Minha conta
    François Truffaut ganha exposição no MIS de São Paulo
    Por Rodrigo Torres — 14 de jul. de 2015 às 08:08

    "Truffaut: um cineasta apaixonado" vai revelar a obra do ícone da Nouvelle Vague por meio de desenhos, fotos, livros, revistas, roteiros com anotações... e filmes, claro!

    Museu da Imagem e do Som (MIS) de São Paulo, casa de exposições de grande sucesso como as dedicadas ao músico David Bowie e à série Castelo Rá-Tim-Bum, será, a partir de hoje e pelos próximos meses, a casa predileta dos amantes de cinema francês, com "Truffaut: um cineasta apaixonado".

    Durante apenas 52 anos de vida, François Truffaut viveu o suficiente para deixar um legado inestimável no mundo. Artista proeminente na fundação da Nouvelle Vague, o cineasta parisiense terá o valor de sua obra explorado em 600 itens, como desenhos, fotos, livros, revistas, roteiros com anotações e objetos variados. E, é claro, material audiovisual, como trechos de filmes e entrevistas do cineasta.

    Originalmente realizada na Cinemateca Francesa, o MIS-SP será o primeiro local fora da França a exibir a exposição, e devido ao trabalho exemplar e de cunho educador demonstrado pelo espaço em mostras dedicadas a outras lendas do cinema, como Stanley Kubrick e Georges Méliès. Segundo o diretor executivo André Sturm, a marca do MIS é transformar tais eventos "em uma experiência sensorial", algo garantido na exposição do diretor de Os Incompreendidos, Jules e Jim e outros clássicos.

    "Truffaut: um cineasta apaixonado" será realizada entre 14 de julho e 18 de outubro de 2015, de terça a domingo. Para mais informações, acesse o site do MIS-SP.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top