Minha conta
    Mitos do Pop: Quais segredos a série The Office ainda esconde?
    Por Pablo Miyazawa — 4 de mai. de 2020 às 19:30

    Já faz anos que nos despedimos dos funcionários da Dunder Mifflin, mas alguns mistérios pertinentes continuam sem resposta.

    Nesses tempos de pandemia do novo coronavírus, confinamento e home office, há quem esteja com saudades reais da rotina da vida profissional  em especial, do dia-a-dia dentro de um escritório. E ninguém discorda que exista uma série de TV que melhor retrate o ambiente de trabalho como The Office.

    Criada originalmente em 2001 para a TV britânica BBC Two, a obra ganhou uma versão norte-americana em 2005 — e é essa, estrelada por Steve CarellJohn Krasinski e Jenna Fischer, que se tornou um sucesso mundial, angariando fãs devotos até hoje (ainda mais porque se encontra disponível em duas plataformas de streaming no Brasil, o Amazon PrimeVideo, e a Globoplay). Este ano, The Office US completa 15 anos de sua estreia, o que torna este o momento ideal para revisitarmos as teorias mais bizarras deixadas em aberto quando a história chegou ao fim, em 2013.  

    Será que a série na verdade é uma "investigação" sobre um suicídio ocorrido dentro do escritório? E o famoso "estrangulador de Scranton", será que também era um funcionário Dunder Mifflin? E seria possível que o apaixonado Jim tivesse traído sua amada Pam? E quais as chances reais de o elenco se reunir para fazer novos episódios? Essas são algumas das questões duradouras que vamos analisar neste episódio 54 do Mitos do Pop. Assista acima.

    Apresentado pelo jornalista Pablo Miyazawa, o Mitos do Pop semanalmente desvenda os maiores mistérios do mundo do cinema e da televisão, passando também pelas histórias em quadrinhos, literatura, games, música e internet. Com conteúdo inédito, o programa é inspirado nas histórias contadas no livro 52 Mitos Pop - Mentiras e Verdades nos Boatos do Mundo do Entretenimento, lançado por Pablo em 2016.

    Veja o episódio 54 e clique aqui para conferir mais vídeos do canal do AdoroCinema no YouTube.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top