Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Concurso Cultural: Quer ganhar o jogo e a HQ Assassin's Creed Unity?
    Por Bruno Carmelo — 13 de nov. de 2014 às 14:15
    facebook Tweet

    10 leitores do AdoroCinema serão premiados. Participe!

    Alerta aos fãs de Assassin's Creed: o que acham de levar para casa o jogo Assassin's Creed Unity? No novo Concurso Cultural do AdoroCinema, você pode ganhar o jogo que reproduz as batalhas sangrentas da Revolução Francesa. O protagonista é o vingador Arno, que decide se tornar um assassino após perder o seu grande amor. O novo game da série permite que você jogue com mais três amigos ao mesmo tempo... Nada mau, não?

    Para participar, basta incluir nos comentários abaixo:
    1. O seu nome completo
    2. Uma resposta à pergunta: "Qual destino você buscaria se fizesse parte de um grupo de assassinos?" 
    O critério de escolha será a criatividade, então solte a sua imaginação!

    10 leitores serão premiados: as três melhores respostas levam o jogo Assassin's Creed Unity, e do quarto ao sétimo lugar, o prêmio é a HQ Assassin's Creed Unity. 

    Sobre o Concurso Cultural
    Até quanto participar? Até o dia 18 de novembro (terça-feira), às 23h59
    Quando será anunciado o resultado? Dia 19 de novembro (quarta-feira), até às 18h no AdoroCinema

    Mini regulamento
    1. Cada participante só poderá enviar uma resposta. Caso contrário, será desclassificado;
    2. O AdoroCinema enviará um e­-mail para os vencedores e o prazo de resposta é de uma semana após o envio, caso contrário o escolhido perderá o prêmio. A mensagem será enviada para o e­-mail cadastrado no site;
    3. Preste atenção no endereço enviado. Caso retorne ao remetente, não enviaremos novamente;
    4. Sua participação no concurso implica aceitação dos requisitos do regulamento. O AdoroCinema reserva­-se o direito de modificar o regulamento, sem aviso prévio, caso ocorra qualquer situação que impeça e/ou prejudique a ação desse concurso;
    5. O prazo para o envio do prêmio do Concurso Cultural é de 8 semanas, a partir da data do
    resultado.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Claudia M.
      Bom dia...e os nomes dos ganhadores?Obrigado.
    • Jo?o Vitor P.
      Bem, procuraria recrutar o máximo possível de pessoas para fazerem parte do grupo de assassinos. E então quando eu tivesse um número grande de assassinos eu meu grupo eu procuraria acabar com a legislação, eu procuraria acabar com o governo, arrancar dinheiro de pessoas mais ricas que roubaram de seu povo e iria devolver o dinheiro ao povo. Eu não iria parar até que eu alcançasse o meu objetivo para com o meu povo. João Vitor Prates joaovitorgremio19@hotmail.com
    • Felipe O.
      Felipe Alves Pereira de OliveiraC3D@outlook.comEu Buscaria ir "AO INFINITO...E ALÉM" ,passaria pelo "CAMINHO PARA EL DORADO" onde encontraria com o "SHREK" e ensinaria "COMO TREINAR O SEU DRAGÃO" depois partiria para encontrar com a "ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS" para sequestrar a "RAINHA VERMELHA" e olhar para ela e dizer "CORTEM-LHE A CABEÇA".
    • Luan.Kojak
      Buscaria continuar defendendo, mesmo que com a própria vida, os valores que acredito serem corretos, como um assassino, eliminaria alguns dos pilares que são contra estes valores, sempre avaliando-me quanto ao interesse daquela morte (se é um interesse próprio ou coletivo) e qual o impacto que ela causaria na população e o que mudaria sem a presença daquele Individuo.Luan Pereiraluan.kojak@gmail.com
    • Nicholas Conde
      Nome: Nicholas Ramoloemail: nicholas.ramolo@gmail.comDurante o Império Romano, em meio ao estouro de Jesus Cristo e toda a grande disseminação de um novo ideal divino que está se espalhando e abalando as estruturas da sociedade romana, começam a surgir as perseguições aos cristãos a mando do então imperador Nero. Eu, como um jovem soldado romano, acato as ordens de meus superiores e saio atras de sangue cristão. Porém, percebendo a duvidosa sanidade de Nero e vivenciando mais de perto os ideias de meus "inimigos", acabo conhecendo um grupo de assassinos cristãos que deseja a queda do atual império anti Cristo, e decido me voluntariar ajuda-los, atuando como um agente duplo, e assim, sorrateiramente, eliminar um a um os lideres romanos, ate chegar a Nero.
    • fabio L.
      fabio andre lemos de castroPara buscar meu destino como um assassino eu deveria estarciente de que não é um caminho fácil, enfrentar o medo e a morte em um mundoonde a traições, mentiras e a única língua falada é poder. Buscar um destino éalgo quase impossível já que todos se escondem atrás de uma lâmina oculta, odestino de um assassino é sua própria morte por querer mais e mais que é algo peculiarde nos humanos, querer mandar em tudo nos leva a total destruição. Meu destinocomo integrante de um grupo de assassinos seria não se converter ao poder e selembrar de que a ponta de minha lâmina não é a ponta da lâmina de qualquer um.
    • Pedro D.
      Nome: Pedro Duarte Fonseca"Qual destino você buscaria se fizesse parte de umgrupo de assassinos?"Eu buscaria o destino onde à sabedoria prevalecesse... Independente se transparecesse o errado, se todos dissessem que era errado, se a lei constasse o irregular, eu seguiria fielmente a sabedoria...Mais porque eu buscaria o destino onde à sabedoria prevalece? Pois Deus criou o mundo com sabedoria, pois Deus traça a vida das pessoas com plena sabedoria.Sem a sabedoria seríamos apenas uma pena que o vento leva para onde quiser, e esse vento são as leis que querem determinar nosso destino, nossas ações na sociedade... Mas... Tudo é permitido. Trabalhamos no escuro para servir a luz.
    • Freddi
      Thaisa Maria FreddiR:"Buscaria seguir carreira profissional como ginasta e ganharia concursos de le parkour.E em 2016 ganharia o ouro na ginástica artística.Alem de fazer bicos em apresentações do Cirque di Solei"
    • Mathias E.
      mathias_estevan@hotmail.com
    • Daniel Bittencourt
      Nome: Daniel Bittencourt Pereirae-mail: dan.b.p@hotmail.com"Qual destino você buscaria se fizesse parte de um grupo de assassinos?"R.: O lugar mais inaCREEDitável possível.
    • Jo?o A.
      João A. AnflorO exílio da coroa portuguesa no Brasil - 1808 - LisboaEu iria me infiltrar na corte portuguesa do início do século XIX, com o único objetivo de me influenciar o então Príncipe Regente D. João VI a enfrentar o temido exército de Napoleão (que até então jamais havia sido derrotado em uma batalha).Dois fatos são importantes neste contexto histórico e devem ser apresentados:1 - Inglaterra tinha interesse em explorar o comércio das colônias portuguesas. A Revolução Industrial na Inglaterra permitiu o aumento exponencial de produção, e criou a necessidade de escoar a produção. Eles já tinham a indústria, mas precisavam de um mercado consumidor. Além disso, as riquezas das colônias portuguesas tinham um grande valor2 - Napoleão não considerava que Portugal oferecesse grande resistência bélica. O capitão das tropas francesas que atacaram Portugal foi o general Junot, desacreditado e sem muito prestígio na França.A primeira ação seria eliminar a influência britânica em Lisboa através de assassinatos sistemáticos de representantes britânicos e da sabotagem de navios de carga britânicos na península Ibérica. Isso seria importante para tirar de Portugal a opção da fuga, que só foi possível com a ajuda da Inglaterra (que obteve vantagens disso, obviamente).A segunda ação seria preparar o exército Português para uma batalha. Iria criar disputas que obrigassem o exército a sair da situação cômoda em que estavam. Iria mandar tropas para lutar no exterior ajudando os aliados da coroa (naquela época, Império Austro-Húngaro). E também seria necessário a presença de generais mais experientes dos reinos aliados. Tudo isso teria que ser feito sem chamar muita atenção. Napoleão deveria continuar achando que Portugal não poderia oferecer resistência.A terceira ação seria sabotar as campanhas de Napoleão por toda Europa, e de preferência na península Ibérica, a fim de mostrar que era possível derrotá-los. A estratégia desta terceira empreitada seria: envenenar a água dos acampamentos antes de uma batalha; assassinar generais importantes; incendiar os mantimentos e estragar a comida do exército com fungos e bactérias; assassinar os mensageiros e substituir por espiões com mensagens falsas; induzir as tropas francesas em perseguições sem sentido por terrenos que eles desconhecem (como os pirineus espanhóis)Enfim. O objetivo não seria derrotar o exército francês antes da hora, somente despir a imagem de um exército invencível, enquanto as tropas portuguesas se preparavam para um confronto iminente e ganhavam mais ânimo ao ver os percalços pelos quais as tropas francesas estavam passando.Caso Portugal fosse vitorioso (e a história mostrou que eles tinham enormes chances de derrotar as tropas de Napoleão) o desenho da América do Sul poderia ser muito diferente, assim como o da Europa. Muito provavelmente o Brasil não seria um país gigantesco e unificado sob uma única bandeira.Iria fazer isso só pra ver o circo pegar fogo =]E o reflexo deste circo incendiado no contexto político atual.
    • T.Belmont
      Antonio de Lima Silva FilhoJapão - sec 16Seria filho de samurai que sai pra aldeia vizinha se apaixona por uma moça, e fica indo visitar a aldeia para poder vela sempre, mas um dia a aldeia é destruída por mercenários a mando de um poderoso tirano que quer comandar todo o japão com o poder ocidental. Ao voltar para casa descobre que sua aldeia também foi destruída, vagando para o norte uma semana depois é encontrado por um grupo de assassinos que lhe ajuda e o treina com conhecimentos ninjas, 10 anos depois chega a hora de fazer justiça usando o conhecimento dos assassinos e combater a tirania, ajudar os indefesos e fazer justiça. A busca incansável pelo tirano que destruiu a vila faz com que eu descubra a existência de uma das relíquias que Altair e Ezio procuravam, assim começa essa historia.
    • Jennyfer F.
      Djennyfer Karolaine de Melo FerreiraA Guerra dos Canudos - Brasil - século XIXEmbora tenha sido inicialmente uma luta social local, essa guerra mobilizou o país inteiro quando os moradores de Canudos, os próprios combatentes, conseguiram por três vezes vencer os quase dez mil homens enviados para destruir a cidade, que só queria igualdade social, e sozinha estava conseguindo.O meu grupo de assassinos iria destruir o exército que veio para matar combatentes e até mesmo inocentes que moravam em Canudos. Nós chegaríamos um pouco antes da quarta investida, que finalmente massacrou a cidade. Poderia até colocar agentes infiltrados dentro do exército, e ensinar e investir na força bélica da cidade pra conseguir vencer essa guerra.
    • Juliana S.
      Juliana Pereira Santana________"Qual destino você buscaria se fizesse parte de um grupo de assassinos?" – Se eu me torna–se um assassino, minha jornada em diante seria, ir em busca dos nossos maiores inimigos... Assim honrando a nossa irmandade!
    • Evandro R.
      Evandro Murilo RodriguesEu mudaria meu destino radicalmente largando a "profissão" de assassino e faria um curso completo de medicina para ajudar as pessoas a viver e não matá-las, pois todos tem direito à vida!obs.: o nome do jogo mudaria para "Medicine's Creed" kkk
    • Luis Aguiar
      Nome: Luis Gustavo Faria AguiarMeu destino seria servir à Ordem, cumprindo as missões que me fossem dadas, sempre usando uma dessas máscaras de cavalo para criar, no mínimo, uma pequena surpresa para algum sucessor meu que visitasse minhas memórias. Além disso, os Templários esperariam alguém com um capuz, mas nunca com uma máscara de cavalo. Resumindo a história, uma tática tão inovadora como essa me colocaria no hall da fama da Ordem, junto com o Ezio, Altair e o resto da tchurma.
    • Amanda G.
      Amanda Gomes Mendes"Qual destino você buscaria se fizesse parte de um grupo de assassinos"Meu destino seria Exterminar ou acabar com a Turma do PT e seus militantes, ou "Militontos", Semi-Analfabetos, depois acabaria com outros partidos como PSOL,PSTU, PSDB,PCO,PC doB,Etc.. todos são ladrões e corruptos. E a constituição rasgada e reescrita, uma lavagem em vários sistemas governamentais como por exemplo a existência da polícia militar, que cada dia é mais bandida que bandido...uma varredura completa, para entregar nas mãos do povo!
    • Lucas d.
      Nome: Lucas de Oliveira dos SantosE-mail: luckoliv22@hotmail.com"Qual destino você buscaria se fizesse parte de um grupo de assassinos?"R: Anos 60 durante a Guerra Fria, época das grandes conspirações governamentais e espionagens aos Russos.
    • Gabriela N.
      "Qual destino você buscaria se fizesse parte de um grupo de assassinos?"Meu destino seria qualquer lugar, afinal, independente das dificuldades que encontraríamos, existem pessoas marcadas para morrer.Gabriela de Souza Nogueiragabisnog@hotmail.com
    • Wesley M.
      Nome:Wesley Marinho Ribeiro,email: wesleymar_3@hotmail.com "Qual destino você buscaria se fizesse parte de um grupo de assassinos?" Eu gostaria de ir com meu grupo de assassinos até o periodo da ditadura militar aqui no Brasil para derrubar esse regime antidemocratico que privou das pessoas a liberdade de expressão,caracterizado por diversas formas de repressao.Faria uma revoluçao,devolvendo a paz e o retorno dos direitos sociais ao povo brasileiro que foi suprimido pelos militares e pelas classes dominantes.
    Mostrar comentários
    Back to Top