Minha conta
    Cannes 2016: Jean-Pierre Léaud, o favorito de Truffaut, receberá Palma de Ouro honorária
    Por Taiani Mendes — 10 de mai. de 2016 às 19:53

    O eterno Antoine Doinel.

    Jean-Pierre Léaud, o Antoine Doinel dos filmes de François Truffaut, vai receber a Palma de Ouro honorária do 69º Festival de Cannes, que começa amanhã. Um ano após se lançar na profissão em La Tour, prends garde!, Léaud estreou no evento apresentando Os Incompreendidos, seu primeiro trabalho como protagonista, aos 14 anos. Seu personagem era Doinel, alterego de Truffaut que ele voltaria a encarnar em Antoine e Colette, Beijos Proibidos, Domicílio Conjugal e O Amor em Fuga. Foram muitas as parcerias inesquecíveis da dupla e o ator também contribuiu com Jean-Luc Godard - de quem foi até assistente de direção -, Bernardo Bertolucci, Jacques Rivette, Jean Eustache, Aki Kaurismäk, Philippe Garrel, Bertrand Bonello e Olivier Assayas.

    Com mais de 90 títulos na filmografia, entre eles clássicos como Masculino, Feminino, A Noite Americana, Não me Toque e A Mãe e a Puta, Léaud se aproxima dos 72 anos em plena atividade, mas sem nenhuma Palma de Ouro, o que será solucionado nos próximos dias. Seguindo os passos de Agnès Varda (homenageada ano passado), Clint Eastwood, Manoel de Oliveira, Woody Allen e Bernardo Bertolucci, o ator receberá uma Palma honorária na cerimônia de encerramento do Festival, dia 22. Antes, dia 19, haverá uma exibição especial de La Mort de Louis XIV seu trabalho mais recente.

    O AdoroCinema está em Cannes! Confira nosso guia do festival mais importante do mundo.

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top