Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Arrow: Stephen Amell e elenco fazem mistério sobre sexta temporada da série (Entrevista)
    Por Lucas Salgado / Transcrição: Lorena Rezende — 8 de out. de 2017 às 08:24
    facebook Tweet

    Falamos com o time de Arrow!

    Quem está vivo em Arrow? Para quem não viu, a quinta temporada da série acaba com a explosão de uma ilha, onde estavam boa parte dos personagens. Com isso, a grande questão do início do quinto ano é saber quem segue vivo. O AdoroCinema conversou com o elenco da produção durante a San Diego Comic-Con. Obviamente, todos mantiveram segredo sobre os destinos dos personagens.

    Ao final da temporada anterior sabemos apenas que Oliver e seu filho estão vivos. Stephen Amell falou um pouco sobre a atuação ao lado do "filho" no início do novo ano. "É realmente interessante. No meu primeiro dia de gravações na sexta temporada tive quatro cenas consecutivas com Jack, que interpreta o William, e eu estava incrivelmente nervoso. Muito mais nervoso do que ele estava. Porque eu não sabia da capacidade dele. Eu e ele nunca tínhamos atuado de verdade juntos, tinha uma cena em que eu o segurava perto de mim e ele parecia assustado, tinha uma cena onde ele estava brincando com alguns bonecos... Porém, ele tem 12 anos na história e tem 14 anos na vida real, e eu estava: 'Espero que ele seja bom...' Porque nós estamos colocando muito peso nas costas dele no início da temporada e ele foi cumpriu com seu papel, ele foi fantástico!"

    Amell reconheceu que será difícil superar a intensidade emocional da quinta temporada e de seu vilão Prometheus. Com isso a série vai seguir uma abordagem diferente com relação ao antagonista. "A gente não vai seguir com um vilão principal. Isso faz sentido? Você já viu 24 Horas? Não vai ser um ator dessa série. É mais sobre a maneira como eles os apresentam em 24 Horas.

    Após idas e vindas, Olicity ganhou uma nova vida pouco antes da season finale do ano passado. Amell confirmou: "O relacionamento deles está bem, partindo do princípio de que ela sobreviveu."

    Embora também tenha se esforçado para fingir que podia estar morta, Emily Bett Rickards, que vive Felicity, acabou falando um pouco mais sobre o ship principal da série. "Para ser sincera, eu sinto que agora, já indo para a sexta temporada, que nós fazemos as coisas que os fãs querem. Claro que temos liberdade para desenvolver a história, mas eu acho que somos tão agradecidos por ter fãs tão dedicados e, não só dedicados, envolvidos também. E eu acho que esse envolvimento realmente funciona. Tem gente que entende que não podemos escutamos os fãs o tempo todo, mas podemos lhes dar um aceno, nós podemos escutá-los às vezes. Meio que depende de acharmos um equilíbrio", apontou a atriz.

    Enquanto a maioria dos atores preferiu manter o mistério, David Ramsey foi um pouco mais aberto sobre o futuro de Diggle. O ator considera que seu personagem foi um dos que mais evoluiu ao longo da produção, mas que não terá vida fácil. "Eu acho que na sexta temporada é quando o Diggle é quebrado, de um jeito que não foi quebrado antes. Isso já começa no primeiro episódio e acho que parte disso continua durante toda a temporada. Vocês verão exatamente o que isso significa, mas eu acho que é uma arte para o Diggle, que ainda não vimos, que é mais do que o irmão voltar a vida e ser morto por ele. Eu acho que na sexta temporada nós vamos ver algo em um limite físico e emocional que nós nunca vimos antes", revelou David. Ele, no entanto, não quis dar mais detalhes sobre as mudanças físicas do personagem, mas adiantou: "É algo com o potencial de afetar todo o time."

    O novo ano deve oferecer uma possibilidade de redenção à Black Siren, vilã vivida por Katie Cassidy (que antes interpretava a heroína Canário Negra). A atriz falou um pouco sobre isso: "É maravilhoso atuar como uma vilã. É tão divertido! Mas eu acho que há algumas chances para ela se redimir, porque eu realmente acho que ela é uma pessoa pessoa que passou por muitas coisas. E em termos de história passada, o que eu fiz pode ou não coincidir com o que os roteiristas estão escrevendo, mas ela e o pai foram sequestrados quando ela tinha 14 anos e ela foi forçada a ver ele ser queimado vivo. Então é aí que começa minha história. Ela começa uma jornada para encontrar o assassino do seu pai e é por isso que tenho uma dinâmica interessante com Paul Blackthorne, mas é muito confuso para a gente fazer cenas juntos. Nós nos acostumamos a atuar como pai e filha, e agora quando vamos para essas cenas, ele está todo confuso e eu também. É tão confuso ter pontos de vista completamente distintos e passar por problemas com o pai dela. Eu acho que existem muitas camadas ali, é como uma cebola, nós vamos poder olhar para trás e descobrir sobre quem ela é, porque ela é desse jeito, talvez isso crie uma empatia."

    Passando da Canário antiga para a nova, conversamos ainda com Juliana Harkavy, que falou sobre como foi entrar no novo uniforme da heroína. "Minha diretora de figurino, Maya, fez um trabalho incrível e ele ficou maravilhoso. Tudo combina com ele, é bonito e fluido. E é confortável, o que também é ótimo, e ele faz você se sentir poderosa!" A atriz confirmou que a rivalidade com Cassidy irá continuar em cena, mas que espera por algumas mudanças de sua personagem. "Penso que fazer parte de uma equipe, ter uma família pela primeira vez, não estar só em busca de vingança, mas realmente ter um propósito, pela cidade dela, por sua família. Vai mudá-la, sabe? Vai suavizá-la de alguma forma, eu acho", destacou.

    Questionado sobre o próximo grande crossover entre as séries de heróis da CW, Stephen Amell afirmou que não poderia falar nada, mas abordou um pouco sobre como tem sido estes grandes encontros: "Eu não mudo o meu tom, afinal se chama 'Universo Arrow'. Mas ir para outras séries é ótimo! Tem pessoas que trabalham em The Flash, em Supergirl e Legends of Tomorrow cujos trabalhos atuais foram promoções do seu antigo trabalho em Arrow. Então é muito legal poder trabalhar com essas pessoas. E cada set tem uma vibração diferente, pessoas riem e brincam no set de Flash, em Supergirl era como se eles estivessem tentando se encontrar no ano passado, porque era o primeiro ano deles na CW, e o nosso set é algo mais profissional e com ritmo rápido."

    Arrow retorna para a sexta temporada no dia 12 de outubro, nos Estados Unidos. A Warner Channel é responsável pela exibição da série no Brasil e exibe a nova temporada a partir do dia 26 de outubro.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top