Meu AdoroCinema
Sem Evidências
Críticas AdoroCinema
2,5
Regular
Sem Evidências

Reconstituindo a história

por Lucas Salgado

O caso que ficou conhecido como os "Três de West Memphis" movimentou a sociedade norte-americana no início dos anos 90, com grandes repercussões ao longo das duas próximas décadas. Em 1993, três crianças foram brutalmente assassinadas em West Memphis, Arkansas, num cenário em que se apontava para a realização de um ritual satânico. Mas os três de West Memphis não são os garotos mortos, mas sim os três que acabaram processados.

Sem Evidências - PosterA trilogia documental Paradise Lost, de Joe Berlinger e Bruce Sinofsky, trata o caso de forma fantástica e merece ser conferida. Outro doc, West of Memphis, é menos complexo, mas retrata de forma eficiente a participação da classe artística no caso. Os três suspeitos eram garotos que ouviam rock, usavam roupas pretas e tinham certo interesse no oculto, sendo colocados em julgamento mais pela forma como se vestiam e viam o mundo do que por condutas realmente suspeitas.

Sem Evidências, do cultuado Atom Egoyan, busca contar esta história. O longa é bem convencional, mas consegue construir bem uma tensão, principalmente no momento em que são realizadas as buscas pelas crianças.

A filme conta com 114 minutos, o que é muito pouco para um caso tão complexo. Para terem uma ideia, os três filmes da série Paradise Lost possuem, somados, 401 minutos, ou seja, 6 horas e 41 minutos. Obviamente, não queria que Sem Evidências tivesse seis horas de duração, mas, ao final, é clara a sensação de que ficou faltando algo. Se o caso lhe interessar, não deixe de conferir os documentários.

Colin Firth, que volta a trabalhar com o diretor depois de Verdade Nua, interpreta Ron Lax, um investigador que oferece seus serviços aos suspeitos. Ele atua ao lado dos advogados de defesa, o que não lhe dá muita popularidade na região, uma vez que o povo busca por uma solução rápida do caso e para definir logo os culpados. Reese Witherspoon vive Pam Hobbs, a mãe de um dos garotos assassinados. Ela entrega uma grande atuação, sendo vista bem desglamourizada em cena. O elenco conta ainda com as participações de Mireille EnosAlessandro NivolaAmy RyanDane DeHaanStephen MoyerKevin Durand. Com exceção de Moyer, que é basicamente a versão advogado de seu personagem em True Blood, ninguém compromete.

Adaptação do livro "The Devil’s Knot: The True Story of the West Memphis Three", o longa tem um bom trabalho de direção de arte e reconstituição. Por sinal, demonstra uma clara vontade de fazer seus atores parecidos com os personagens reais.

The Devil’s Knot (no original) tem problemas para desenvolver o suspense e também não funciona muito bem como drama de tribunal, ao oferecer cenas repetitivas e má conduzidas. Ainda assim, acaba colhendo o fruto de ter escolhido uma história fascinante para contar.

Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas do AdoroCinema

Comentários

Mostrar comentários
Back to Top