Minha conta
    Quentin Tarantino o define como o “filme de monstro gigante perfeito” e é a grande influência de Godzilla e Kong: O Novo Império
    Evelyn Souza
    Evelyn Souza
    Conquistada pela cultura pop, Evelyn adora assistir e discursar sobre filmes teens, de todas as gerações, e aqueles que quase ninguém ouviu falar. Além de ser dorameira e tentar usar seu coreano ínfimo em todas as oportunidades.

    O filme favorito de Nicolas Cage.

    Quase um mês após seu lançamento, Godzilla e Kong: O Novo Império é o segundo filme de maior bilheteria do ano. Em seu fim de semana de estreia arrecadou 194 milhões de dólares mundialmente, atrás apenas de Duna: Parte 2.

    Uma das grandes influências do filme é a era Showa dos kaiju, mas principalmente aquela em que ao invés do lagarto gigante lutavam apenas macacos com pelos diferentes, como a grande batalha que acontece na sequência de Godzilla vs Kong. Trata-se de A Invasão dos Gargantuas, que Quentin Tarantino definiu como o “filme de monstro gigante perfeito”.

    Godzilla e Kong - O Novo Império: Desempenho do filme em bilheteria pode definir os rumos de mais uma sequência

    Captura de pressão peluda

    Não só isso, mas é o filme preferido de Nicolas Cage, e ele se destaca entre todos as obras do mestre Ishirō Honda, pois segundo ele é "fantástico e tão estranho, embora as criaturas e os efeitos especiais sejam impressionantes, também tem muito sentimento pessoal em sua essência." Tim Burton o menciona como um de seus favoritos de todos os tempos, Brad Pitt revelou na cerimônia do Oscar que foi o primeiro longa que ele se lembra de ter visto e Guillermo del Toro diz que foi sua principal influência em Círculo de Fogo.

    O curioso deste clássico dos anos 60 é que se trata de um filme de ação e monstros em que duas criaturas chamadas Gargantuas se enfrentam no Japão (o que é referenciado diretamente no novo filme de Adam Wingard), sendo uma delas um experimento de um laboratório por dois cientistas (interpretados por Russ Tamblyn e Kumi Mizuno), que "aconselham" quando a destruição é desencadeada. Às vezes é conhecida como a história de Cain e Abel do estúdio Toho.

    Toho

    Seu título original revela sua verdadeira origem, Furankenshutain no kaiju: Sanda tai Gaira, nome que evoca um certo monstro clássico da Universal, não por acaso. A Invasão dos Gargantuas começou como uma sequência direta de Frankenstein Contra o Mundo (Furankenshutain tai chitei kaijû Baragon, 1965), de Toho, mas nos Estados Unidos foi considerado um filme independente, com a irônica coincidência de ter sido lançado em 1970 ao lado de A Guerra dos Monstros, estrelado por Nick Adams, que também atuou naquela primeira produção.

    Muito mais do que brigas dentro de trajes

    Seu sucesso nos Estados Unidos criou esse efeito entre a geração Baby Boom, e cinéfilos como Quentin Tarantino não apenas o consideram um grande kaiju, mas, explicou na produção do DVD de Kill Bill – Volume 2, que ele o teve como referência para dirigir sua luta entre Elle Driver (Daryl Hanna) e a Noiva (Uma Thurman), e ainda pediu aos dublês de Hanna e Thurman que estudassem as cenas de luta do filme para sua batalha épica.

    Próximo vilão de Godzilla pode ser um personagem clássico da franquia: Diretor de O Novo Império sugere retorno importante

    Seu impacto neste e em outros como o atual Godzilla e Kong, na cena em que Kong zumbindo com outros primatas parece um remake de algum momento daquele, pode ser devido ao fato de os dois gigantes que lutam serem macacos humanoides, o que ofereceu muito mais liberdade aos atores dentro dos trajes para lutarem como humanos, impedimento que fez sofrer a ação de outros com monstros gigantes dos anos 60 e 70.

    Toho

    Mas não é apenas um filme influenciado por suas cenas de luta, mas também é frequentemente considerado um dos mais assustadores entre todos os longas de monstros gigantes de Toho, por exemplo, por cenas perturbadoras como aquela em que o gorila verde, Gaira, olha para um homem em um barco debaixo d'água. Outra cena polêmica mostrou Gaira enfiando uma mulher na boca antes de devorá-la. Na versão americana ele até cuspiu o vestido depois de terminar.

    *Tradução de site parceiro do AdoroCinema

    Godzilla e Kong: O Novo Império
    Godzilla e Kong: O Novo Império
    Data de lançamento 28 de março de 2024 | 1h 55min
    Criador(es): Adam Wingard
    Com Rebecca Hall, Brian Tyree Henry, Dan Stevens
    Usuários
    4,2
    Adorocinema
    3,5
    Assista agora em Max

    Fique por dentro das novidades dos filmes e séries e receba oportunidades exclusivas. Ouça OdeioCinema no Spotify ou em sua plataforma de áudio favorita, participe do nosso Canal no WhatsApp e seja um Adorer de Carteirinha!

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Comentários
    Back to Top