Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    O Exercício do Poder
    Média
    3,3
    7 notas e 1 crítica
    distribuição de 1 crítica por nota
    0 crítica
    1 crítica
    0 crítica
    0 crítica
    0 crítica
    0 crítica
    Você assistiu O Exercício do Poder ?

    1 crítica do leitor

    Sidnei C.
    Sidnei C.

    Segui-los 89 seguidores Ler as 101 críticas deles

    4,5
    Enviada em 5 de agosto de 2013
    A cena inicial do filme - um sonho - parece resumir o dilema de Saint-Jean, a personagem principal do filme. O poder, o poder público principalmente, atrai e seduz muitos homens, mas no final, esse mesmo poder acaba devorando-os. Não literalmente seu corpo - como no sonho - mas seu tempo, seus princípios, seus valores, sua moral - enfim, sua alma. O filme evita totalmente pintar o Ministro dos Transportes como um vilão sem caráter, mas ao contrário, um homem bem-intencionado até, mas que acaba se perdendo na busca de manter-se a qualquer preço no poder. Em uma cena ela diz à sua esposa: "Você me ama porque não me conhece realmente". Nem ele próprio se conhece, pois desconhece até que ponto é capaz de chegar. O diretor Pierre Schoeller parece ser o herdeiro da veia política do cinema francês da década de ´70, quando se destacava o diretor Costa-Gavras. O Exercício do Poder não é incompreensível, porque o cenário político-social é apenas um pano de fundo para dissecar o papel de Saint-Jean nesta engrenagem. Onde sua humanidade é flagrada na triste constatação que seu trabalho lhe deixou sem amigos - precisando para isto recorrer a seu motorista particular - e o fez perder o contato com a família. Um filme como O Exercício do Poder hoje em dia só possui similares em sua temática nos filmes americanos produzidos ou dirigidos por George Clooney (Boa Noite Dia, Boa Sorte; Conduta de Risco; Tudo pelo Poder). Mas mais realista que os filmes americanos, Schoeller constata que uma vez embriagado pelo poder, não há como escapar desse vício.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top