Meu AdoroCinema
Dane DeHaan admite: "Passei várias horas nas filmagens de A Cura sendo torturado" (Entrevista exclusiva)
Por Francisco Russo, com a colaboração de Renato Furtado — 16/02/2017 às 09:02
facebook Tweet G+Google

O ator fala sobre o filme mais assustador que fez, segundo o próprio.

Você acha que rodar um filme de suspense é fácil? Dane DeHaan tem certeza que não!

Em entrevista exclusiva concedida ao AdoroCinema, o protagonista de A Cura logo classificou as filmagens como um "pesadelo". "Eu passo por muitas coisas no filme e tudo é realmente aterrorizante. Essa é a atmosfera na qual o filme foi criado. Passei várias horas nas filmagens sendo torturado e, quando ia para casa, tinha muitos pesadelos. Mas foi divertido. É o meu trabalho."

Intérprete de um executivo de Wall Street chamado para resgatar o CEO da empresa em que trabalha de um spa localizado nos belíssimos Alpes Suíços, DeHaan admitiu que A Cura foi o filme mais assustador que fez (até o momento). "Passo por situações de tortura muito loucas! Fico bastante tempo submerso, sofro acidentes de carro e mais um monte de coisas que você verá no filme e que te farão entender que foi uma experiência insana."

Confira abaixo os principais destaques da conversa que tivemos com o ator. Vale lembrar que A Cura estreia hoje nos cinemas brasileiros.


CENAS SUBMERSAS

O trailer de A Cura já revela uma cena claustrofóbica em que Dane DeHaan está em um imenso tanque cheio d'água, sem ter como sair - algo que deixou o ator bem incomodado. "Foi insano filmar essa cena, levamos uma semana para rodarmos. Tive que ficar em posição horizontal o tempo todo, então fiquei preso no tanque para ficar deste jeito e tive que respirar por um tubo. Foi insano, intenso."


FONTE DE INSPIRAÇÃO

Desde o início, a intenção era que A Cura fosse parecido com os suspenses psicológicos dos anos 1970. "Gore [Verbinski] queria fazer um filme que lembrasse filmes de terror deste tipo, como O Iluminado ou O Bebê de Rosemary. Estes filmes de terror, que são os meus filmes de terror favoritos, foram uma inspiração. Mas eu também acho algo interessante sobre nosso filme é que ele foi feito em 2016, então nós conseguimos fazer muitas coisas que eles não conseguiram fazer à época por causa da tecnologia."

"A Cura não é um filme que se baseia em violência gráfica ou em cenas que te dão sustos. É um suspense psicológico, não é um filme assustador que foi feito de maneira barata, de qualquer jeito. É um filme assustador que foi feito com muito cuidado e com muito esforço para atingir o visual, o tom e a engenharia de som que queríamos", explicou.


MUNDO CORPORATIVO

Em meio ao clima de suspense em torno do que acontece no misterioso (e idílico) spa, A Cura traz também uma análise sobre o mundo corporativo, até mesmo com um quê filosófico. "O filme fala sobre uma doença que existe na sociedade atual e meu personagem é um representante dessa doença. Ele trabalha, trabalha, trabalha, mas só para o seu crescimento pessoal, para acumular riqueza e bem-estar", explica o ator. "No spa ele encontra a cura para sua doença, algo que ele pensava ser justamente seu bem-estar. Aí, ele começa a se perguntar o que é a saúde, o bem-estar e se as coisas que as pessoas fazem para serem saudáveis realmente valem a pena, se essas coisas realmente funcionam ou se existem apenas por existir."

Por mais que aborde questões pertinentes aos dias atuais, Dane afirma que o objetivo maior do filme é realmente assustar o espectador. "Acho que é mais assustador, mais aterrorizante e mais divertido do que filosófico. É um suspense psicológico muito inteligente. Mas o que é interessante sobre o filme é que ele realmente faz essas perguntas filosóficas, não é mero entretenimento. É um filme que se aprofunda na condição humana, algo que é muito importante, mas o principal objetivo do filme é assustar e entreter."


ESTILO GORE VERBINSKI

Algo que logo impressiona em A Cura é o apuro com a fotografia, que rende imagens belíssimas - uma marca registrada do diretor Gore Verbinski, que fez também O ChamadoA Mexicana e os três primeiros filmes da franquia Piratas do Caribe.

Segundo Dane DeHaan, o diretor é extremamente metódico e detalhista, trabalhando lentamente por saber bem o que deseja. Não foi a toa que as filmagens duraram cinco meses! "A cena do acidente de carro é um bom exemplo de como Gore Verbinski filma", explica. "Nós levamos cinco meses para filmar essa cena. A cada dia nós filmamos um pedaço da cena, dependendo do que ele queria fazer e do local onde estávamos. É uma sequência complicada, mas quando o público vir perceberá que é uma das melhores cenas de acidentes de carro da história. Isso é incrível!"


O AdoroCinema viajou a Nova York a convite da Fox Filmes do Brasil.

facebook Tweet G+Google
Links relacionados
Pela web
Comentários
Mostrar comentários
Siga o AdoroCinema
Trailers
Uma Família de Dois Trailer Legendado
Uma Família de Dois Trailer Legendado
4 463 visualizações
Meu Malvado Favorito 3 Trailer (2) Dublado
Meu Malvado Favorito 3 Trailer (2) Dublado
33 167 visualizações
Homem-Aranha: De Volta ao Lar Trailer (3) Legendado
Homem-Aranha: De Volta ao Lar Trailer (3) Legendado
15 102 visualizações
Carros 3 Trailer (3) Dublado
Carros 3 Trailer (3) Dublado
4 637 visualizações
Perdidos em Paris Trailer Legendado
Perdidos em Paris Trailer Legendado
2 123 visualizações
Transformers: O Último Cavaleiro Trailer (5) Legendado
Transformers: O Último Cavaleiro Trailer (5) Legendado
10 080 visualizações
Todos os últimos trailers
Notícias de cinema Entrevistas
Marcus Majella não está otimista sobre futuro de Vai Que Cola nos cinemas (Entrevista Exclusiva)
NOTÍCIAS - Entrevistas
sábado, 17 de junho de 2017
Marcus Majella não está otimista sobre futuro de Vai Que Cola nos cinemas (Entrevista Exclusiva)
O Estranho que Nós Amamos: "Foi bom inverter as coisas e fazer com que Colin Farrell fosse o objeto", avisa Sofia Coppola (Entrevista Exclusiva)
NOTÍCIAS - Entrevistas
quinta-feira, 15 de junho de 2017
O Estranho que Nós Amamos: "Foi bom inverter as coisas e fazer com que Colin Farrell fosse o objeto", avisa Sofia Coppola (Entrevista Exclusiva)
Últimas notícias de cinema Entrevistas
Filmes da semana
de 22/06/2017
Meus 15 Anos
Meus 15 Anos
Diretor: Caroline Fioratti
Elenco: Larissa Manoela, Rafael Infante, Daniel Botelho
Trailer
O Círculo
O Círculo
Diretor: James Ponsoldt
Elenco: Emma Watson, Tom Hanks, John Boyega
Trailer
Ao Cair da Noite
Ao Cair da Noite
Diretor: Trey Edward Shults
Elenco: Joel Edgerton, Kelvin Harrison Jr., Carmen Ejogo
Trailer
Divinas Divas
Divinas Divas
Diretor: Leandra Leal
Elenco: Jane di Castro, Rogéria, Divina Valéria
Trailer
Mulher do Pai
Mulher do Pai
Diretor: Cristiane Oliveira
Elenco: Maria Galant, Marat Descartes, Veronica Perrotta
Trailer
Frantz
Frantz
Diretor: François Ozon
Elenco: Pierre Niney, Paula Beer, Ernst Stötzner
Trailer
Lançamentos da semana
Back to Top