Minha conta
    Nicolas Cage faz 50 anos hoje! Relembre os principais momentos da carreira do ator
    Por AdoroCinema — 7 de jan. de 2014 às 10:45

    O ator, que alternou sucessos e fracassos de bilheteria, nasceu dia 7 de janeiro de 1964.

    por Bruno Carmelo

    Hoje, dia 7 de janeiro, Nicolas Cage completa 50 anos! O ator já passou por vários altos e baixos, alternando a vitória no Oscar com filmes que sumiram dos cinemas depois de uma semana. Relembre a seguir os principais momentos na carreira deste ator carismático e versátil:

    Sobrinho de Francis Ford Coppola, Nicolas Cage conta com a ajuda do tio para conseguir os seus primeiros papéis de destaque. Ele já tinha conseguido uma participação em Picardias Estudantis (1982) e um papel no pequeno Valley Girl (1993), mas foi dirigido por Coppola em suas primeiras grandes produções: O Selvagem da Motocicleta (1983), Cotton Club (1984) e Peggy Sue - Seu Passado a Espera (1986).

    A partir deste momento, o ator começa a chamar a atenção de diretores cultuados, como os irmãos Coen, que o chamam para Arizona Nunca Mais, David Lynch, com quem filma Coração Selvagem, Martin Scorsese (no filme Vivendo no Limite) e Ridley Scott (Os Vigaristas).

    Depois de uma série de comédias bem-sucedidas (incluindo Atraídos pelo Destino e O Guarda-Costas e a Primeira Dama), Cage tem uma ótima atuação no drama Despedida em Las Vegas, pelo qual vence o seu único Oscar. A partir deste momento, privilegia as grandes produções de ação. Inicialmente, ele obtém vários sucessos no gênero (A Rocha, Con Air - A Rota da Fuga, A Outra Face, 8 Milímetros), além de uma inesperada e bem recebida participação no romance Cidade dos Anjos.

    Esta boa fase se degrada quando o ator escolhe papéis em filmes que não se saem nada bem nas bilheterias, como Sonny, o Amante, O Capitão Corelli e As Torres Gêmeas. Pelo menos ele tem uma boa participação em Adaptação, pelo qual recebe mais uma indicação ao Oscar. No entanto, apesar de ainda conquistar o sucesso de público com as franquias A Lenda do Tesouro Perdido e, em menor medida, com Motoqueiro Fantasma, a crítica não aprova nem os filmes, nem as atuações de Nicolas Cage.

    A partir da segunda metade dos anos 2000, ele fica conhecido sobretudo por filmar diversas produções no mesmo ano, acumulando diversos fracassos como O Sacrifício, Fúria Sobre Rodas, Caça às Bruxas, Reféns, O Pacto e O Resgate. A exceção vem com Os Croods, maior bilheteria da carreira de Cage, que trabalha apenas como dublador. O ano de 2014 não promete uma mudança neste quadro: além de uma participação no pequeno drama independente Joe, ele deve aparecer em Tokarev, Marble City e Deixados Para Trás, três filmes de ação com potencial de público limitado.

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top