Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Falcão e o Soldado Invernal: Conheça o grupo anarquista vilão na série da Marvel no Disney+
    Por Bruno Botelho dos Santos — 25 de mar. de 2021 às 21:00
    facebook Tweet

    Falcão e o Soldado Invernal apresentou os Apátridas como uma grande ameaça nacionalista após Vingadores: Ultimato.

    Falcão e o Soldado Invernal vai mostrar Sam Wilson, o Falcão (Anthony Mackie) e Bucky Barnes, o Soldado Invernal (Sebastian Stantentando dar continuidade ao legado deixado pelo Capitão América (Chris Evans) após Vingadores: Ultimato. Mas novas ameaças devem ameaçar um mundo sem uma grande liderança, que é a premissa apresentada pelos Apátridas.

    Vilão antigo do Capitão América nos quadrinhos da Marvel, Apátrida foi reinventado e atualizado como uma organização aterrorizante, que não só desafia e ameaça Falcão e Bucky Barnes, mas todo o Universo Cinematográfico da Marvel na Fase 4 em grande escala. Pensando nisso, o AdoroCinema separou tudo o que você precisa saber do personagem nos quadrinhos e sua reinvenção para Falcão e o Soldado Invernal. Dá uma olhada!

    Falcão e o Soldado Invernal: Primeiras impressões sobre a série da Marvel no Disney+

    Quem é o Apátrida nos quadrinhos?

    Na década de 1980, o Capitão América lutou contra Karl Morgenthau – que será uma mulher no UCM, interpretada por Erin Kellyman –, um vilão que se autodenominava Apátrida. Nos quadrinhos, ele era apenas um homem zangado que, amargurado pela perda de seu pai diplomata, ele supera sua dor mergulhando o mundo na anarquia na esperança de alcançar a paz mundial por meio de uma nação unificada. 

    O nome é uma descrição precisa de suas visões de mundo, já que ele é essencialmente a antítese do Capitão América e de tudo o que ele representa. Enquanto o herói é visto como um símbolo de patriotismo, ele é o oposto. Para cumprir seu objetivo, Morgenthau fundou um grupo terrorista chamado ULTIMATO, para dar uma força de combate a indivíduos com ideias semelhantes que querem ajudá-lo a tornar seu sonho realidade.

    Com a organiação, ele cometeu vários atos de violência nos Estados Unidos, tudo em nome do antinacionalismo. Suas ações o colocaram em desacordo com o Capitão América, que tentou fazê-lo perceber que seus caminhos estavam errados. As tentativas de herói falharam e Apátrida seguiu dedicado aos seus ideais. A vida dele deu uma guinada quando ele descobriu que ele era apenas um peão na maquinação do maior inimigo do Capitão América, o Caveira Vermelha.

    Falcão e o Soldado Invernal: Conheça todos os personagens da série da Marvel no Disney+

    Aparentemente, o vilão havia secretamente financiado ULTIMATO. Isso levou o grupo a atacar Apátrida e tentar assassiná-lo. O que se seguiu foi uma parceria entre ele e o Capitão América para derrotar o Caveira Vermelha. Juntos, os dois frustraram uma tentativa do ULTIMATO em causar um blecaute nacional e, depois, chegou ao fim. Mas não foi a última vez que o Universo Marvel viu o Apátrida, ele continuou a ser uma ameaça e lutou com outros super-heróis da Marvel, como Deadpool e Justiceiro.

    O personagem depende de suas habilidades físicas, já que não possui poderes, atuando como suas artes marciais, armado com um escudo e um porrete. Ele é um adversário perigoso em combate, mas geralmente é derrotado facilmente por Steve Rogers. Por não possuir a perfeição física, ele costuma utilizar outras armas na batalha, como lança-chamas. Mas seus maiores trunfos durante os anos 1980 foi o grande número de pessoas que ele comandava.

    Apátridas em Falcão e o Soldado Invernal

    Falcão e o Soldado Invernal trará a interpretação para o Universo Cinematográfico Marvel de ULTIMATO, afinal, eles operam como uma unidade – ainda que o personagem Apátrida esteja adaptado, como uma mulher. Esse grupo acha que as coisas eram melhores depois do Blip de Thanos (Josh Brolin) em Vingadores: Guerra Infinita – quando metade do mundo, inclusive diversos super-heróis, foi dizimado. Então, eles planejam restaurar esse status quo lutando pela abolição das fronteiras e do nacionalismo.

    Como eles desprezam o nacionalismo e querem substituí-lo pela anarquia, os personagens devem causar ataques contra qualquer coisa que possa desestabilizar o país e semear o caos, desencadeando grandes incidentes diplomáticos e internacionais. Suas ações no primeiro episódio provam isso. Como são oponentes do nacionalismo, um de seus alvos mais óbvios será John Walker, também conhecido como Agente Americano (Wyatt Russell), que foi escolhido pelo governo como o novo Capitão América.

    Steve Rogers (Evans) pode ter escolhido Sam Wilson para ser seu substituto, mas foi Walker quem o governo escolheu para assumir o manto do Capitão América. Com isso, ele estará na mira dos Apátridas, afinal, matar uma pessoa que age como um símbolo de patriotismo certamente ajudaria a causa deles como uma grande vitória simbólica. 

    O que representa a presença de Anthony Mackie, o Falcão, na Fase 4 da Marvel?

    É notável que o oposto mais extremo de Steve Rogers apareça assim que ele sai. A ascensão dos Apátridas serve para sublinhar a perda de Steve. Como, nos quadrinhos, eles foram feitos sob medida para Steve Rogers, em Falcão e o Soldado Invernal são feitos sob medida para Sam. O Blip tirou tudo dele, com sua familia lutando para sobreviver. Ele tem dificuldades para ajudar seus entes queridos na luta contra a opressão sistêmica com tributo econômico de bilhões de pessoas que reaparecem após 5 anos desaparecidas.

    Sam pode ter problemas para apoiar seu país, vendo como isso o traiu, sua família e não sabendo lidar com legado deixado por seu velho amigo. Por isso, a ameaça mais imediata do grupo anarquista pode ajudar Falcão a assumir sua identidade de liderança nos Estados Unidos e derrotar seus próprios demônios internos.

    Falcão e o Soldado Invernal lança novos episódios toda sexta-feira no Disney+.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top