele se tornou soldado e recebia treinamento no acampamento Cathcart, no Mississipi, onde era coordenado pelo major Brackett. Designado para participar de um time com Jefferson Jamison, Jack Harvey, Damon Larsen e David Plumb, ele passou a ser liderado pelo veterano da Primeira Guerra Mundial, o sargento Lucas Evans.

    Início dos experimentos

    Sua estadia no exército começou a se tornar uma jornada mais intensa quando Washington Tully e o cientista alemão Josef Reinstein se reuniram com o major Brackett e requisitaram dois batalhões de soldados negros para um experimento realizado pelo Project: Rebirth (Projeto Renascimento). O segmento do programa foi liderado pelo coronel Walker Price que, após reunir as tropas compostas por pessoas negras, matou Brackett na frente deles.

    Falcão e o Soldado Invernal: Acordos de Sokovia terão papel fundamental na Fase 4 da Marvel

    Depois do assassinato, Walker Price enviou 300 soldados negros, incluindo Bradley e seu esquadrão, em caminhões para iniciar a fase de experimentos. Quanto aos outros integrantes de cor, estes foram executados e todos tiveram suas informações apagadas dos registros do acampamento Cathcart. Por este motivo, um aviso foi enviado para Faith Bradley, informando que Isaiah havia morrido em uma explosão.

    Enquanto isso, em um local secreto do governo, Isaiah e sua unidade estavam sendo experimentados pelos cientistas do Projeto Renascimento, que tentavam criar Super Soldados por meio do uso de drogas experimentais e cirurgias. Na época, os testes eram realizados apenas em pessoas negras, pois estas vidas eram consideradas “descartáveis” e, assim, suas mortes não eram concebidas como uma perda significativa.

    Super Soldados

    Após um grande volume de óbitos, Isaiah Bradley foi um dos poucos que sobreviveram aos procedimentos, tornando-se um Super Soldado com força, velocidade, resistência e reflexos aumentados. Com incríveis habilidades, ele e seu grupo foram enviados para a Europa para lutar contra os alemães.

    Chegando lá, o esquadrão foi enviado em uma missão para emboscar uma caravana de suprimentos médicos na Alemanha, e apenas Bradley, Canfield e Evans sobreviveram à missão. Alguns meses depois, em Portugal, os Super Soldados foram informados de que seriam comandados por Steve Rogers, o Capitão América que fez tanto sucesso nos blockbusters da Marvel. Isso gerou uma série de assassinatos liderados pela equipe de Walker Price, em que apenas Bradley conseguiu sair vivo, se recuperando em um hospital secreto controlado pelos Estados Unidos.

    Falcão e o Soldado Invernal: Quem é o substituto do Capitão América?

    Por ter sido o único a resistir a tantos ataques, ele foi enviado sozinho para a Alemanha, para cumprir a missão de destruir um campo de concentração em Schwarzbitte, onde os alemães estavam realizando seus próprios experimentos de Super-Soldados, com químicas roubadas do navio de Steve Rogers no Oceano Pacífico.

    Foi então que Isaiah Bradley pegou e modificou o uniforme e escudo do Capitão América, para iniciar sua missão. Durante o período na Alemanha, ele testemunhou os experimentos cruéis do Holocausto, assim como notou a semelhança entre as instalações alemãs e os laboratórios em que teve seus poderes injetados.

    Consequências da missão

    Após ter sido capturado pelos soldados alemães e resgatado pelos membros da resistência anti-Hitler, Isaiah Bradley foi enviado de volta para os Estados Unidos. Em seu país nativo, ele foi levado à corte e preso na penitenciária federal de Leavenworth até, finalmente, receber o perdão presidencial.

    Enquanto Isaiah estava na prisão, o governo tentou usar seu DNA alterado para criar outro Super Soldado. O resultado foi uma criança chamada Josiah, filho genético de Isaiah e sua esposa Faith. Josiah nasceu a partir de uma barriga de aluguel, que o tirou das garras do governo. Depois de tanto sofrimento, Isaiah sofreu deterioração mental devido à natureza instável dos procedimentos aos quais tinha sido submetido. Neste contexto, quando saiu da prisão, ele tinha a capacidade mental de uma criança de seis anos e não conseguia falar.

    Falcão e o Soldado Invernal: Quais filmes da Marvel preciso assistir antes da série?

    Posteriormente, a família de Bradley se expandiu e ele chegou a ser avô de um jovem chamado Elijah que, futuramente, se tornou o Patriota. Já Steve Rogers, que por um bom tempo nunca soube da existência de Isaiah Bradley, chegou a se reconciliar com o homem e os dois se tornaram grandes amigos.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top