Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Os Inocentes
     Os Inocentes
    Data de lançamento desconhecida / 1h 39min / Fantasia, Terror, Suspense
    Direção: Jack Clayton
    Elenco: Deborah Kerr, Michael Redgrave, Megs Jenkins
    Nacionalidade Reino Unido
    Ver o trailer
    Avaliar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse e detalhes

    Inglaterra, durante o era Vitoriana: dois irmãos, Flora (Pamela Franklin) e Miles (Martin Stephens), moram com seu tio em uma antiga casa após ficarem órfãos. Os meninos são deixados aos cuidados da senhorita Giddens (Deborah Kerr), uma governanta muito competente, que ganha total liberdade de criação dos meninos. Porém, as duas crianças começam a serem possuídas por espíritos que habitavam a casa. Cabe a Giddens salva-las e exorcizar os espíritos que rondam a casa. 

    Título original

    The Innocents

    Distribuidor -
    Ver detalhes técnicos
    Ano de produção 1961
    Tipo de filme longa-metragem
    Curiosidades 4 curiosidades
    Orçamento -
    Idiomas Inglês
    Formato de produção -
    Cor Preto & Branco
    Formato de áudio -
    Formato de projeção -
    Número Visa -
    Os Inocentes Trailer Oficial 2:50
    Os Inocentes Trailer Oficial
    1294 visualizações
    Pela web

    Elenco

    Deborah Kerr
    Personagem : Senhorita Giddens
    Michael Redgrave
    Personagem : Tio
    Megs Jenkins
    Personagem : Senhora Grose
    Pamela Franklin
    Personagem : Flora
    Ficha completa

    Fotos

    20 Fotos

    Curiosidade das filmagens

    Editado na projeção

    O filme começa com uma tela preta tocando uma música de Paul Dehn e Georges Auric, assustadora, por 45 segundos antes dos créditos entrarem. Os projecionistas de cinema acharam que isso fosse um erro e editaram o filme para que começasse quando aparecesse o logo da 20th Century Fox. 

    Sombras afiadas

    Para criar as sombras e os efeitos visuais, o fotógrafo Freddie Francis teve de usar grandes refletores e geradores de luz que forçaram a atriz Deborah Kerr usar óculos escuros durante algumas pausas, na filmagem. 

    "The Infant Kiss"

    A música "The Infant Kiss", do álbum "Never For Ever" de Kate Bush foi inspirada nesse filme.

    Últimas notícias

    A Maldição da Mansão Bly: Romances góticos para quem adorou a série da Netflix
    NOTÍCIAS - Visto na web
    sexta-feira, 9 de outubro de 2020
    A Maldição da Mansão Bly: Conheça o tema da 2ª temporada de Residência Hill
    NOTÍCIAS - Visto na web
    quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019
    Série de Mike Flanagan conta uma nova história em sua segunda temporada, baseada em outro livro de terror com crianças e...

    Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

    Mais filmes similares

    Comentários

    • Bru
      Bom dia, querido!
    • Senhor Ivan
      Bom dia,Boneca!
    • Bru
      kkkkk você pode.
    • Senhor Ivan
      Sei...kkkkkVou ficar de olho em vocês.
    • Bru
      Ora, sobre tudo kkkk.
    • Senhor Ivan
      Mas gente!E daí... O que diacho vocês tanto conversa?
    • Bru
      Tem gente que fica lendo minhas conversas com a Deise, aí deixei privado.
    • Senhor Ivan
      Pra quê esse perfil privado?Quero votar em todos os seus comentários e não posso por causa disso
    • Bru
      Um clássico do terror que prende a atenção desde os minutos iniciais, e o clima de suspense só cresce com a narrativa e entrega ótimos momentos de tensão.Só a apresentação da música inicial, causa mais arrepios do que muitas tramas atuais.A ambientação e a atmosfera assombrosa do filme são muito bem construídas, e aliadas com uma boa fotografia, criam uma estética que nos deixa hipnotizados.Ainda pode-se destacar a competente trilha sonora e as boas atuações.Todos esses aspectos formam um conjunto interessante e inquietante de se ver, tornando o filme um ótimo exemplar do gênero.Nota: 8/10
    • Senhor Ivan
      Um terror legítimo,muito bem dirigido por Jack Clayton e atuado por Deborah Kerr.A fotografia em preto e branco realça bem a situação do horror.Nos prende com facilidade e arregalamos os olhos para tentar visualizar algo além do normal em todas as cenas.A trilha sonora é mais que perfeita.É típica dos filmes do gêneros,são toques que nos fazem arrepiar,claramente,inspirou outros tantos filmes do gênero.Existe uns três ou quatro jumpscare funcionais aqui.O trabalho com o elenco infantil é sensacional.>Assistido em 27 de Fevereiro de 2019-Dou nota 8/10
    • Rodrigo Oliveira
      Ainda não vi, mas gostaria de saber se o filme Os outros(2011), de Alejandro Amenábar, é uma releitura desse clássico Os inocentes!
    Mostrar comentários
    Back to Top