Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Game of Thrones: Emilia Clarke comenta emblemática cena do último episódio
    Por Laysa Zanetti — 16 de mai. de 2016 às 10:45
    facebook Tweet

    A Não-Queimada.

    Adicionem mais um título à imensa lista de nomes de Daenerys Targaryen (Emilia Clarke). O último episódio de Game of Thrones mostrou a Mãe dos Dragões lembrando a todos por que ela é "A Não-Queimada", e mostrou que não é uma boa ideia ameaçá-la de estupro.

    Em entrevista para a Entertainment Weekly, a atriz contou sobre a preparação para gravar a cena, sua relação com as equipes envolvidas e o que o momento significa para Dany.

    A atriz declarou ter ficado bastante animada com a cena. "Cada temporada eu tenho pelo menos um momento de dar frio na espinha. Eu apenas me levanto e digo, 'Eu estou ouvindo o que vocês estão dizendo, mas engraçado, eu vou matar todos vocês. Eu esqueci que tinha esta carta na manga e agora eu ganho'."

    A última vez que Daenerys havia protagonizado uma cena deste porte foi na primeira temporada, e por isso é um momento extremamente significativo, e que de uma certa forma reflete o evento do nascimento dos dragões. Nos livros, é estabelecido que os Targaryen não são imunes ao fogo, e o próprio George R.R. Martin já explicou que o momento em que ela sai ilesa das chamas foi um momento único, em virtude justamente do nascimento dos dragões. A série, entretanto, parece ter dado um passo além ao sugerir a imunidade de Dany, algo que o produtor D.B. Weiss descreve como um 'superpoder':

    "Isso que é o mais engraçado. Você sabe desde a primeira temporada que é o 'superpoder' dela, mas esse não é o nosso tipo de história. É mais como uma revelação que ela tem quando Daario (Michiel Huisman) e Jorah (Iain Glen) vêm resgatá-la. Ela diz, 'Espera, eu posso fazer uma coisa que nenhuma dessas pessoas pode, e essas duas pessoas podem me ajudar, eu posso usar isso como vantagem'. É uma solução bem simples, um plano em que você pode usar três pessoas para derrotar dezenas em uma maneira bem dramática apenas ateando fogo e ficando lá."

    Entretanto, Emilia Clarke encara a cena de uma forma diferente:

    "A ideia do que ela faz em Vaes Dothrak é algo em que ela veio pensando desde o início da 6ª temporada, mas é somente quando ela vê Jorah e Daario que ela sabe que pode de fato seguir com o plano, porque haverá alguém do outro lado."

    Não era exatamente uma surpresa que Daenerys iria encontrar uma forma de fugir de Vaes Dothrak, mas muitos assumiram que isso aconteceria com a ajuda de Drogon ou pelas mãos de Jorah e Daario. Vê-la encontrar a solução por si própria também é algo que não passa despercebido. Segundo Emilia:

    "O renascimento de andar pelo fogo novamente, de uma forma que prova não somente para aqueles ao redor dela que ela é quem diz ser, e que eles devem se curvar diante dela, mas também para ela mesma. E também é a prova de que ela não precisa de dragões para ser a líder e guerreira que ela é, é exatamente o que faz dela o tipo de personagem que pode assumir o Trono de Ferro."

    Relembrando uma polêmica envolvendo as suas cenas de nudez e uma declaração que havia sido a ela atribuída há alguns meses, a atriz explicou como foi gravada cena. "Eu gostaria de lembrar a todos que a última vez que eu tirei a roupa foi na terceira temporada. Isso foi há algum tempo. Agora estamos na sexta temporada. Mas isso sou eu, orgulhosa, forte. Eu estou me sentindo genuinamente feliz de ter dito 'Sim'. Aquela não foi nenhuma dublê!"

    A atriz disse ainda que não foi a coisa mais fácil do mundo gravar a cena, que foi feita em duas partes. Primeiro, em um set fechado em Belfast, enquanto o restante da sequência com os atores Dothraki foi feita no set construído no deserto da Espanha. "Emilia destruiu. É uma daquelas cenas estranhas porque foi gravada metade na Espanha, metade em Belfast. Mas principalmente por causa da performance dela, funcionou brilhantemente."

     

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top