Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Touro Indomável
    Média
    4,3
    291 notas e 25 críticas
    distribuição de 25 críticas por nota
    15 críticas
    6 críticas
    0 crítica
    4 críticas
    0 crítica
    0 crítica
    Você assistiu Touro Indomável ?

    25 críticas do leitor

    Tibério M.
    Tibério M.

    Segui-los 52 seguidores Ler as 59 críticas deles

    5,0
    Enviada em 3 de setembro de 2013
    Que história ein? Touro indomável é o tipo do filme que te deixa inquieto pela pessoa Jack LaMotta, porém, te deixa vibrante pelo lutador Jack LaMotta. Uma história de cortar o coração em ver que a pessoa possui um grande talento se perde em sua própria loucura e com isso infectando quem está ao seu redor. Touro Indomável destaca perfeitamente a força do pensamento, principalmente o negativo. E foi esse pensamento que arrastou Jack para a sua decadência. Não só o pensamento, mas as suas atitudes faziam parte desse pacote. Após sua aposentadoria imaginasse que teria uma vida boa, mas ele não soube aproveitar nem isso e acabou se tornado um comediante de quinta categoria, além de ter sido preso por sua displicência profissional. DeNiro esteve ótimo nesse filme. Joe Pesci então, nunca o vi dessa forma. Excelente atuação, mas eu gostei bastante também da Cathy Moriarty, que mulher linda, com um olhar forte, voz rouca e um sorriso tímido e encantador. Bom demais o filme. Vale a pena conferi-lo. Obs: Apesar da história ser totalmente sensacional, nunca irá superar Rocky. O melhor filme de pugilista.
    felipe
    felipe

    Segui-los Ler as 18 críticas deles

    2,5
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    a melhor atuação de todos os tempos. Genial ao quadrado. Um dos melhores filmes da historia
    Dead Lucas
    Dead Lucas

    Segui-los 14 seguidores Ler as 147 críticas deles

    2,5
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    Acredito que ninguém ainda teve coragem de malhar esse filme, a pior nota foi 4 estrelas, que eu ainda achei injustas, hehehe... A dramática história de La Motta o "Touro do Bronx" é sensacional! Scorsese consegue arrancar uma ótima atuação da até então desconhecida Cathy Moriarty em sua 1ª aparição nas telas. De Niro nos mostra porquê é considerado um dos melhores atores da história. E Pesci? Hilário e cativante ao mesmo tempo. Quem deu a dica para Scorsese de filmar em preto e branco deu uma ótima idéia. Se não for o melhor filme dele, sem dúvida nenhuma está no TOP 3.
    anônimo
    Um visitante
    4,0
    Enviada em 13 de outubro de 2015
    Depois de quatro anos,Martin Scorsese volta a fazer um belíssimo trabalho ao lado de Robert DeNiro.Uma dupla que deu certo em "Taxi Driver",não poderia ser diferente em "Touro Indomável".Que aproveita a boa forma do ator,DeNiro realiza um personagem memorável,com certeza,é uma de suas melhores performances da carreira.O seu personagem Jake La Motta,mostra seu lado explosivo em cima dos ringues,mas seu lado amável ao lado da esposa,quando está em casa.Tudo muda drasticamente quando o lutador começa a ter péssimos resultados em suas lutas.Algo que o faz ficar irreconhecível.Oscar merecido para ele. -Filme revisto em 12 de Outubro de 2015- Nota 8
    Ricardo L.
    Ricardo L.

    Segui-los 8283 seguidores Ler as 1 584 críticas deles

    5,0
    Enviada em 22 de julho de 2017
    Obra prima! Talvez a melhor atuação do cinema , De Niro nesse filme e Marlon Brando em Sindicato dos ladrões se igualam. Roteiro de Touro Indomável é incrível, elenco poderoso e a parte técnica é ensoberbante perfeita, trilha sonora linda ou seja é um dos melhores filmes da história do cinema e o melhor filme sobre esporte já feito.
    Alvaro S.
    Alvaro S.

    Segui-los 354 seguidores Ler as 349 críticas deles

    5,0
    Enviada em 1 de março de 2016
    Filmes com boxeadores praticamente contam a mesma história em cenários diferentes e pra mim só servem como instrumento para o ator mostrar uma nova faceta e possivelmente ganhar prêmios pelo papel. Neste clássico do cinema americano deu certo para o Robert De Niro que ganhou seu segundo Oscar, o primeiro como Melhor Ator. Em Touro Indomável ele interpreta o pugilista peso médio Jake LaMotta, o touro do Bronx, e acompanhamos sua trajetória da fama a ruína. A direção realmente é boa, mas estamos falando do Martin Scorsese. Gostei muito do uso que ele faz com os tempos nas cenas, ora ágeis e editadas como numa luta real, ora contemplativa e longa nos momentos de silêncio. Me surpreendeu também utilizar uma câmera caseira 8mm a cores retratando uma fase feliz do lutador. Mas o que me impressionou de verdade foi a fotografia preto e branco e o jogo de luz e sombras numa das últimas cenas de luta do Jake LaMotta, memorável!!! Tá guardadinha na minha memória. A trilha sonora otimista vai aos poucos ditando o ritmo do filme e do personagem, do auge a decadência, fruto de sua personalidade auto destrutiva. No ringue um grande pugilista, sem medo, implacável e campeão, mas um marido inseguro, paranoico e destrutivo fora dele. Clássico é Clássico, precisa ser visto. Curiosidade. É o quarto de 8 filmes em que o diretor Martin Scorsese e o ator Robert De Niro trabalharam juntos Nota do público: 8.3 (IMDB) Nota dos críticos: 98% (Rotten Tomatoes Bilheterias USA – $23 milhões Acesse o blog 365filmesem365dias.com.br para ler sobre outros filmes.
    Rafael V
    Rafael V

    Segui-los 80 seguidores Ler as 210 críticas deles

    2,5
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    Touro indomável: Robert de Niro seguiu os passos de Marlon Brando, no sentido de interpretar e incorporar totalmente a personagem, ele engorda vários quilos para demonstrar a fase decadente do boxeador que ele interpreta. Interpretação soberba, uma das melhores da carreira de Robert de Niro e quem sabe do cinema mundial. Mereceu o Oscar de melhor ator. E a direção impecável de Martin Scorsese levando você para dentro do ringue (excelentes cenas de boxe). Essa dupla só fez filme bom! E Joe Pesci, sempre ótimo, completa o time. Nota: 10.
    Thiago T.
    Thiago T.

    Segui-los 24 seguidores Ler as 7 críticas deles

    5,0
    Enviada em 3 de junho de 2013
    Touro indomável me prende de uma forma inigualável, é intenso, fotografia das mais belas, melhor abertura que ja vi em um filme, e sem sombra de dúvidas a atuação mais brilhante que já vi na vida, De Niro chega a me assustar, de longe uma das maiores obras primas do cinema!
    Khemerson M.
    Khemerson M.

    Segui-los 22 seguidores Ler as 74 críticas deles

    5,0
    Enviada em 5 de janeiro de 2015
    Touro Indomável é um projeto que se beneficiou imensamente da persistência de Robert De Niro em tentar convencer Martin Scorsese a gravar a cinebiografia do emblemático porém obscuro boxeador Jake La Motta, um sujeito cujo talento para os ringues só se comparava à capacidade autodestrutiva com que levava sua vida, especialmente o ciúme doentio que nutria por sua mulher, Vicky (Cathy Moriarty) e seu irmão Joey La Motta (Joe Pesci), deixando-o por vezes irascível. Soma-se à isso a qualidade inquestionável destas três interpretações centrais junto ao refinamento técnico de Scorsese, bem como sua abordagem pessoal e autorreferencial, e tem-se aquela que estabeleceu-se como uma das principais obras-primas dos anos 1980... (LEIA O RESTANTE NO LINK ABAIXO!)
    Fabiano O.
    Fabiano O.

    Segui-los 19 seguidores Ler as 78 críticas deles

    5,0
    Enviada em 13 de abril de 2015
    Talvez muitos que não tem interesse em histórias com maior profundidade odeiem esse filme, mas a verdade é que se trata de um clássico que faz jus a fama que tem. Todo o acompanhamento da história real do boxeador Jake LaMotta, que por falta de cabeça e um temperamento explosivo e possessivo que culminou na agressão física à sua esposa e seu irmão, arruinaram sua carreira e principalmente sua vida pessoal, onde alguém que tinha tudo diante de seus olhos ficou sem nada e vivendo de show de piadas para sobreviver. Atuação magistral de Robert De Niro, provavelmente a melhor de sua carreira, onde além de atuar retratando tal comportamento, treibou 1 boxe com o próprio La Motta e depois engordou 25 Kg para retratar o lutador aposentado. Não a toa que a Academia não cometeu nenhum erro, e deu merecidamente o Oscar de melhor ator para De Niro, sem contar a sempre ótima direção de Scorsese que adora fazer filmes para se pensar mais, e também para ser o menos simples possível.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top