Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Star Trek de Quentin Tarantino e J.J. Abrams será proibido para menores
    Por Vitória Pratini — 7 de dez. de 2017 às 20:00
    facebook Tweet

    Filme anunciado no início desta semana já teria escolhido inclusive roteirista.

    Christopher Polk; Jerod Harris / Getty Images

    Star Trek finalmente irá onde nenhum filme da franquia jamais esteve. A produção de Quentin Tarantino e J.J. Abrams, anunciada no início desta semana, provavelmente terá classificação indicativa para maiores.

    De acordo com o Deadline, o diretor de Pulp Fiction - Tempo de ViolênciaOs Oito Odiados requisitou que o filme fosse R-rated (classificação para maiores de 18 anos nos Estados Unidos). A Paramount e Abrams teriam concordado com essa condição. Já imaginou como seriam os eventos de Jornada nas Estrelas com briga, sangue e um bocado de palavrões?

    Enquanto a maioria dos blockbusters tem buscado uma classificação PG-13 para maximizar o público e a bilheteria, ultimamente temos visto uma melhor aceitação dos espectadores por filmes com restrição. Foram os casos de DeadpoolLogan e It - A Coisa, que fizeram ótimos números nas bilheterias. Sem contar que todos os filmes da carreira de Tarantino são proibidos para menores.

    Ainda de acordo com a publicação, um roteirista já teria sido escolhido. Tarantino passou horas em uma sala com possíveis candidatos – entre eles, Mark L. Smith (O Regresso), Lindsey Beer (Godzilla Vs. Kong, Chaos Walking) e Drew Pearce (Missão Impossível - Nação Secreta, Homem de Ferro 3) – e um teria conseguido o emprego. Segundo o Deadline, foi Smith.

    Atualmente, Tarantino prepara seu nono longa, focado nos crimes de Charles Manson no final da década de 60. Já J.J. Abrams trabalha em Star Wars: Episódio IX.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Venenop Forte
      Poxa cara, eles querem fazer Star trek ou um filme glory, ah faça-me o favor, desde quando Star Trek precisou ser para maiores para ser um filme maravilhoso. Espero que não descaracterize a franquia como já foi feito na recente série Discovery.
    Mostrar comentários
    Back to Top