Meu AdoroCinema
G.I. Joe - A Origem de Cobra
Curiosidades, bastidores, novidades, e até segredos escondidos de "G.I. Joe - A Origem de Cobra" e da sua filmagem!

Comandos em Ação no cinema

G.I. Joe - A Origem de Cobra é baseado em uma popular coleção de brinquedos, chamada Comandos em Ação, criada em 1963. No ano seguinte a Hasbro lançou uma coleção de 11 bonecos de 30,5 centímetros, baseada nas Forças Armadas. Em 1982 a Hasbro relançou a coleção, agora no tamanho de 7,5 centímetros.

Dos quadrinhos para o cinema

De acordo com o produtor Brian Goldner, G.I. Joe - A Origem de Cobra tem sua maior fonte de inspiração nos quadrinhos dos Comandos em Ação, ao invés da série de animação.

O que é G.I. Joe?

G.I. Joe significa "Global Integrated Joint Operating Entity".

Mudando de time

Em 2003 Don Murphy seria um dos produtores de G.I. Joe - A Origem de Cobra, mas trocou o projeto com a Hasbro por Transformers (2007).

Roteiro original

Skip Woods escreveu um roteiro preliminar, que seria estrelado pelo personagem Alex Mann e teria como antagonista Naja/Ryan, um agente corrupto da CIA. Nesta história Scarlett estaria casada com Alex, mas ainda seria apaixonada por Duke, sendo assassinada pela Baronesa.

Contratando o roteirista

O produtor Lorenzo di Bonaventura e o CEO da Hasbro, Brian Goldner, contrataram o roteirista Michael Gordon com base em seu trabalho com 300 (2006).

Dirigindo agentes especiais

O diretor Stephen Sommers declarou que se interessou pelo filme por ser esta a chance mais provável que teria de dirigir um longa ao estilo James Bond.

Ajuda do mestre

Larry Hama, produtor da série de animação dos Comandos em Ação, exibida em 1985 e 1986, foi um dos consultores de G.I. Joe - A Origem de Cobra.

Ator paz e amor

Inicialmente Channing Tatum não queria atuar em G.I. Joe - A Origem de Cobra por considerar que o filme glorificaria a guerra. Após ler o roteiro e perceber que o filme seria uma ficção científica com ação, ele aceitou o papel. Joseph Gordon-Levitt, também presente no elenco e amigo de Tatum, o incentivou a participar da produção.

Um agrado para o filho

Dennis Quaid aceitou o papel do general Hawk por insistência de seu filho, fã dos Comandos em Ação.

A escolhida

Rachel Nichols era a primeira escolha dos produtores para interpretar Scarlett O'Hara.

Ficaram de fora

Lorenzo di Bonaventura queria que Mark Wahlberg interpretasse Duke.

Sam Worthington foi convidado para interpretar Duke, mas desistiu do papel devido a conflitos de agenda com Avatar (2009).

A personagem Baronesa foi oferecida a Olga Kurylenko.

David Murray foi escalado para interpretar Destro, mas teve que desistir devido a problemas com seu passaporte. Em seu lugar foi contratado Christopher Eccleston. Entretanto Murray interpreta o personagem em uma única cena, de flashback, como o primeiro Destro.

Treinamento pesado

Sienna Miller treinou durante quatro meses para se preparar para a personagem Baronesa.

Ray Park fez treinamento wushu e estudou as aparições de Snake Eyes, seu personagem, na série de animação e nos quadrinhos dos Comandos em Ação.

Entrando no personagem

Ray Park pediu aos produtores que pudesse levar para casa a roupa do personagem Snake Eyes, para que pudesse melhor se adaptar a ela.

A voz do comandante

Joseph Gordon-Levitt se inspirou na voz feita por Chris Latta na série de animação dos Comandos em Ação para fazer a voz do Comandante Cobra no filme.

O mundo de G.I. Joe

Foram construídos mais de 160 sets para uma filmagem de 82 dias.

Armas do futuro

Stephen Sommers teve um grande cuidado na seleção da tecnologia vista em cena. O diretor leu diversos livros e revistas sobre armas, de forma que boa parte do exibido pudesse realmente existir daqui a 15 ou 20 anos.

Sem polêmica

A máscara do Comandante Cobra foi redesenhada para o filme, já que os produtores achavam que a versão exibida na série de animação era muito parecida com as usadas pela Ku Klux Klan.

Sucesso no set

Os produtores gostaram tanto de trabalhar com Dennis Quaid que o roteirista Stuart Beattie criou entre 10 e 15 novas cenas com seu personagem. Ele rodou todas as suas cenas nos dois primeiros meses da produção.

Filmagens internacionais

A cena de ação nas ruas de Paris foi rodada em 14 dias em Praga, na República Tcheca.

Profissão perigosa

Durante a realização de uma cena de luta entre Scarlett e a Baronesa, Rachel Nichols se queimou e Sienna Miller deslocou o pulso.

Filmagens explosivas

Segundo a atriz Sienna Miller, 112 carros foram destruídos durante as filmagens.

Parcerias de ação

Este é o 4º filme em que o diretor Stephen Sommers e o ator Kevin J. O'Connor trabalham juntos. Os anteriores foram Tentáculos (1998), A Múmia (1999) e Van Helsing, o Caçador de Monstros (2004).

Este é o 3º filme em que o diretor Stephen Sommers e os atores Brendan Fraser e Arnold Vosloo trabalham juntos. Os anteriores foram A Múmia (1999) e O Retorno da Múmia (2001).

Homenagem ao clássico

A personagem Shana "Scarlett" O'Hara é uma homenageam a E o Vento Levou (1939).

Atenção na placa

A placa do carro da Baronesa é 398YEH75.

Prêmios

FRAMBOESA DE OURO
2010
Ganhou
Pior Atriz Coadjuvante - Sienna Miller

Indicações
Pior Filme
Pior Diretor - Stephen Sommers
Pior Ator Coadjuvante - Marlon Wayans
Pior Roteiro
Pior Refilmagem ou Sequência

Curiosidades de filmes mais lidas dos últimos 30 dias
  • A Morte Te Dá Parabéns 2 (2019)
  • Nasce uma Estrela (2018)
  • Alita: Anjo de Combate (2019)
  • Roma (2018)
  • Dragon Ball Super Broly (2018)
  • Sai de Baixo - O Filme (2018)
  • Capitã Marvel (2019)
  • Todos Já Sabem (2018)
  • A Favorita (2018)
  • Como Treinar o seu Dragão 3 (2019)
  • Minha Vida em Marte (2017)
  • Marighella (2019)
  • A Mula (2018)
  • Vingadores: Ultimato (2019)
  • Bohemian Rhapsody (2018)
  • Cinquenta Tons de Cinza (2015)
  • Pânico em Alto Mar (2006)
  • Cinquenta Tons de Liberdade (2018)
  • A Caminho de Casa (2018)
  • Esposa de Mentirinha (2011)
Back to Top