Minha conta
    Bilheterias Brasil: O Grinch não consegue roubar a liderança de Bohemian Rhapsody
    Por Bruno Carmelo — 13 de nov. de 2018 às 15:12

    Enquanto isso, Millennium e Operação Overlord tiveram resultados modestos.

    Nos Estados Unidos, o público correu para ver O Grinch no cinema e levou o filme a recordes de bilheteria. No Brasil, a resposta à animação foi boa, mas não o suficiente para ameaçar Bohemian Rhapsody, que permanece na liderança do ranking pela segunda semana consecutiva.

    Foram 419 mil espectadores para a cinebiografia de Freddie Mercury (que chega a 1,1 milhão de espectadores no total) contra 299 mil espectadores do estreante Grinch. O filme sobre o Queen apresenta uma sustentação excelente, perdendo apenas 16% do público em relação à semana anterior, enquanto a maioria dos filmes em cartaz perdeu pelo menos 60% dos espectadores em uma semana.

    O Grinch

    Na briga pelo terceiro lugar, a fantasia O Quebra-Nozes e os Quatro Reinos levou 145 mil pessoas aos cinemas, contra 112 mil pessoas do terror Halloween. Este último acaba de atingir a expressiva marca de 1 milhão de espectadores no Brasil.

    Entre as demais estreias, os resultados foram pouco animadores: Millennium: A Garota na Teia de Aranha foi visto por 88 mil pessoas, pouco mais que os 87 mil espectadores de Operação Overlord. A cinebiografia nacional Chacrinha - O Velho Guerreiro registrou 13 mil espectadores, enquanto o romance Todas as Canções de Amor conquistou somente 7 mil espectadores no primeiro fim de semana.

    Confira todos os resultados das bilheterias no Brasil.

     

    facebook Tweet
    Links relacionados
    • Bilheterias Brasil: Bohemian Rhapsody leva 500 mil pessoas aos cinemas no primeiro fim de semana
    • Bilheterias Brasil: Halloween leva a melhor na batalha entre Michael Myers e Venom
    • Bilheterias Brasil: O Primeiro Homem não consegue tirar Venom do primeiro lugar
    Pela web
    Comentários
    • Marcos Adriano Dams
      Última semana na liderança
    Mostrar comentários
    Back to Top