Minha conta
    Festival de Toronto 2015: Christopher Plummer vive personagem com Alzheimer em Remember
    Por Renato Hermsdorff — 12 de set. de 2015 às 07:55

    “Eu não tive que fazer pesquisa”, brincou o ator de 85 anos em entrevista ao AdoroCinema.

    Divulgação
    Ele tem uma extensa carreira no teatro e, no cinema, foi o capitão von Trapp de A Noviça Rebelde (1965); Arthur Wellesley, 1.º Duque de Wellington em Waterloo (1970); Abraham Van Helsing (Drácula 2000); e um octogenário gay que sai do armário em Toda Forma de Amor (2010) – papel pelo qual se tornou o ator mais velho a ganhar um Oscar, aos 82 anos.

    Mas pode ser que Zev esqueça tudo isso num cochilo. Zev é o personagem que sofre do Mal de Alzheimer e que Christopher Plummer, hoje aos 85, interpreta em Remember, filme do diretor armênio Atom Egoyan (O Doce Amanhã) exibido no Toronto International Film Festival (TIFF) nessa sexta-feira - e ainda sem data de estreia no Brasil.

    Após perder a esposa, o fictício personagem é incumbido pelo companheiro da casa de repouso Max (Martin Landau) a caçar o algoz de suas famílias em Auschwitz, a partir de um plano detalhado que ele deve seguir à risca.

    Em conversa com o AdoroCinema, o simpático ator confessou que a preparação para o papel foi muito simples. “Não precisei encontrar com ninguém com ‘demência’ [Alzheimer] porque eu tenho um pouco eu mesmo. Já aconteceu no palco [de perder a memória]. O corpo não responde. É um sentimento estranho, porque é prazeroso. Tenho até que tomar cuidado para não ficar muito confiante”, revelou o simpático Plummer.

    Apesar da potência da performance de Christopher Plummer, o filme carece de falhas que o tornam uma incógnita na próxima premiação do Oscar. (A crítica do filme você confere aqui).

    Os "ex" amigos.
    Reunião acidental de Breaking Bad.


    Enquanto esperava pela entrevista com o ator no hotel Intercontinental no início da tarde dessa sexta-feira, em Toronto, o AC presenciou um encontro inusitado. Bryan ‘Walter White’ Cranston, que está em cartaz no festival com o filme Trumbo, trombava no corredor com Dean ‘Hank Schrader’ Norris, do elenco do mesmo Remember de Plummer.

    Por segundos, os dois conversaram animadamente, em uma espécie de reunião acidental de Breaking Bad. Assim que Dean Norris virou as costas, Bryan Cranston sussurrou, sorrindo “Babaca [asshole]; esse cara é um babaca”, e foi uma gargalhada geral. Claramente, "Heisenberg" estava fazendo uma piada, ok?



    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top