Meu AdoroCinema
A Menina que Roubava Livros
Críticas AdoroCinema
3,0
Legal
A Menina que Roubava Livros

Emoção fast food

por Lucas Salgado

Adaptação de obra homônima de Markus ZusakA Menina que Roubava Livros conta a história da jovem Liesel Meminger, uma garota que vive com os pais adotivos na Alemanha durante a Segunda Guerra Mundial. Apaixonada por livros, ela acaba desenvolvendo o hábito de "roubar" obras para ler para o amigo Max, um judeu que mora clandestinamente em sua casa.

A Menina que Roubava Livros - FotoNarrada pela Morte, de forma inconstante, mas curiosa, a trama tem como ponto mais interessante a relação entre Liesel (Sophie Nélisse) e seu amiguinho Rudy (Nico Liersch). Os jovens estão bem naturais e transmitem bem a inocência e, ao mesmo tempo, a vontade de descobrir o mundo das crianças.

Os ótimos Geoffrey RushEmily Watson vivem os pais adotivos da protagonista, papéis quadrados e pouco complexos. Rush é o pai acolhedor e que tem momentos de quase criança, enquanto que Watson é o centro da família, uma figura dura e mal-humorada. Os personagens possuem certa variação ao longo da obra, mas nada que os torne mais interessantes.

As apresentações são feitas rapidamente e sem muito cuidado, o que é um grave problema que não deve incomodar tanto quem já leu, que já traz as informações na cabeça.

O longa é dirigido por Brian Percival, que não mostrou a mesma sensibilidade vista na série Downton Abbey, em que comandou diverso episódios. Aqui, o cineasta adota um tom várias vezes manipulador. Trata-se de uma obra correta, mas sem muito sentimento. Ao final, o filme pode emocionar muitas pessoas, mas não por tocar realmente o espectador e sim por oferecer um drama meio que condicionado, é aquela emoção fast food, mata a vontade, mas não alimenta bem. Como não sofrer com crianças em meio a Segunda Guerra, descobrindo a fome e a perda?

A Menina que Roubava Livros - FotoNeste sentido, A Menina que Roubava Livros lembra produções como O Menino do Pijama ListradoO Caçador de Pipas, outras adaptações de sucessos da literatura que não conseguiram transportar para as telas a emoção presente no texto.

A direção de arte e os figurinos são bonitos, mas no geral o cenário é bem artificial. Não há aquela sensação de urgência e tensão que vemos em obras como O Pianista e A Lista de Schindler. A artificialidade é reforçada ainda por aquele velho problema hollywoodiano de alemães falando em inglês ou, pior, inglês com sotaque alemão. Numa indústria pós-ApocalyptoA Paixão de Cristo, é pra lá de forçado vermos ingleses se passando por alemães. Isso talvez não fosse um problema tão grave em uma obra menos quadrada. É tudo tão limpo e tão preciso, que incomoda. Ainda mais em um filme de guerra, cuja presença militar só ganha maior destaque ao final.

Outro ponto negativo é a trilha sonora do mestre John Williams, que recebeu sua 49ª indicação ao Oscar pelo trabalho. A trilha é melosa e parece tentar manipular o espectador e não despertar uma emoção genuína como ele mesmo fez em E.T. - O ExtraterrestreImpério do Sol e, principalmente, A Lista de Schindler

Se você é fã do livro, é possível que aprecie também o longa por já se identificar com o personagens. Mas também é bem provável que se incomode com o quão limpinho e bonitinho é a produção. Uma obra nada marcante, que pode agradar, mas que não ficará na cabeça.

Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas do AdoroCinema

Comentários

  • Dell M.
    Excelente filme!!
  • Ana Paula M.
    Eu gostei do filme mas senti que tudo aconteceu rápido demais, sem um aprofundamento e entendo que quem não leu o livro pode achar a estória forçada demais. De qualquer forma superou minhas expectativas (deixando de lado os momentos recheados de clichês) porque mesmo não sendo tão bom quanto o livro, pelo menos eles tentaram realmente contar a estória, diferente de muitos outros filmes que é melhor nem citar (que nem bons chegam a ser).
  • Thaynan L.
    Eu amei o filme. Sai com a cara inchada de tanto chorar. A fotografia é ótima e os atores estão excelentes. A única coisa que não gostei é que a legenda está branca e não amarela e isso atrapalha um pouco a leitura. De resto, recomendadíssimo. É um dos filmes que comprarei o original para ter em casa.
  • rpelegrini
    Concordo com alguns pontos da crítica como por exemplo idioma... Se o filme se passa na Alemanha, é estranho ouvir todos falando em inglês... No entanto, as excelentes atuações, principalmente de Geoffrey Rush compensam!!!!
  • Edinei S.
    Filme bem morno...esperava mais............
  • Sly C.
    Ótimo filme, o melhor dos que vi do Oscar. Clichê é 12 anos de escravidão, esse sim totalmente certinho e previsível. Ótimas atuações, cenário e roteiro impecáveis.
  • Mariana E.
    bom!
  • Vera L.
    Gostei do filme, ótimo. Fez o que se propôs, mostrar o que o ser humano vive com a perda, numa guerra de fanatismo.
  • Wilton A.
    Realmente. Os resenhistas olham de uma forma tão técnica que esquecem que o público só quer assistir um filme bom. E foi isso que aconteceu, eu li o livro e nem por isso deixei de gostar do filme. Mania de sempre menosprezar as adaptações. Se poupem.
  • Erick S.
    Até agora o melhor site de criticas sobre filmes, realmente analisa todos os detalhes de um filme, estava muito curioso sobre esse filme mas gostaria de uma critica de alguém para ver o filme e não decepcionar, já que fui um grande amante do livro não queria me decepcionar com o filme e ficar amargurado, muito obrigado pela a ótima critica continuem sempre com esse bom trabalho :)
  • Cristiane O.
    Eu concordo com você. Quase sempre me decepciono quando vejo o filme depois de ler. Como este aqui eu já tinha lido há algum tempo e não me lembrava dos detalhes, acabei gostando, achei que foi fiel ao livro.
  • Rosangela Cristina M.
    Um filme jamais será como um livro ....
  • Alex FreireRP
    Respeito todas opiniões, adoro este site, agora três estrelas para um filme tão bom quanto esse, e cinco para Gravidade?
  • Cleide D.
    Li o livro e assisti ao filme. Apesar de ter tido algumas motificações em relação ao livro, amei o filme! Recomendo!!!
  • Katia Sim?es
    Adorei o filme, emocionante, atuações brilhantes.
  • Susan B.
    Concordo e acredito que as pessoas deveriam para e analisar mais desta forma. São duas formas de arte singulares e diferentes em diversos aspectos. Tem-se que entender que o detalhismo e a abertura à imaginação que se tem em um livro é praticamente impossível de transmitir em uma adaptação cinematografica, por isso chama-se ADAPTAÇÃO.O livro é um dos meus favoritos na minha prateleira e ao meu ver o filme, com suas limitações, conseguiu nos transmitir as idéias chave e a emoção ímpar desta divina obra de Markus Zusak.
  • souosvaldo
    Toda vez que tem um filme de algum livro sempre tem aqueles que dizem o livro é melhor, blá, blá, blá... virou um clichê. Eu acho melhor quem já leu um livro nem ver filme, pois pra que assistir uma história que já conhece ? Bom, é minha opinião. Sobre o filme é lindo, vale a pena ver, a sacada da morte falando, deixa a gente pensar em muita coisa. Fora que o filme foi muito bem feito e produzido. Assistam que é ótimo !
  • Francis Narciso M.
    assisti o filme hoje e me emocionei principalmente na sua amizade com max e rudy na parte final nao li o livro ....mas a emoçao teve ser mesma.
  • anne sl
    Li o livro recentemente e adorei, mas realmente o filme não captou a intensidade das emoções em certos momentos. Apesar de os atores estarem adoráveis em seus papéis, senti uma frieza estranha em momentos de emoções tão intensas como no final. Gostei do filme como uma ilustração do que li no livro, mas um temperinho a mais por parte da produção não faria mal nenhum.
  • Guilherme P.
    Não consigo tirar o final da cabeça
  • Alberto V.
    Pois é Valdirene. Mas os PTralhas estão querendo fazer exatamente aquilo do filme no Brasil. Tomemos cuidado!!! A eleição vem aí.
  • Juninho R.
    filmaçoomuito bom
  • Edson L.
    Por melhor que seja o diretor, roteirista e atores, um filme não consegue captar a emoção de um livro.
  • Andre l.
    Eu amei o livro. inicialmente, fiquei triste achando que mais uma vez minha história havia sido escrita, pois tenho um livro, uma obra para ser editado com o mesmo título, mas personagens e tema semelhantes, mas contexto diferentes... Agora, resta saber se escrevo a menina dois que adorava o cheiro dos livros ... kkkk... depois, o filme desta mesma menina que até hoje deixa de comer para sentir o cheiro que exala dos livros...elzamir ferreira
  • Andrew Garfield
    O filme é não é espetacular, mas, na boa, 3?
Mostrar comentários
Back to Top