Minha conta
    Conheça as grandes teorias da conspiração do Cinema
    Por João Vitor Figueira — 21 de nov. de 2014 às 14:05

    Leia esta matéria especial antes que os Illuminati a tirem do ar!

    Teoria Aladdin: Toda a história se passa no futuro

    Baseado em contos tradicionais árabes, Aladdin se tornou um dos grandes clássicos da Disney por conta da história de amor entre um pobre jovem de rua chamado Aladdin e a Princesa Jasmine, que está entediada com os luxos que a vida de realeza lhe proporciona.

    O filme é ambientado no sultanato fictício de Agrabah; entretanto, há quem acredite que o romance entre Aladdin e Jasmine se passa em um mundo nada ideal.

    Em determinada cena, o Gênio – dublado originalmente pelo saudoso Robin Williams , afirma que ficar 10 mil anos preso dentro de uma pequena lâmpada mágica lhe rendeu um forte torcicolo. Em outra ocasião, quando está confeccionando uma roupa especial para o Príncipe Ali Ababwa (alter ego de Aladdin), o Gênio comenta que determinado figurino "é muito Século III". Ora, se o Gênio conhece a moda do Século III e passou 10 milênios dentro da lâmpada, conclui-se que Aladdin se passa, no mínimo, no ano 10.300 depois de Cristo. 

    Mas tem mais! O gênio imita os trejeitos de personalidades do século 20, como Jack Nicholson, Arnold Schwarzenegger, Groucho Marx e Arsenio Hall, o que mostra que Aladdin é situado depois do ano 11.900 d.C.

    Assim, os desertos seriam um reflexo de uma catástrofe ambiental ou guerra nuclear que desolou o planeta, dizimou muita gente e extinguiu boa parte das civilizações. Os únicos sobreviventes foram os árabes, que reconstruíram cidades baseadas em sua cultura tradicional. Objetos como o tapete mágico, escondido na Caverna das Maravilhas, é, na verdade, fruto de uma avançada tecnologia deixada por cientistas de gerações anteriores (do ano 8.693, quem sabe?) e o papagaio inteligente Iago é um reflexo de experimentos genéticos com animais.

    Teoria Aladdin, nº 2: Foi tudo papo de vendedor

    No início do filme, um simpático comerciante canta a música de abertura "A Noite da Arábia". Depois do momento musical, o vendedor apresenta sua banca de bugigangas desinteressantes, até que mostra um produto especial: a lâmpada mágica. "Não é uma lâmpada qualquer. Ela já mudou o destino da vida de um jovem. Um jovem que, como a lâmpada, era mais do que aparentava", diz o persuasivo feirante. Em seguida, começa a história de Aladdin. Por isso, é possível acreditar que toda a história do filme não passou de uma invenção do vendedor para tornar seu produto mais atrativo. Veja a cena abaixo.

    Teoria Aladdin, nº 3: O vendedor e o Gênio são a mesma pessoa

    Depois de Aladdin conceder a liberdade para o Gênio, no final do filme, o personagem se tornou um mercador ambulante, que fica por Agrabah contando a incrível história que ele viveu com seu amo. O que faz dessa teoria a mais coerente entre as três é que, na versão original, tanto o gênio quanto o vendedor foram dublados pelo mesmo Robin Williams. Se você reparar bem nos detalhes, ambos usam uma faixa vermelha na cintura, a roupa do vendedor é azul como o gênio, ambos tem uma barba que termina no formato de um gancho e ambos tem apenas quatro dedos nas mãos.

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    • Bruno Souza
      Espera aí, como Jack não existiu? Quem desenhou a Rose então? Não bate... Sem falar que, o filme todo, Rose não é a única que nota Jack... E outra, Jack ganhou a passagem numa aposta, realmente não teria como ter um registro dele, as passagens estavam no nome de outra pessoa... Se fosse pra ser desse jeito, até Fabrizzio, seria uma psique de Rose, até porque, ele entrou da mesma forma que Jack...
    • Zé Hospício
      Claro que o Batman morreu! Ele morreu às catóra da tarde, o Coringa tirou o p*nto dele fora com a ajuda do poderoso Lico de Cair Pinto! Isso foi mostrado no melhor de todos os filmes do Bátimã, o Feira da Fruta.
    • Vitoria Araujo
      E o Ferris não é imaginação do Cameron, o diretor e a irmã perseguirem prova isso
    • Vitoria Araujo
      Teoria do ET ser um Jedi ok, concordo.Teoria do 007? blzBatman morreu? tá doido?Marcus e a alma na maleta até vai Stan Lee não é o vigia, acho que ele aparece só pra provar que os heróis da Marvel vivem na mesma realidade. Se o Harry Potter é doido o que o Newt é? outra alucinação dele? noup
    • Diogo V.
      deveria ter uma teoria sobre o filme a origem
    • Diogo V.
      também é uma teoria que pode ser provada
    • Diogo V.
      a teoria que é mais possível de ser verdade é a de que james bond é apenas um codinome
    • Gwen Stacy
      acho isso meio "viajar na maionese" mas ok, gostei do seu ponto de vista
    • lucas H.
      Em relação a teoria pixar, eu concordo, menos com a parte da bu ser a bruxa de valente.
    • lucas H.
      A coisa mais sensata que eu li em relação a batman foi o coringa ter treinamento militar.
    • Gwen Stacy
      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk isso mesmo, Harry noiado
    • Igor M.
      E quem pintou o quadro? A imaginação dela? Furada essa! hahahaha
    • Enio
      não seria porque "cristão" é na verdade um anonista enrustido??
    • Neide I.
      Estou curtindo muito , críticas, sessão com artistas, matérias legais
    • Yan O.
      Verdade....É surreal mas faz sentido!!
    • Yan O.
      ótima matéria...muito interessante! oque nos faz pensar "o que é real"
    • Alisson S.
      Pra mim algumas fazem sentido. Da mesma forma que o diretor inclui Easter Eggs nos filmes, não pode o ter imaginado em uma linha diferente? Acho super bacana esses outros pontos de vista. E quanta gente burra por aqui que não sabe o significado de teoria e muito menos escrever que ainda critica. Show a matéria!
    • Andrew Garfield
      Se a saga mostrasse isso não se chamaria teoria. '-'
    • Andrew Garfield
      Okay, chega de internet por hoje...kkkkkkk
    • Andrew Garfield
      Eu já tinha visto essa teoria no YouTube, e pensei a mesma coisa. rsMas de qualquer jeito a teoria é muito interessante.
    Mostrar comentários
    Back to Top