Minha conta
    Antes da fama: 10 papéis de Chris Pratt dos quais você talvez não se lembre
    Por Renato Hermsdorff — 31 de jul. de 2015 às 07:55

    “´Oh, wait!´ Ele era um dos marines de A Hora Mais Escura?”

    De patinho feio a um dos astros mais cobiçados de Hollywood: essa é a trajetória de Chris Pratt no último ano. Ele ficou conhecido como Andy, o gordinho bonachão (e mega engraçado) da série Parks and Recreation (2009-2015); malhou um bocado e abocanhou o papel do herói Peter Quill, do universo cinematográfico da Marvel Guardiões da Galáxia (2014) – terceira maior bilheteria no mundo no ano passado; e correu para o abraço como o protagonista de Jurassic World – Mundo dos Dinossauros (2015), que já é o terceiro filme de maior renda da história mundial.

    Tamanha rentabilidade, é claro pôs o ator no mapa – dos estúdios. Agora, sempre que a indústria pensa em um reboot, remake ou continuação, logo um executivo levanta a mão e pergunta: “e se fosse com o Chris Pratt?” Quem dever ser o novo Indiana Jones? “Já pensaram no Chris Pratt?”, pergunta o engravatado. E se fizéssemos um filme solo do Han Solo? “Hum... Chris Pratt?” O que acham de um novo Caça-Fantasmas? “Esse vai ser com protagonistas femininas mesmo” (“Mas bem que podíamos maquiar o Chris Pratt”). É, aos 36 anos, o marido da atriz Anna Faris está na crista da onda.

    Por ora, o que se sabe é que, além das sequências de Guardiões da Galáxia e Jurrassic World, o ator será visto ao lado de Jennifer Lawrence em Passengers - do diretor de O Jogo da Imitação; e na refilmagem de Sete Homens e um Destino. Mas... e antes desse sucesso todo, o que fazia, por onde andava, do que se alimentava? Confira no Globo Repórter nas páginas a seguir.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top