Minha conta
    Lara Deus
    Lara Deus
    Coordenadora
    Biografia

    Sou jornalista formada pela Universidade de São Paulo (USP) e atualmente faço pós-graduação em Jornalismo de Dados, Automação e Data Storytelling pelo Insper, em São Paulo. Em paralelo ao trabalho como editora-chefe do AdoroCinema, também sou repórter e correspondente de Pirituba da Agência Mural de Jornalismo das Periferias.

    Durante a minha carreira, já passei por redações de educação, ciência, saúde, beleza e agora sou editora-chefe do AdoroCinema.

    Como cheguei até aqui

    O primeiro trabalho remunerado que tive foi em um projeto de educomunicação, em que pude aprender muito sobre didática. Depois, fiz parte da redação da Agência USP de Notícias, escrevendo notas e matérias sobre a produção científica da universidade em que estudava. Em seguida, voltei à área de educação atuando em uma editora de revistas segmentadas para professores.

    Fora das redações, também fui assistente de comunicação em uma empresa de tecnologia. Minhas experiências mais recentes incluem a cobertura de saúde e bem-estar no Minha Vida, site do grupo Webedia do qual fui repórter e editora.

    Minha história com a cultura começou bem cedo, quando ainda era uma criança de colo. Meus pais trabalham com teatro, e, um pouquinho mais tarde, aos sete anos, estreei nos palcos. Depois de algumas peças ao longo da infância e adolescência, preferi encerrar essa “carreira” e enveredar para a área de comunicação.

    Atuar na cobertura cultural é a realização de uma missão muito importante para mim: fazer com que mensagens positivas - de esperança, conhecimento ou amor - ecoem por aí e toquem mais corações.

    Meus interesses

    É possível perceber que minha trajetória profissional já abrangeu muitos segmentos, e assim também são meus interesses culturais.

    Ao mesmo tempo em que amo filmes e séries adolescentes da Netflix e Disney, sou apaixonada pelo cinema latino-americano que nem sempre ganha espaço no circuito comercial. Antes da COVID-19, eventualmente frequentava cinemas como Belas Artes, CineSesc e Reserva Cultural em mostras de filmes menos conhecidos.

    Por isso, é muito difícil definir meu título favorito, e preciso de algumas “categorias” para ser justa com todos os meus interesses. Quer ver?

    Um filme: Brilho Eterno De Uma Mente Sem Lembranças (2004)

    Um filme brasileiro: Central do Brasil (1998)

    Um documentário: Amarelo - É Tudo Pra Ontem (2020)

    Uma série: Jane, The Virgin

    Uma cena icônica: Regina Casé entrando na piscina em Que Horas Ela Volta (2015)

    Para rir: Maratona de How I Met Your Mother

    Para chorar: O Ano Em Que Meus Pais Saíram de Férias (2006)

    Para levar susto: Nós (2019)

    Um cineasta: Spike Lee

    Uma atriz: Yael Grobglas

    Um ator: Terry Crews

    Um personagem: Rebecca Bunch, de Crazy Ex-Girlfriend

    Uma música: Principia, do Emicida

    Um grupo: Racionais MC’s

    Back to Top