Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Coisa Mais Linda
    Críticas dos usuários
    Críticas da imprensa
    Média
    4,5
    270 notas e 40 críticas
    distribuição de 40 críticas por nota
    30 críticas
    7 críticas
    2 críticas
    1 crítica
    0 crítica
    0 crítica
    Você assistiu Coisa Mais Linda ?
    Pedro F.
    Pedro F.

    Segui-los 18 seguidores Ler as 128 críticas deles

    5,0
    Enviada em 2 de junho de 2019
    É uma excelente série que fala de assuntos muito interessantes de uma forma muito divertida, tendo uma trama muito boa e imprevisível.Contando com excelentes atuações,personagens,músicas e visual conseguindo arrancar risos e choros.Coisa Mais Linda é uma série que surpreende de forma muito positiva!
    Rozimar D
    Rozimar D

    Segui-los Ler a crítica deles

    4,5
    Enviada em 24 de março de 2019
    Adorei 👏👏👏👏👏👏 Sinceramente, por ser nacional fiquei impressionada, sabemos o quanto é difícil e caro fazer uma série quase perfeita 😁 Mas sabemos como nós brasileiros somos né kkkkkkk parabéns a todos os envolvidos na série Coisa mais linda. Essa opinião de uma pessoa comum, não sou especialista.
    daniellerportela
    daniellerportela

    Segui-los 2 seguidores Ler as 5 críticas deles

    5,0
    Enviada em 24 de março de 2019
    Um seriado sobre mulheres fortes que traz temas muito necessários como feminismo, machismo e racismo. São apenas sete episódios e quando você perceber passou a madrugada a dentro assistindo o seriado até acabar porque ele prende o telespectador. Você vai se apaixonar pelos personagens. Só não gostei muito da atuação do casal protagonista. Não me convenceram muito e não senti muita química entre eles. Acredito que isso deva melhorar na segunda temporada. O final do sétimo episódio é surpreendente. Aguardo os próximos capítulos. Recomendo demais.
    Mari T.
    Mari T.

    Segui-los Ler as 10 críticas deles

    4,0
    Enviada em 26 de março de 2019
    É uma série com muito potencial. Porem, acaba tratando tudo com muita superficialidade, fica dificil realmente se identificar e envolver com os personagens. Porém, o que realmente incomoda é o fato de uma série que se passa por feminista, dar tanto close em seios e no corpo feminino. Enquanto o corpo dos homens nao é tratado da mesma maneira. Engraçado ter tanta mulher de lingerie e calcinha, enquanto os homens mal aparecem sem camisa. É aquele feminismo para vender e nao para viver.
    Carlos Eduardo M.
    Carlos Eduardo M.

    Segui-los Ler a crítica deles

    2,0
    Enviada em 24 de março de 2019
    A série peca pelo roteiro pobre e pela reconstituição histórica capenga. Se você espera um "Mad Men" brasileiro, fique esperando... O arco da personagem principal tem diversos problemas e tornam o roteiro pouco crível...: ela fica no Rio porque seu filho quer ver o mar, ela faz contrato com uma parceira de trabalho e reforma um bar sem ter dinheiro, ela propõe sociedade com um empresário da música sem ser ninguém, sem ter experiência e sem conhecer a música do Rio (e a série deixa a entender que a negativa do Roberto foi injustiça com a pobre moça). Além do roteiro infantil a reconstituição histórica deixa à desejar... parece a estética da Globo: tudo limpo, lindo, bonitinho demais, parece apresentação de alunos em escola particular... as cenas q se passam no morro são as piores. Os músicos que na vida real eram boêmios mirrados, na tela são rapazes bombados com cabelo do Elvis. Pra completar a série gira em torno da canção e os atores dublam muito mal pois a sincronização entre bocas, instrumentos e o som efetivo é péssima. Você precisa de muita boa vontade pra acreditar que a música acontece. Aliás, precisa de muita boa vontade pra assistir essa série de roteiro pobre e direção de arte que passa pouca credibilidade histórica.
    Júnior Wandeir
    Júnior Wandeir

    Segui-los Ler as 4 críticas deles

    3,0
    Enviada em 12 de julho de 2019
    Eu, @JrWandeir (Instagram, Twitter e Snapchat), Acesso disponível na Netflix, contém o elenco é bem selecionado brasileiros de atores e atrizes bem renomeados , como: Maria Cadadevall, Patty Dejesus, Fernanda Vasconcélos, que tem um histórico de trabalhos na TV Ática não aberta chamada Rede Globo com ótimas atuações. A série ela contém sete temporadas algumas com 56 minutos, 46 minutos, 43 minutos, 40 minutos e 34 minutos. A série se passa pelos anos 80, Eu acho porque na série infelizmente não falar qual o ano que é vivido aquele drama, onde percebi que fala muito da mulher ganhar vozes, Ganhar esparso no Brasil ou seja especificamente no Rio de Janeiro onde a d ganhar esparso no Brasil ou seja especificamente no Rio de Janeiro onde ocorre todos os fatores. onde tem diversos tipos de mulheres uma negra que foi engravidada pelo patrão, na casa onde ela era faxineira, Tenha mulher de pele brasuca bonita e rica que era de São Paulo e se muda para o Rio de Janeiro para construir o bar dançante que naquela época chamado de clube dance, outro perfil de mulher que era modelo não gosta de ser modelo e quer seguir outra profissão sendo escritora de um jornal e outro perfil de mulher que já atua na área do setor de escritório como colunista, Que tentar no seu local de trabalho não colocar somente o machismo nas publicações e sim liberar as ideias feministas ou seja que a mulher não ser subi missa ao homem ela de volta atitude e seu modo de pensar agir fazer, claro que é onde vários rapazes dentro do local de trabalho é criticar a sua postura. contém cenas muito forte de mulher sendo agredida pelo seu esposo e cenas fortes de sexo, cenas também de muitas personagens fumando e muitas cenas envolvendo músicas. Só que eu fiquei meio confusa por isso que eu dei três estrelas entender um pouco do roteiro desse seriado que eu não sei se eles eram da época da ditadura militar ou se era do prato agir e pensar daquela época do século passado, eu achei a construção pouco confusa pelo autor que a criação de , HEATHER ROTH, GIULIANO CEDRONIO, não entendi muito bem o que o autor de criação quis passar pra gente que está assistindo que muito confusa em relação a tudo mais que eu pode dizer que tem a construção de uma história boa do elenco é maravilhoso mas falta mais clareza pra gente entender por que iniciar no início atriz, Com as malas nas mãos já entrando no local acho que vai ser o clube bar onde as pessoas vão beber e dançar e cantar eu achei um pouco sem nexo. mais convido você a assistir apreciar o que está disponível na Netflix para você ter sua opinião sua construção e pode interagir comigo aqui em relação a essa série
    Betto M
    Betto M

    Segui-los 1 seguidor Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 6 de abril de 2019
    A série é verdadeiramente centrada na mulher. As atrizes se encarregam de apresentar, desenvolver e fechar cada arco dramático importante. Uma produção esmerada com fotografia linda demais. Um orgulho para as produções brasileiras.
    Lucas N.
    Lucas N.

    Segui-los Ler as 24 críticas deles

    4,0
    Enviada em 7 de julho de 2020
    Muito boa essa série da Netflix brasileira falta melhorar algumas coisas mais de qualquer jeito está boa.
    Admilson M
    Admilson M

    Segui-los Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 24 de março de 2019
    Sem Síndrome do Cachorro Vira Lata( grande apreciação por tudo que vêm de fora ignorando a própria cultura). A sério é perfeita em todos os aspectos! ❤️
    Jackson S
    Jackson S

    Segui-los Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 26 de março de 2019
    Linda série. Melhor produção nacional da Netflix. Lindo texto, belas imagens, pressionava apaixonantes. Adorei de verdade!!!
    Yuri G
    Yuri G

    Segui-los Ler a crítica deles

    4,5
    Enviada em 24 de março de 2019
    Gostei muito da série, elenco e produção, devemos dar atenção e valor ao cinema brasileiro, história inspirada em 1959 com temas polêmicos que até hoje rondam nossa sociedade. Achei incrível as abordagens, assistam!!
    Silvia L
    Silvia L

    Segui-los Ler a crítica deles

    4,0
    Enviada em 1 de abril de 2019
    Fascinante... Além de apresentar uma velha - e infelizmente tão nova - discussão, em que são mostradas as dificuldades de se ser mulher no mundo (seja ela branca ou negra, rica ou pobre., jovem ou madura), a fotografia é matadora e a trilha, excelente. O figurino... Ah, o figurino!!!
    Bruno F
    Bruno F

    Segui-los Ler as 3 críticas deles

    4,0
    Enviada em 29 de junho de 2020
    Um prato cheio pra quem quer conhecer o Rio de Janeiro do final dos anos 1950 e início dos anos 1960. Uma época de ouro para o Rio e para o país. Brasil bi-campeão do mundo de futebol, economia crescendo, bossa nova explodindo no mundo. Apesar de tantas coisas boas e belas, o país tb tinha suas mazela: machismo, misoginia e racismo são retratados. Ótimos atores e direção de arte, linda fotografia, boa música, uma história legal! Não dou 5 estrelas, pois soa em alguns momentos inverossímil e forçado, nada que comprometa muito! Recomendo!
    tefinstavel
    tefinstavel

    Segui-los Ler as 4 críticas deles

    4,0
    Enviada em 27 de maio de 2019
    Muito bom, seriado para quem aprecia a cultura, principalmente a brasileira. O final é previsível(brasileiro tem fama e aprecia uma tragédia de cliffhanger). É um seriado que trabalha bem sua proposta porém deixou muitas pontas soltas, principalmente voltadas ao ex esposo da personagem principal. Não dei nota máxima pois segue o padrão de filmes/seriados brasileiros e eu acredito que havia o potencial de fazer algo inovador e chamativo ao mesmo tempo e acabou ficando na mesmice pq é o que vende(tecnicamente). Aguardo próxima temporada para quem sabe mudar minha opinião.
    Economizando com Y
    Economizando com Y

    Segui-los Ler as 3 críticas deles

    5,0
    Enviada em 1 de maio de 2019
    Show! Simplesmente amei! Só acho q tem q vir logo a segunda é a terceira temporada. É óbvio q a Lígia não pode ter morrido muito menos a Malu.
    Back to Top