Meu AdoroCinema
Os Guarda-Chuvas do Amor
Os Guarda-Chuvas do Amor
Data de lançamento 1964 (1h 31min)
Direção:
Elenco: Catherine Deneuve, Nino Castelnuovo, Marc Michel mais
Gênero Comédia Musical
Nacionalidades Alemanha Ocidental, França
Ver o trailer
Usuários
3,38 notas
notar :
0.5
1
1.5
2
2.5
3
3.5
4
4.5
5
Vou ver

Sinopse e detalhes

Não recomendado para menores de 12 anos
Cherbourg, 1957. Guy Foucher (Nino Castelnuovo) é um jovem de 20 anos que foi criado pela madrinha e trabalha como mecânico de carros. Ele é apaixonado por Geneviève Emery (Catherine Deneuve), uma adolescente de 17 anos que ajuda sua mãe viúva no negócio da família, uma loja de guarda-chuvas elegante, mas pouco lucrativa. Geneviève também o ama, mas sua mãe acha que ela é muito nova para casar e não vê como Guy pode manter uma família. Ele é convocado para o serviço militar e ela descobre estar grávida. Surge o dilema: esperar o retorno do amado ou seguir adiante?
Título original

Les Parapluies de Cherbourg

Distribuidor -
Ver detalhes técnicos
Ano de produção 1963
Tipo de filme longa-metragem
Curiosidades 4 curiosidades
Orçamento -
Idiomas Francês
Formato de produção -
Cor Colorido
Formato de áudio -
Formato de projeção -
Número Visa -

Trailer

Os Guarda-Chuvas do Amor Trailer Original 1:59
Os Guarda-Chuvas do Amor Trailer Original
1 054 visualizações
Pela web

Elenco

Catherine Deneuve
Personagem : Geneviève Emery
Nino Castelnuovo
Personagem : Guy Foucher
Marc Michel
Personagem : Roland Cassard
Ficha completa

Foto

Curiosidades das filmagens

Parceria

Este é o 1º de 4 filmes em que o diretor Jacques Demy e a atriz Catherine Deneuve trabalharam juntos. Os demais foram Duas Garotas Românticas (1967), Pele de Asno (1970) e Um Homem em Estado Interessante (1973).

Soltando a voz

Todos os diálogos do filme são cantados.

Dobradinha

Das 5 indicações ao Oscar recebidas por Os Guarda-Chuvas do Amor, a de melhor filme estrangeiro ocorreu na edição de 1965 do prêmio, enquanto as demais na edição de 1966. Esta diferenciação ocorreu porque o filme foi o representante da França ao Oscar de filme estrangeiro de 1965 mas apenas estreou comercialmente nos Estados Unidos no ano seguinte, credenciando-o nas demais categorias da premiação.
4 curiosidades

Últimas notícias

Cidade de Deus está entre os 100 melhores filmes estrangeiros de todos os tempos
NOTÍCIAS - Visto na Web
domingo, 4 de novembro de 2018
Com A Bela e a Fera (1946) e Orfeu na programação, mostra dedicada a Jean Cocteau chega ao CCBB Brasília
NOTÍCIAS - Festivais e premiações
quarta-feira, 22 de março de 2017
Cineasta francês foi um dos nomes mais importantes do cinema de vanguarda na primeira metade do século XX.
Vídeo reúne todas as referências cinematográficas de La La Land - Cantando Estações
NOTÍCIAS - Visto na Web
quinta-feira, 26 de janeiro de 2017
Será que você reconhece todas?
5 Notícias e Matérias Especiais

Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

Mais filmes similares

Comentários

Mostrar comentários
Back to Top