Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    O Céu da Meia-Noite
    Média
    2,2
    155 notas e 59 críticas
    distribuição de 59 críticas por nota
    3 críticas
    7 críticas
    7 críticas
    17 críticas
    16 críticas
    9 críticas
    Você assistiu O Céu da Meia-Noite ?

    59 críticas do leitor

    Cassio B.
    Cassio B.

    Segui-los Ler as 8 críticas deles

    1,0
    Enviada em 25 de dezembro de 2020
    Muito lento, sem foco, pouca ciência, diálogos em momentos de crise difíceis de acreditar, basicamente só tem problemas familiares e nem esses são bem desenvolvidos. Bom só os efeitos especiais do lado de fora da nave. Filme de ver uma vez e esquecer, Netflix mais uma vez estragando uma boa ideia
    Bernardo Aurelio Fonseca Alves
    Bernardo Aurelio Fonseca Alves

    Segui-los Ler a crítica deles

    1,0
    Enviada em 23 de dezembro de 2020
    Filme lento, sem graça, sem emoção, história pouco rica... difícil encontrar uma qualidade. Como os filmes da Netflix, a maioria muito ruim, bons seriados e péssimos filmes!
    Nelson J
    Nelson J

    Segui-los 25581 seguidores Ler as 1 238 críticas deles

    1,0
    Enviada em 27 de dezembro de 2020
    Êta filme chato. Cenas estilo Jornada nas Estrelas e Ó último homem na terra. Pouco sentido e muita lentidão . Haja paciência. Deu para entender vendo acelerado. Fuja.
    Kamila A.
    Kamila A.

    Segui-los 4063 seguidores Ler as 590 críticas deles

    3,0
    Enviada em 28 de dezembro de 2020
    Um filme como "O Céu da Meia-Noite", dirigido, produzido e estrelado por George Clooney, que tem como protagonista um homem solitário e que vive uma jornada bastante particular, precisa de um roteiro que tenha uma dinâmica bastante interessante, de forma que a história nunca fique maçante. Neste sentido, ao decidir se dividir em duas linhas narrativas distintas, unidas por uma terceira que nos aparece em flashback, o roteiro escrito por Mark L. Smith nos oferece essa dinâmica. Em "O Céu da Meia-Noite", George Clooney interpreta o cientista Augustine, que é o derradeiro habitante de uma estação localizada no Círculo Polar Ártico - e que foi evacuada no início do filme devido a um misterioso motivo que envolve a condição de habitação do planeta Terra. Assim, Augustine se vê como o único ponto de contato - e de comunicação - entre o mundo e uma nave espacial que há dois anos desempenha a missão de encontrar um planeta que possa abrigar os habitantes da Terra. No momento em que a trajetória de Augustine e dos tripulantes da nave (David Oyelowo, Kyle Chandler, Demián Bichir, Felicity Jones e Tiffany Boone) se cruza, eles estão no caminho de volta para casa - sem saber se eles nunca chegarão em seu lar novamente. "O Sol da Meia-Noite", portanto, é um filme sobre escolhas e sobre como elas são determinantes para as pessoas que nos tornamos, para o destino que temos ou sobre como elas nos assombram também. Por isso mesmo, o longa tem um calor humano muito forte, mas carece a ele um fator que é muito importante em obras e histórias desse tipo: a emoção. Tudo em "O Sol da Meia-Noite" é muito anticlimático e a sensação é de que o filme poderia entregar bem mais. Em que pese esse fato, é importante mencionar também que a obra conta com uma parte técnica inspiradíssima - com destaque para a direção de arte e para os efeitos visuais.
    TARS
    TARS

    Segui-los Ler a crítica deles

    2,0
    Enviada em 11 de dezembro de 2020
    Quem curte ficção científica vai ficar bastante decepcionado como eu fiquei. Pra você ter uma ideia : a sala de cinema tinha quatro pessoas, sendo que duas saíram na metade da sessão. O filme é chato, com um ritmo arrastado e um roteiro muito forçado e bem inverossímil aonde sobra ficção, mas falta o científico. Nem adianta: o filme não te dá uma explicação sobre o que acontece no mundo. É um drama familiar, com o espaço servindo como pano de fundo. Ótimo candidato a sessão da tarde num futuro próximo. Não recomendo.
    Rodrigo o que?
    Rodrigo o que?

    Segui-los 16 seguidores Ler as 211 críticas deles

    1,5
    Enviada em 30 de dezembro de 2020
    Tenta ser um novo "Interstellar" e falha completamente em tudo: trilha sonora, roteiro, direção falha em praticamente tudo! Os efeitos especiais são bonitos mais isso não faz um filme ser bom
    Luis Alberto Montecinos Ayaviri
    Luis Alberto Montecinos Ayaviri

    Segui-los Ler a crítica deles

    1,0
    Enviada em 24 de dezembro de 2020
    Filme lento, na realidade muito lento, previsível, história sem pé nem cabeça, algumas cenas até infantis de tão bobas, esperava muito mais.
    Jackson A L
    Jackson A L

    Segui-los 4163 seguidores Ler as 667 críticas deles

    2,0
    Enviada em 28 de dezembro de 2020
    É um filme muito lento que lá pela metade fica um pouco mais interessante, mas não deixa de ser apático e vazio em momento algum. Traz uma boa mensagem, mas não é o suficiente para prender a atenção. Termina ao estilo spoiler: "Jornal Nacional"
    fabianomachadors
    fabianomachadors

    Segui-los 17 seguidores Ler as 4 críticas deles

    1,0
    Enviada em 26 de dezembro de 2020
    HUma hstorinha batida sem emoção. No meio do filme você se pergunta se vale a pena continuar olhando. Pelo elenco e direção esperava bem mais. Deu sono.
    Flavia S
    Flavia S

    Segui-los Ler as 10 críticas deles

    0,5
    Enviada em 25 de dezembro de 2020
    Filme sem pé nem cabeça. Várias histórias num filme só e nenhuma delas faz sentido e nem tem resolução. Eu só vi que acabou quando subiram os créditos. Decepcionante
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top