Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Tirando o Atraso
    Críticas AdoroCinema
    0,5
    Horrível
    Tirando o Atraso

    Vexame

    por Francisco Russo
    Era uma vez um ator por muitos considerado o melhor de sua geração. Ganhou duas estatuetas do Oscar, uma de coadjuvante e outra como ator principal, por desempenhos aplaudidos e reconhecidos mundo afora. Disputava uma competição sadia com outro monstro de sua época, Al Pacino, ao ponto do encontro dos dois ser saudado como grande acontecimento cinematográfico. Entretanto, o canto da sereia o fisgou ao notar que, graças ao estereótipo de suas grandes atuações, poderia fazer rir. Da primeira comédia, Máfia no Divã, ainda vieram aplausos. A possibilidade de lucro fácil na reta final da carreira fez com que enveredasse de vez neste caminho, abandonando tudo aquilo que o tornara um ator de excelência. Os roteiros pioraram, a quantidade de filmes ruins aumentou, mas nada, absolutamente nada, que chegasse aos pés de Tirando o Atraso. Robert De Niro, enfim, chegou ao fundo do poço.

    Tirando o Atraso - FotoUma constatação que chega com uma boa dose de tristeza. Afinal de contas, onde está o ator instigante e inquieto de Touro Indomável, Taxi Driver e Cabo do Medo? Se já era triste vê-lo no piloto automático em todo tipo de comédia (tola) de situação, simplesmente explorando sua carranca notória, Tirando o Atraso consegue ir alguns degraus abaixo ao trazer De Niro em situações vergonhosas. E não se trata de perder o respeito por si mesmo ou sua carreira, pois isto De Niro parece já ter deixado para trás há tempos. Trata-se de ter a mínima consciência sobre (a falta de) qualidade e mau gosto, discernimento necessário para todo aquele que trabalha no meio artístico. Simples assim.

    Talvez de olho em uma nova faixa de público (???), De Niro agora investe pesado na seara das comédias politicamente incorretas, a qual o parceiro de cena Zac Efron já vinha perambulando há algum tempo. O problema não é nem a existência de piadas sujas, que podem fazer rir (bastante) quando bem colocadas - o que jamais acontece aqui, é bom deixar claro. A questão maior é o tom histérico imposto pelo diretor Dan Mazer, que busca o choque a todo custo. Seja através de piadas preconceituosas e ofensivas, apelando para trocadilhos infames envolvendo filmes e frases famosas, ou pelos clichês jogados na tela de forma que se construa alguma história em torno deles. Afinal de contas, elaborar para quê? Basta colocar mais uma piada sexual ou de flatulência que está tudo bem...

    Tirando o Atraso - FotoCom uma quantidade incrível de idiotices por minuto, Tirando o Atraso consegue a proeza de se tornar insuportável logo em seus primeiros 15 minutos. Há (vários) momentos em que mesmo a vulgaridade e a ausência de inteligência defendidas pelo roteiro de John Phillips ultrapassam qualquer limite, já que a intenção maior é ir fundo no absurdo. É bem verdade que no terço final há uma guinada mais convencional, de forma a fortalecer laços familiares entre os dois protagonistas e entregar alguma conclusão à história absolutamente estereotipada, mas até lá o estrago é irremediável. Não há salvação.

    E o pior: a sensação que fica é que De Niro realmente se divertiu ao rodar este longa-metragem. Triste fim de carreira.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema

    Comentários

    • Bela merda de crítica, cinema não é só oscars
    • Matheus Silveira
      Mano, tua vida deve ser muito triste, o cara escreve textão porque o cara quis fazer filme de comédia besteirol kklk. O cara faz o que ele quiser da vida, tu fez uma crítica ao ator, não ao filme. A vida é curta, tente fazer algo bom dela e deixe de ser chorão kkkkk, cuzão.
    • Gabriel Corrêa
      Mano, vamos avaliar, o cara tem uma carreira cheia de filmes bons, ótimas atuações etc, nesse tempo ele estava disposto a dar duro, realmente focando no oscar, agora ele não quer mais isso ele quer se divertir, fazer filmes besteirol , o filme é bom sim não chega perto da qualidade dos antigos filmes do de Niro nem das grandes comédias por aí, mas é bom, e sem contar que De Niro vai tá no filme do Coringa e espero ter uma atuação foda dele
    • Cleriston Pinto Gondim
      Denilson falou tudo. De Niro é 'hors concours' do cinema internacional. Não precisa provar nada pra ninguém. Esse tal de F. Russo ou é ressentido ou é muito chato e rabugento. Sai pra lá! Assisti e dei muita risada!
    • denilson a.
      Sempre é tempo de se reinventar.Quem te disse que De Niro quer ganhar Oscar? Seu comentários só fala o quanto você deve ser conservador e chato..Ainda que De Niro não é igual a você .
    Mostrar comentários
    Back to Top