Meu AdoroCinema
Sete Minutos Depois da Meia-Noite
Vídeos Créditos Críticas dos usuários Críticas da imprensa Críticas do AdoroCinema Fotos Filmes Online
Curiosidades Bilheterias Filmes similares Notícias
Nota média
3,6
21 publicações
  • ScreenCrush
  • Critikat.com
  • Omelete
  • The Playlist
  • Collider
  • Preview
  • Ccine10
  • Críticos.Com.Br
  • The Hollywood Reporter
  • Papo de Cinema
  • Télérama
  • New York Times
  • Cineweb
  • The Guardian
  • Observatório do Cinema
  • Screen International
  • O Globo
  • Veja
  • Almanaque Virtual
  • Variety
  • Rubens Ewald

Cada revista ou jornal tem seu próprio sistema de avaliação, que será adaptado ao sistema AdoroCinema, de 0.5 a 5 estrelas.

21 críticas da imprensa

ScreenCrush

por Kevin Jagernauth

Esta bela fábula pode ser focada numa dor específica de uma criança específica, mas ele ultrapassa cada detalhe de sua premissa para se tornar comovente e universal. Parte do mérito vem das histórias contadas pelo Monstro, e ilustradas com animação maravilhosa em aquarela.

A crítica completa está disponível no site ScreenCrush

Critikat.com

por Fabien Reyre

O sucesso total de "Sete Minutos Depois da Meia-Noite" encontra-se no equilíbrio frágil entre a sobriedade e o barroco, encontrando um espaço de coexistência entre a simplicidade da narração e uma série de experimentos visuais realmente espetaculares.

A crítica completa está disponível no site Critikat.com

Omelete

por Érico Borgo

É o espetáculo do monstro do meio para o fim que realmente desperta a imaginação e encanta, tanto pelo impacto visual como pelo significado, tristíssimo mas cheio de otimismo, que deve encontrar ressonância em qualquer um que já tenha sonhado enquanto criança.

A crítica completa está disponível no site Omelete

The Playlist

por Kevin Jagernauth

"Sete Minutos Depois da Meia-Noite" vai se comunicar com qualquer um que tenha lutado contra uma perda, contra a dor do luto, ou passado por dificuldades contra as crueldades do mundo.

A crítica completa está disponível no site The Playlist

Collider

por Adam Chitwood

O diretor J.A. Bayona é perfeitamente capaz de criar uma fábula de emoções genuínas, repleta de imaginação e sinceridade, oferecendo um conto de fadas catártico que nunca deixa a fantasia se sobrepor ao drama dos personagens.

A crítica completa está disponível no site Collider

Preview

por Edu Fernandes

Lewis MacDougall dá conta de manter-se na linha tênue entre emotividade e pieguice, enquanto atua ao lado de grandes atores, ou de criaturas criadas por computação gráfica. Um desafio de gente grande completado com louvor.

A crítica completa está disponível no site Preview

Ccine10

por Kadu Silva

O diretor [...] mostra duas de suas maiores qualidades nesse longa, que é o domínio em criar efeitos visuais que parecem reais e por isso, impressionam (merece ser assistido o cinema) e na condução precisa do elenco, facilitando para que todos brilhem e mostre o seu melhor.

A crítica completa está disponível no site Ccine10

Críticos.Com.Br

por Hamilton Rosa Jr.

O filme é uma aposta arriscada do diretor Juan Antonio Bayona. Tinha tudo para dar errado, mas felizmente Bayona mantém a tradição de seus trabalhos anteriores, o terror de "O Orfanato" e o drama catástrofe de "O Impossível".

A crítica completa está disponível no site Críticos.Com.Br

The Hollywood Reporter

por John DeFore

O fato de que nem toda coisa terrível pode ser remediada ou punida é uma lição difícil até mesmo para os adultos, mas "Sete Minutos Depois da Meia-Noite" nos ajuda a encontrar um sentido nessa busca.

A crítica completa está disponível no site The Hollywood Reporter

Papo de Cinema

por Leonardo Ribeiro

Bayona faz com que o imaginário e o real caminhem lado a lado sem se distinguirem por completo, utilizando metáforas bem construídas e associações sutis.

A crítica completa está disponível no site Papo de Cinema

Télérama

por Frédéric Strauss

Nesta mistura audaciosa de intimismo e do espetacular, as lágrimas e os efeitos especiais pesam um pouco mais do que deveriam. Mas o conjunto transmite uma poesia e um pesar diretamente extraídos do universo dos contos, no qual o impossível aparece para nos ensinar a viver.

A crítica completa está disponível no site Télérama

New York Times

por Neil Genzlinger

"Sete Minutos Depois da Meia-Noite" é uma catarse pintada com images ousadas e barulhentas, um conjunto visual que faz a morte parecer um tsunami sublime.

A crítica completa está disponível no site New York Times

Cineweb

por Alysson Oliveira

Bayona opta por um tom agridoce e melancólico – até nos momentos explicitamente fantásticos –, parecendo seguir um manual para fazer chorar, quando o material, fortemente emotivo por natureza, não precisava disso.

A crítica completa está disponível no site Cineweb

The Guardian

por Nigel M Smith

J. A. Bayona está no auge quando "Sete Minutos Depois da Meia-Noite" lhe dá a oportunidade de demonstrar suas grandes habilidades. É uma pena que o filme não precise delas o tempo todo.

A crítica completa está disponível no site The Guardian

Observatório do Cinema

por Giovanni Rizzo

Nesse movimento gradual de diluição dos limites entre fantasia e realidade, as histórias contadas pelo monstro assumem dois caráteres: o primeiro da obviedade, de construir pontes claras entre esses dois mundos; e o segundo de explorar uma inventividade estética.

A crítica completa está disponível no site Observatório do Cinema

Screen International

por Graham Fuller

Infelizmente, a performance emocionante de Felicity Jones pode acabar sendo ofuscada pelos exageros visuais do filme [...] "Sete Minutos Depois da Meia-Noite" atinge seus pontos altos nas cenas emocionais mais cruas.

A crítica completa está disponível no site Screen International

O Globo

por Mário Abbade

Este belo conto de fadas sombrio, mais voltado para o público adulto, faz uma reflexão sobre a tristeza profunda de uma perda iminente. E Bayona demonstra que a imaginação é uma arma poderosa contra os revezes da vida.

A crítica completa está disponível no site O Globo

Veja

por Miguel Barbieri Jr.

Talento não falta ao diretor espanhol J.A. Bayona (de "O Orfanato" e "O Impossível"), que faz uma adaptação pulsante e comovente (leve o lenço) do livro homônimo de Patrick Ness, também roteirista de "Sete Minutos Depois da Meia-Noite".

A crítica completa está disponível no site Veja

Almanaque Virtual

por Celso Rodrigues Ferreira Junior

Com seu bom roteiro, a direção segura de Bayona, a qualidade dos efeitos visuais e o entrosamento dos atores, “Sete minutos depois da meia-noite” é uma boa fantasia gótica sobre perda e aceitação.

A crítica completa está disponível no site Almanaque Virtual

Variety

por Peter Debruge

Já ouvimos essa lição ser contada inúmeras vezes em outros filmes anteriores, e apesar de ser muito impressionante ver como as ansiedades do protagonista se manifestam em um Ente, até onde os monstros vão, a criação de J. A. Bayona ladra mas não morde.

A crítica completa está disponível no site Variety

Rubens Ewald

por Rubens Ewald Filho

Este não é um terror banal, é europeu, não apenas da Espanha mas Britânico na maior parte de sua paisagem e alegoria e cenas externas. Acho que por isso mesmo não é um terror banal. [...] Educado demais. Assustador de menos.

A crítica completa está disponível no site Rubens Ewald
Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas do AdoroCinema
Back to Top