Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    The Walking Dead: 10 Mortes marcantes da série
    Por Vitória Pratini — 2 de dez. de 2018 às 09:00
    facebook Tweet

    Prepare o lencinho e confira essa lista!

    Atenção: o texto a seguir contém spoilers da nona temporada de The Walking Dead. Se você ainda não assistiu aos episódios, continue por sua conta e risco.

    A midseason finale da nona temporada de The Walking Dead terminou com a morte chocante de um importante personagem pelas mãos dos misteriosos Sussurradores. Pensando nisso, o AdoroCinema resolveu relembrar dez das mortes mais marcantes da série até agora. Vale notar que elas estão por ordem de acontecimento.

    Confira a lista abaixo, vote na enquete e conte para a gente nos comentários: faltou alguma?

    O cavalo de Rick
    AMC

    O episódio piloto de The Walking Dead já começou com a promessa de ninguém estava a salvo, incluindo animais. Enquanto Rick (Andrew Lincoln) cavalgava pelas ruas de Atlanta, acaba cercado por uma horda de zumbis. O ex-policial acaba fugindo e deixa seu cavalo para trás. O animal é brutalmente comido pelos mortos-vivos. Não é a toa que os fãs brinquem que, por carma, Rick foi ferido na nona temporada por causa de um cavalo.

    Sophia
    AMC

    Um dos principais arcos da segunda temporada de The Walking Dead foi o desaparecimento de Sophia (Madison Lintz), filha de Carol (Melissa McBride). Quando finalmente o grupo descobre onde ela está, tanto os personagens quanto o público são pegos de surpresa. Hershel (Scott Wilson) estava mantendo zumbis presos em seu celeiro, esperando que de alguma forma eles voltassem a suas formas humanas. O último morto-vivo a sair do local após o ataque é ninguém menos que Sophia, que estava lá o tempo todo. Nesse momento, Rick é o único que se mantém forte e mata a pequena zumbi.

    Shane
    AMC

    A relação de Rick e Shane passou de melhores amigos para inimigos. O personagem de Jon Bernthal ficou vivo por mais tempo na série de TV do que nos quadrinhos, mas isso não quer dizer que foi fácil vê-lo partir. Depois de passar meses assistindo a Rick fazer o que ele achou que foram decisões erradas para o grupo — e após a gravidez de Lori (Sarah Wayne Callies) se tornar pública — Shane atraiu Rick para a floresta, onde a dupla teve um confronto daqueles. Rick finalmente apunhala seu ex-amigo no peito, terminando sua vida mortal, provando a teoria de que todos estavam infectados. Quando ele volta a vida, Carl (Chandler Riggs), criança, puxa o gatilho e mata Shane pouco depois, salvando seu pai.

    Lori
    AMC

    Uma das mortes mais chocantes de todas as temporadas foi a de Lori (Sarah Wayne Callies). Isso porque ela morreu dando a luz à bebê Judith — no que deveria ser um momento de celebração da vida. Seu filho, Carl, então, tem que atirar no corpo da mãe para impedir que ela se transforme em zumbi. Traumático é pouco. Ainda tem a cena posterior, quando Rick percebe que a esposa morreu, ao ver Carl e Maggie (Lauren Cohan) saindo da prisão sem ela.

    Hershel
    AMC

    A morte de Hershel (o saudoso Scott Wilson) chocou não só os personagens mas também o público. O querido personagem se tornara a consciência de Rick quando eles se mudaram para a prisão. No momento em que o Governador (David Morrissey) começa sua invasão ao local e ameaça decaptar Hershel, Rick tenta negociar com o homem de eles podem voltar sem violência. O pai de Maggie solta um sorriso reconfortante e chegamos a achar que tudo pode ficar bem. Mas ouvir o Governador sussurrar "mentiroso" deixou o público de boca aberta com o que viria a seguir: uma brutal decapitação brutal, assistida pela família e amigos de Hershel.

    Lizzie
    AMC

    A morte de Lizzie (Brighton Sharbino) pelas mãos de Carol certamente foi um dos momentos mais marcantes e chocantes de TWD. Apesar dos melhores esforços de Carol para explicar às jovens irmãs Lizzie e Mika (Kyla Kenedy) que os zumbis são um perigo e eles precisam lutar e matar para sobreviver, Lizzie não entendeu a ideia. A jovem esfaqueou sua irmã até a morte em uma tentativa de provar a Carol que os zumbis voltam à vida com sua humanidade intacta. Carol e Tyreese (Chad Coleman) ficam com pouca escolha a não ser executar Lizzie antes que ela tentasse matar a bebê Judith. "Apenas olhe para as flores, Lizzie..." é uma das frases mais dolorosas de toda a série.

    Abraham
    AMC

    Depois de um dos maiores cliffhangers na história da televisão, os fãs estavam apostando em qual personagem seria morto por Negan (Jeffrey Dean Morgan) e sua Lucille. Foi Glenn quem morreu nos quadrinhos, e é por isso que tantas pessoas ficaram horrorizadas quando a primeira escolha de Negan acabou sendo Abraham (Michael Cudlitz) — Glenn (Steven Yeun) foi apenas uma morte "bônus" na série, apesar de tão marcante quanto. Afinal, o Abraham de Michael Cudlitz viveu mais do que seu personagem nos quadrinhos, e tinha futuro com Sasha (Sonequa Martin-Green) no meio do apocalipse zumbi. O romance deles foi curto, já que Abraham se sacrificou para salvar o grupo como a primeira vítima do vilão.

    Glenn
    AMC

    Glenn (Steven Yeun) fora a vítima de Negan nos quadrinhos, então não foi necessariamente uma surpresa que ele tenha morrido na estreia da sétima temporada. Entretanto, quando o líder dos Salvadores escolheu Abraham como sua vítima, através do "uni-duni-tê", os personagens e o público ficaram em choque mas respiraram aliviados por não ter sido Glenn — o queridinho. Isso só para serem desiludidos momentos depois quando Negan escolheu uma segunda vítima, uma espécie de bônus: Glenn, morto brutalmente, em uma das mortes mais impactantes da série desde o falecimento de Lori.

    Carl
    AMC

    Essa ferida ainda não sarou! Um dos momentos mais emocionantes da série foi a morte de Carl (Chandler Riggs), um dos únicos personagens originais da série que ainda restavam. Os fãs ficaram chocados no fim da midseason finale da oitava temporada, quando o filho de Rick revelou que tinha sido mordido por um zumbi (um motivo bastante bobo, considerando o histórico do personagem na série), enquanto ajudava Siddiq (Avi Nash). A midseason premiere marcou a despedida do personagem, com Carl passando por momentos emocionantes com sua família e amigos e tentando reafirmar para seu pai que a missão deles é encontrar o bem no mundo. A tristeza de sua saída da série continuou com a revelação de cartas deixadas por ele para alguns dos personagens principais — incluindo Negan.

    Jesus
    AMC

    Para tornar a introdução dos Sussurradores em The Walking Dead chocante, era de se esperar que a série fosse matar um personagem importante. A vítima da midseason finale da nona temporada foi Jesus (Tom Payne), esfaqueado pelas costas por um dos novos vilões, enquanto lutava contra um grupo de mortos-vivos (com seus golpes de artes marciais) para que os outros pudesses fugir. Foi um momento tenso e chocante, especialmente pela surpresa de que o atacante não era um zumbi, mas um humano disfarçado, e pelo fato de que Jesus segue vivo nas HQs de Robert Kirkman.

    The Walking Dead retorna às telinhas no dia 10 de fevereiro de 2019, nos canais Fox e Fox Premium.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Douglas Martel
      Surpresa mesmo foi a morte da Beth, irmã da Maggie.
    • Matheus Peregrino
      Jesus era um puta personagem foda...Uma pena que foi extremamente mal aproveitado :/
    • Ronaldo Cesar
      Por maluquice de Negan mesmo, na série, na HQ eu não sei se a morte dele foi igual. Queria muito saber.
    • Ronaldo Cesar
      Pra mim a mais chocante foi a do Glenn. :(
    • Pietro
      Pela violência, Glenn
    • Vidamell Vida R.
      Por quê Gleen morreu?!
    • Lucas Teles
      Pra mim a mais chocante foi a do glenn vai ser dificil alguma outra morte supera, e a do carl foi super chata
    Mostrar comentários
    Back to Top