Meu AdoroCinema
A Arte de Amar
Sessões Vídeos Créditos Críticas dos usuários Críticas da imprensa Críticas do AdoroCinema Fotos
Filmes Online Curiosidades Bilheterias Filmes similares Notícias
Nota média 3,2 7 publicações
  • Télérama
  • Estado de São Paulo
  • Rubens Ewald
  • O Globo
  • A Tarde
  • The Hollywood Reporter
  • Screen International

Cada revista ou jornal tem seu próprio sistema de avaliação, que será adaptado ao sistema AdoroCinema, de 1 a 5 estrelas.

7 críticas da imprensa

Télérama

por Frédéric Strauss

O filme combina os desejos do corpo e limites da alma com os limites do corpo e os desejos da alma, conseguindo ser ao mesmo tempo puritano e libertino, e virce-versa.

A crítica completa está disponível no site Télérama

Estado de São Paulo

por Luiz Carlos Merten

Adorei o filme de Emmanuel Mouret, com suas histórias de desencontros amorosos que ora me faziam lembrar os contos morais (e as comédias e provérbios) de Eric Rohmer, ora remetiam a Woody Allen ...

A crítica completa está disponível no site Estado de São Paulo

Rubens Ewald

por Rubens Ewald Filho

O filme [está] recheado de episódios que se cruzam e se interferem, sempre mostrando jogos de amor, sutis e jubilosos.

A crítica completa está disponível no site Rubens Ewald

O Globo

por Daniel Schenker

Mouret [... vale-se] de narração, bons atores, música clássica e referências parisienses. O resultado é suave, despretensioso e fácil de esquecer.

A crítica completa está disponível no site O Globo

A Tarde

por João Carlos Sampaio

Parece mais interessado apenas em levantar temas capazes de provocar conversas de bar, mas nunca um debate sério. "A Arte de Amar" é frívolo, passatempo gracioso e sem pretensões.

A crítica completa está disponível no site A Tarde

The Hollywood Reporter

por Neil Young

Algumas ideias desta comédia romântica sofisticada têm grande potencial, mas são asfixiadas por uma apresentação complicada demais.

A crítica completa está disponível no site The Hollywood Reporter

Screen International

por Dan Fainaru

A nova comédia de Emmanuel Mouret sobre as relações amorosas dos franceses pode ser definida por alguns como doce, divertida e inconsequente, mas para outros ela deve ser vista apenas como inconsequente.

A crítica completa está disponível no site Screen International
Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas do AdoroCinema