Minha conta
    Chefão da HBO assume a culpa pela desastrosa segunda temporada de True Detective
    Por Laysa Zanetti — 6 de jan. de 2016 às 12:18

    "E eu acho que aprendemos com isso. Não fazer isso novamente."

    2015 guardou muitas surpresas para os apaixonados por séries de TV, mas poucas foram tão ruins quanto a segunda temporada de True Detective - que ficou bem aquém do elogiado primeiro ano da série. Muito se comentou e especulou sobre os diálogos ruins, a história fraca e os personagens pouco críveis, mas a verdade é que ninguém sabe exatamente o que aconteceu para gerar a brutal queda de qualidade. Será que foi a ausência de Woody Harrelson e Matthew McConaughey? Ou a mudança de diretores? Enquanto a primeira temporada foi dirigida toda por Cary Fukunaga, a segunda teve múltiplas direções. Ou Nic Pizzolatto não teve tempo o suficiente para fazer sua mágica?

    Enquanto o próprio Pizzollato se mantém recluso e não chegou a discutir publicamente a situação de True Detective, o chefe da HBO Mike Lombardo, que não mede esforços para ir a público defender as suas produções, falou com o The Frame e assumiu para si a responsabilidade. Ele explicou que os prazos e a expectativa colocaram muita pressão sobre a equipe. Leia abaixo:

    Reprodução / THR
    Michael Lombardo
    "Vou te dizer uma coisa. Nossa maior falha -- não sei se considero True Detective 2 -- mas quando nós dizemos para alguém cumprir um prazo para ir ao ar, ao invés de deixar a escrita encontrar seu próprio ritmo natural, quando estiver pronto -- nós falhamos. E eu acho que neste caso em particular, a primeira temporada de True Detective foi uma coisa que Nic Pizzolatto veio elaborando, gestando, por um longo período de tempo. Ele é um escritor emotivo. Eu acho que o que nós dissemos foi, 'Beleza.' E eu assumo a culpa. Eu virei muito um executivo da empresa neste ponto. Tivemos um grande sucesso. 'Nossa, eu adoraria repetir isso no ano que vem'.


    Sabe de uma coisa? Eu armei para ele. Para entregar, em um curto período de tempo, uma coisa que se tornou muito desafiadora para ser feita. Não é assim que a série é. Ele precisou reinventar a roda, por assim dizer. Encontrar a musa. E eu acho que aprendemos com isso. Não fazer isso novamente.

    E eu adoraria ter a certeza de saber exatamente como será o meu próximo ano. Eu poderia enumerar as coisas. Mas eu não vou começar a apostar até que os roteiros estejam prontos."

    Apesar de um pouco inesperado - não é muito comum CEOs saírem por aí assumindo a culpa por algo que deu errado, a resposta de Lombardo é muito gratificamente, e explica melhor o motivo de a terceira temporada de True Detective estar em um aparente limbo. A HBO certamente ainda está interessada na série, e até renovou o contrato com o showrunner, mas deixa o caminho livre para ele ter o seu tempo criativo para desenvolver a história à sua maneira. Aí sim!

    Sob esta nova luz, a confiança e as expectativas se renovam a respeito de uma ainda distante terceira parte da antologia policial. Mas, para você, leitor, como a série deve abordar o terceiro ano após as recepções tão contraditórias da segunda temporada?

     

    Sdds S01.
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top