Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    O Poderoso Chefinho
    Média
    4,1
    868 notas e 41 críticas
    distribuição de 41 críticas por nota
    11 críticas
    11 críticas
    14 críticas
    4 críticas
    0 crítica
    1 crítica
    Você assistiu O Poderoso Chefinho ?

    41 críticas do leitor

    Jake D.
    Jake D.

    Segui-los 65 seguidores Ler as 109 críticas deles

    4,0
    Enviada em 7 de maio de 2017
    O Poderoso Chefinho... os últimos filmes originais da DreamWorks foram bastante decepcionantes, Trolls e Cada um na sua casa não foram no nível de Shrek e Como Treinar seu Dragão por exemplo, tivemos apenas a sequência Kung Fu Panda 3 que foi muito boa, e felizmente aqui o estúdio surpreendeu mais uma vez. O filme conta a história de um bebê falante que usa terno e carrega uma maleta misteriosa, ele une forças com seu irmão mais velho invejoso para impedir que um inescrupuloso CEO acabe com o amor no mundo. A missão é salvar os pais, impedir a catástrofe e provar que o mais intenso dos sentimentos é uma poderosa força. A trama é boba e genérica, mas felizmente o diretor Tom McGrath deixa tudo mais divertido e interessante. O roteiro conta com diálogos muito divertidos e personagens bastante carismáticos, além de diversas referências a cultura pop e filmes antigos como Indiana Jones, O Senhor dos Anéis e Piratas do Caribe, e é nessas horas em que o público mais adulto se diverte, então o filme consegue agradar as crianças e aos adultos, o que é muito bom. O visual do filme é muito bonito, a animação é bem feita e bem colorida, o que já era de se esperar de um grande estúdio como a DreamWorks. A dublagem nacional está sensacional, acredito que a original também esteja, mas se quiser assistir dublado, não terá nenhum problema, cada voz combina com cada personagem. O final do filme é um pouco previsível, isso infelizmente é comum nos filmes do estúdio, você já espera que aquilo irá acontecer no final, então não ocorre nada inusitado aqui. O Poderoso Chefinho não é um filme inovador e está longe de ser um dos melhores filmes da DreamWorks, mas é um filme divertido e consegue agradar tanto o público infantil como o público adulto. Recomendo!
    Alan David
    Alan David

    Segui-los 11811 seguidores Ler as 685 críticas deles

    2,5
    Enviada em 3 de abril de 2017
    Muito abaixo do que a DreamWorks pode fazer, história sem pé nem cabeça, com alguns relances de humor e carisma, mas bem abaixo do que a produtora costuma fazer.
    Fernanda A.
    Fernanda A.

    Segui-los 17 seguidores Ler as 17 críticas deles

    5,0
    Enviada em 6 de maio de 2017
    ameeeeeeeeéeeeeei demaaaaaaaaiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiis
    recomendo !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Marcelo A.
    Marcelo A.

    Segui-los 1 seguidor Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 31 de março de 2017
    Animação com alta qualidade, a história é incrivél, os personagens são cativantes. A dreamwoks mostrando seu legado mesmo depois de ser comprada pela Fox.
    Vale a pena assistir, não é algo que vai lhe decepcionar como o Sing e Pets.
    Daniel N.
    Daniel N.

    Segui-los 4962 seguidores Ler as 601 críticas deles

    4,5
    Enviada em 21 de maio de 2017
    Muito boa animação. Momentos de riso alto... Muito recomendado para crianças de todas as idades! Mais uma bola dentro da DreamWorks
    Caroline C.
    Caroline C.

    Segui-los 21 seguidores Ler as 67 críticas deles

    5,0
    Enviada em 7 de novembro de 2018
    Esse desenho vai muito além do que imaginamos! Se preparem para muitas surpresas e descobertas durante a animação! Pois além de Francis descobrir que o bebê fala, outras coisas são reveladas e tudo fica ainda mais interessante!! 😬 Amo de paixão esse desenho!!

    https://jovemedivertida.com/2017/04/26/o-poderoso-chefinho/
    Jackson A L
    Jackson A L

    Segui-los 5116 seguidores Ler as 703 críticas deles

    4,0
    Enviada em 1 de maio de 2018
    Muito bom e engraçado, animação para a família toda. Diversão garantida.. Como em geral essas animações sempre trazem mensagens de união, família, fraternidade.. vale a pena...
    Fernando L.
    Fernando L.

    Segui-los 16 seguidores Ler as 70 críticas deles

    3,5
    Enviada em 17 de abril de 2017
    Diversão garantida. A história contém uma série de absurdos (comuns em filmes do tipo). O negócio é procurar se divertir com as tiradas engraçadas, caras e bocas dos personagens e caçar as referências a outros filmes.
    Ricardo M.
    Ricardo M.

    Segui-los 9493 seguidores Ler as 697 críticas deles

    3,0
    Enviada em 31 de julho de 2017
    Baby Chefe.

    A idéia central desta animação gira em torno da aliança inusitada de dois irmãos que decidem unir esforços para buscar uma solução para a eventual redução de afeto por crianças no mundo, algo que gera situações divertidas devido aos absurdos casuais da narrativa.

    Embora pequeno, o chefinho é dotado de intelecto e competência para articular soluções envolvendo bebês; ao passo que seu irmão mais novo, Tim, possui a criativdade necessária para que a missão da dupla tenha sucesso. A forma como o roteiro trata essa união é bem interessante, pois associa divergências de interesses que pouco a pouco vão se mostrando desnecessárias graças ao afeto que um desenvolve pelo outro. A amizade é verdadeira e pode tranformar, levando a mudanças de conduta singulares.

    O PODEROSO CHEFINHO nem de longe é o melhor trabalho da Dreamworks, mas tem boas idéias e as desenvolve de forma criativa e, principalmente, divertida.
    Hugo D.
    Hugo D.

    Segui-los 1282 seguidores Ler as 318 críticas deles

    3,0
    Enviada em 28 de abril de 2017
    Uma animação bem engraçada e divertida que não foi feita só para crianças. O filme, de forma analógica, a briga do mercado corporativo, como laçar seu cliente e fazer com seu produto seja mais desejado do que o produto concorrente. E também como é a briga interna por posição de destaque dentro de uma empresa. Claro que tudo isso usando uma linguagem infantil, mas com algumas referências que os adultos vão identificar.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top