Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Vai que Dá Certo
    Nota média
    2,5
    13 publicações
    • Blogs Pop
    • Rolling Stone
    • CineClick
    • Cineweb
    • O Globo
    • Omelete
    • Cinema com Rapadura
    • A Tarde
    • Estado de Minas
    • Instituto Moreira Salles
    • Preview
    • Zero Hora
    • Folha de São Paulo

    Cada revista ou jornal tem seu próprio sistema de avaliação, que será adaptado ao sistema AdoroCinema, de 0.5 a 5 estrelas.

    13 críticas da imprensa

    Blogs Pop

    por Rodrigo Ortiz

    Diversão garantida, com um ótimo elenco, bom acabamento e humor bem trabalhado. Nem todos vão apreciar todas as piadas, mas é difícil de sair sem ao menos um sorriso.

    A crítica completa está disponível no site Blogs Pop

    Rolling Stone

    por Érico Fuks

    Os diálogos ágeis, as referências pop aos super-heróis e as situações forçadamente atrapalhadas diluem o peso deste retrato tragicômico, como se estivessem abrindo um sorriso amarelo diante da decadência.

    A crítica completa está disponível no site Rolling Stone

    CineClick

    por Roberto Guerra

    "Vai que dá Certo" é uma comédia eficiente, de situações cômicas bem arquitetadas e de fato divertidas.

    A crítica completa está disponível no site CineClick

    Cineweb

    por A redação

    O melhor é que, em tempos que o humor tem que superar as amarras do politicamente correto sem cair no grotesco, "Vai que dá certo" consegue ser engraçado sem apelar.

    A crítica completa está disponível no site Cineweb

    O Globo

    por Consuelo Lins

    Uma espécie de turma do bolinha trash e ingênua, que tenta, de modo desajeitado e com pouca convicção, se equilibrar na vida sem maiores tramoias. Esse contexto narrativo é o que há de mais simpático na comédia ...

    A crítica completa está disponível no site O Globo

    Omelete

    por Marcelo Hessel

    O resultado é uma comédia desconjuntada que se pauta pela estupidez, sim, mas que termina achando na paródia um olhar interessante sobre alguns dos estereótipos da neurose cosmopolita.

    A crítica completa está disponível no site Omelete

    Cinema com Rapadura

    por Thiago Siqueira

    O filme acaba não funcionando em nenhum de seus intentos ao exagerar demais na caricatura, apesar de ter alguns momentos isolados de brilho graças ao seu elenco cômico.

    A crítica completa está disponível no site Cinema com Rapadura

    A Tarde

    por João Carlos Sampaio

    Não é tão divertido e ousado quanto alguns esquetes do Porta dos Fundos, nem tão óbvio como boa parte dos atuais humorísticos televisivos. Está no meio do caminho entre uma coisa e outra.

    A crítica completa está disponível no site A Tarde

    Estado de Minas

    por Walter Sebastião

    A direção tenta, mas não consegue, elaborar (e até mesmo burilar) os elementos postos em cena (inclusive os atores). A graça, a ironia e a comicidade são forçadas por meio do texto (de tagarelice cansativa), quando o engraçado é (ou poderia ser) a ação.

    A crítica completa está disponível no site Estado de Minas

    Instituto Moreira Salles

    por José Geraldo Couto

    Com seu acúmulo de clichês, sua direção vacilante e suas piadas óbvias, "Vai que dá certo" talvez não seja sequer um bom filme. Mas é digna de interesse sua tentativa de infundir algum sangue novo nas chamadas "globochanchadas".

    A crítica completa está disponível no site Instituto Moreira Salles

    Preview

    por Suzana Uchôa Itiberê

    Um caldeirão de mesmice: reúne os clichês das comédias de golpes com diálogos ágeis e referências ao universo pop. [...] O elenco é engraçado, com destaque para Fábio Porchat. Merecia um texto mais inteligente.

    A crítica completa está disponível no site Preview

    Zero Hora

    por Roger Lerina

    "Vai que Dá Certo" não vai além da comédia de erros mais previsível. A pegada jovem de filme de turma e o apelo dos comediantes da hora, entretanto, devem garantir o êxito nas bilheterias.

    A crítica completa está disponível no site Zero Hora

    Folha de São Paulo

    por Sérgio Alpendre

    Entre as comédias brasileiras recentes, "Vai que Dá Certo" é uma das mais constrangedoras. São muitas piadas, nenhuma graça, numa equação cruel com o espectador.

    A crítica completa está disponível no site Folha de São Paulo
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top