Minha conta
    Gilmore Girls: Um Ano para Recordar
    Críticas dos usuários
    Críticas da imprensa
    Média
    4,2
    151 notas
    Você assistiu Gilmore Girls: Um Ano para Recordar ?

    17 Críticas do usuário

    5
    3 críticas
    4
    2 críticas
    3
    5 críticas
    2
    1 crítica
    1
    5 críticas
    0
    1 crítica
    Paula T.
    Paula T.

    Segui-los Ler a crítica deles

    Crítica da série
    1,5
    Enviada em 29 de novembro de 2016
    Nossa bagunçaram com a serie.... erros de continuidade absurdos! Roteiro pobre, mas a fotografia é bonita! Os valores dos personagens o conceito de alguns personagens simplesmente sumiram! Cade a Rory cobrindo a campanha do Obama? As eleições duram um ano, ela teria acumulado experiências feito networking.... É, só vale se vc ver pelo saudosismo. O pior foi a parte da Rory, que regrediu! Voltou a ter um caso com um homem comprometido, pegou a gazeta da cidade e não desenvolveu, passaram anos e ela não fez nada? Ficou chorando miséria sendo de família de avó e pais super ricos! Deram a oportunidade dela escrever sobre " filas en NY" a Rory da serie teria agarrado a oportunidade de feito uma matéria foda, como aconteceu na escola quando a Paris deu os temas " estacionamento " e o do balé... ela não desiste ela luta! Sexo casual? Como assim se na fila anterior ela estava dormindo de cansada?! Cade a parte da cobertura da eleição do Obama? Tinha fotos dela com a Michele Obama, oq fizeram com essas cenas? Passaram-se ano e ela não fez nada e com 32 anos e formada em Yale ela não sabe se comportar em entrevistas de emprego? Age como uma desorientada! Ela não ia ser correspondente internacional???? Puta clichê tosco ela escrever um livro chamado Gilmore G ..... O final de " to gravida"; de um cara noivo, foi podre! A vida toda viu as dificuldades da mãe solteira e uma menina esperta, inteligente, simplesmente nos dias de hoje engravidar sem querer?? Ela tem 32 não 16 como a mãe dela tinha, quando de fato engravidou sem querer , pois era nova e criada numa bolha, mas a Rory não... 32 e cosmopolita, como assim gravida do Logan ???? Tipo “ herança maldita “ “ vou cometer os erros da minha mãe para fechar um clico??? Que coisa horrenda ..... Nossa, que sem noção, muito decepcionante... Vou ficar com o final da 7ª temporada, que é muito mais coerente!
    Cida G.
    Cida G.

    Segui-los Ler a crítica deles

    Crítica da série
    1,5
    Enviada em 1 de dezembro de 2016
    Esta temporada é uma decepção total. Lorelai não é mais divertida, é apenas uma senhora que ainda não sabe o que quer da vida, está sempre amargurada e procura se comportar como se ainda tivesse 16 anos. Numa conversa com Rory ela diz: somos jovens e ponto. Que isso? Síndrome de Peter Pan? Nas outras temporadas tinha graça, ela ainda era bem jovem e o comportamento se justificava, mas agora não. E Luke? Vive jogando na cara da Lorelai que é ela quem estabelece todas as regras. Está na hora de crescer e ser adulto também. A Rory, tão inteligente, tão dedicada, tão obstinada, é um verdadeiro fracasso como profissional e como mulher. Ela não aceitou se casar com Logan para, acreditei eu, ir atrás da carreira, ser uma profissional de sucesso. Daí, depois de 9 anos, ela não tem nada. A Paris está bem profissionalmente, resolvida, embora com a vida pessoal um tanto enrolada, mas também não dá para ser perfeito em tudo; os ex-namorados da Rory estão todos resolvidos, foram em frente; a Lane, com dois filhos, continua impulsionando a banda, realizando o sonho dela. Ou seja, os protagonistas é que continuam perdidos, agindo da mesma forma como agiam no primeiro episódio da primeira temporada, ou, no caso da Rory sofrendo um retrocesso medonho. Patético. Se era para dar "continuidade" assim, seria melhor ter parado mesmo na 7 temporada, quando parecia que tudo era um conto de fadas: Rory indo cobrir a campanha do Obama e Lorelai ficando com Luke. Estragaram tudo nesta temporada de 2016. E aquela última fala da Rory??? Tentativa de dar continuidade??? Só se ela deixar de ser retardada e voltar a ser o que era nas outras temporadas, ou se surgirem outros protagonistas que segurem a série. Estou de luto pelas garotas Gilmore.
    Kamila A.
    Kamila A.

    Segui-los 5.673 seguidores Ler as 675críticas deles

    Crítica da série
    2,5
    Enviada em 28 de março de 2017
    Um dos seriados mais queridos pelo público no início da década passada, Gilmore Girls está centrado no relacionamento entre uma mãe (Lauren Graham) e sua filha (Alexis Bledel), na pequena cidade de Stars Hollow, no Estado de Connecticut. As duas, além do parentesco, compartilham muitas coisas, como o mesmo nome (Lorelai, apesar da filha preferir ser chamada de Rory), o gosto por café e pela cultura pop e a predisposição para o estabelecimento de conversas intermináveis sobre os mais diversos temas.

    Eis que nove anos após a última temporada do programa ir ao ar, o canal de streaming Netflix decide fazer um revival do seriado. Gilmore Girls: Um Ano para Recordar, como o próprio título deixa subentendido, se passa no período de um ano, mais precisamente, por meio das quatro estações (primavera, verão, outono e inverno), em que acompanhamos as transformações pelas quais passaram mãe e filha e todos aqueles que fazem parte de seu círculo.

    O interessante é ver que, em Gilmore Girls: Um Ano para Recordar, Lorelai e Rory estão vivenciando uma espécie de crise pessoal – não uma com a outra, e sim com a maneira como a vida delas se encontra. Enquanto Lorelai lida com a morte do pai (Edward Herrmann), com a solidez de seu relacionamento com Luke (Scott Patterson), com o sempre delicado relacionamento com a mãe (Kelly Bishop) e com a administração de sua pousada; Rory vê sua vida profissional e pessoal estagnada, completamente diferente de tudo que ela imaginava que iria ser.

    Gilmore Girls: Um Ano para Recordar mantém a essência principal da série, que sempre foi a cumplicidade entre mãe e filha, mesmo diante dos maiores obstáculos; mas peca pela maneira como desenvolve a sua história principal – especialmente na forma como relega os seus coadjuvantes a um papel raso, sem um maior desenrolar de histórias paralelas (a mais rica acaba sendo a mudança pela qual Emily passa após a morte de Richard). Ou seja, o revival funciona mais como uma maneira de matarmos as saudades de personagens que são tão queridos, ficando a sensação de que, talvez, seria melhor se a história tivesse terminado da maneira como vimos no series finale, em 2007. Foi, definitivamente, muito mais poético do que o cliffhanger que encontramos no último episódio deste revival.
    Kamila F.
    Kamila F.

    Segui-los Ler as 6críticas deles

    Crítica da série
    3,0
    Enviada em 28 de novembro de 2016
    Essa serie é serio ??? Nossa eu comecei a ver e achei muito boom, minhas expectativas estavam altas, principalmente com o lancamento dessa nova temporada, mas PELO AMOR, o que foi isso, esse autor deixou mais pontas soltas que tudo, e as duas não acabam beem como esperavamos. Estou decepcionadas com o desfecho e com o caminhar dos oeedonagens, essas duas acabam com mais relacionamentos bons que qualquer pessoa. A serie fica cansativa.
    Isabela F.
    Isabela F.

    Segui-los Ler as 2críticas deles

    Crítica da série
    4,5
    Enviada em 26 de novembro de 2016
    Ótimo revival , com muito humor e diálogos rápidos , como se a serie nunca tivesse acabado e estivemos
    esse tempo todo com as garotas gilmore , apresenta um final BEM BEM surpreendente que deixa um gostinho de quero mais !
    F Brunelli
    F Brunelli

    Segui-los Ler as 8críticas deles

    Crítica da série
    3,5
    Enviada em 8 de dezembro de 2016
    Ai gente quero chorar! Eu assistia Gilmore Girls quando era mais novinha, lembro que passava no boomerang eu adorava, mas era novinha, então não entendia quão fantástica a série era, nem acompanhava ep atrás de ep, até porque não era assim que funcionava naquela época rsrs (me senti velha). Ok, netflix lançou todas temporadas morri de alegria, assisti tudo, senti tanta coisa, me apaixonei novamente pela série, a série que nem me lembrava como era. Então chega o inverno e a Lorelai sente cheiro de neve, mesmo carro, mesma cidade, mesmos personagens.. nada mudou, como acontece em cidades pequenas. Amei as réplicas inicias de Lorelai e Rory, amei spoiler: a Lane estar bem sucedida
    . ODIEI ESSE MONSTRO QUE POSSUIU A RORY; pronto a série se estragou com essa rory horrorosa, ai que dor no coração, ainda não consegui assistir nenhum outro ep de tão mal que fiquei com essa rory, eles destruíram a rory meu Deus. Ela dizendo spoiler: "poor Paul" sem nenhum respeito pelo menin, nem parece que foi criada pela Lorelai, se relacionando com um cara que está noivo, o mesmo cara que ela julgou ter sido traída e fez maior cena de menina mimada, sem mencionar que era pra ela ser a Lorelai Gilmore dos filhos da Lane e ela sumiu da vida da Lane
    , na boa rory acabou nossa amizade. Lorelai e Emily estão lindas, Luke tá demais, ai gente o Taylor como pode ainda ser o mesmo??? Parece que o tempo não passou (exceto pela rory, desculpe, estou sensível) a Paris tá um ESPETÁCULO, não esperava nada menos dela. (Engraçado que eu assistia HTAWAM e nem via semelhança com a paris, ficava batendo na minha cabeça, como pode ser a mesma atriz. E ela veio e mostro a Paris Geller que estava guardada todos esses anos). Cuidado com as decepções com esse revival, não estava preparada pra conhecer essa Rory, que eu vi crescer e se tornar um ser humano maravilhoso para em 10 anos se estragar.
    Luciana M.
    Luciana M.

    Segui-los 2 seguidores Ler a crítica deles

    Crítica da série
    4,0
    Enviada em 20 de janeiro de 2021
    Bom amo o seriado, mais em partes e triste Rory e a história dela aqui. E mais estanho ainda a Emily. A única que continua a mesma e Lorelai. E legal para recordar mais que final é esse aff.
    Milena F.
    Milena F.

    Segui-los Ler a crítica deles

    Crítica da série
    1,0
    Enviada em 30 de janeiro de 2017
    muito ruim mesmo...
    todos os atores totalmente perdidos.. em 9 anos a vida muda.. tinham tanta coisa para colocar e nada foi dito, poderia ter mostrado as meninas da escola pelo menos bem sucedida pelo esforço delas pela escola e faculdade.
    ta e emily.. nossa a pessoa perde o marido e ai pessoas que nao sabem falar lingua nenhuma invade a casa dela jesus a serie um ano pra recordar foi muito mau escrita e dirigida, parece que foi feita nas coxas.
    sem amor e paixao.
    começou deixando varias perguntas e curiosidades e acabou deixando nao so as mesmas duvidas como deixou uma lista imensa de perguntas a mais.
    podia no minimo valorizar o trabalho da lorelay filha... nao quer enfatizar o romance blz.. quer que ela seje mae solteira blz, mais pelo menos podia ter tido uma carreira bem sucedida.
    total decepçao.
    ai leio uma entrevista com a protagonista dizendo que nao descarta nada.. porem nao quer que dar continuidade a serie.. podiam apenas se redimir fazendo algo maravilhosamente direito.
    creio que assim como eu muitos fas conseguem fazer epsodios bem melhores que esses... nao ha palavras que possam expressar o quanto foi ruim os epsodios e o quanto deixou triste e a desejar....
    Priscila Leal
    Priscila Leal

    Segui-los Ler a crítica deles

    Crítica da série
    3,0
    Enviada em 4 de janeiro de 2020
    Eu só quero entender duas coisas.
    1 - Quem é essa Rory?
    2 - Vai ter continuação né?! Não é possível que a gente fique aqui com a notícia da Rory grávida e sem a Lorelay casada!!!
    Alessandra P.
    Alessandra P.

    Segui-los Ler as 2críticas deles

    Crítica da série
    5,0
    Enviada em 13 de dezembro de 2016
    Não poderia ter sido melhor, foi lindo demais!
    Chorei horrores em algumas cenas.
    Espero que tenha continuação.
    Francielle B.
    Francielle B.

    Segui-los Ler a crítica deles

    Crítica da série
    1,0
    Enviada em 15 de maio de 2020
    Irei brevemente descrever as incríveis personagens principais que conheci na série original, assim citarei Gilmore Girls antes desse remake desastroso solto na Netflix, para que tenhamos uma visão completa do que se tornou a série favorita por muitos.
    Lorelai, uma mulher forte que aprendeu sobre a vida ao sair do exigente berço de ouro herdado de sua família, após uma gravidez precoce, a fim de viver de maneira independente.
    Rory, criada pela mãe numa cidade pequena, cresce e torna-se uma jovem inteligente, moralmente correta, sensível, e determinada a correr atrás de seus sonhos. O seu futuro, é, de longe, simplesmente brilhante.
    Encerramos a sétima temporada da original Gilmore Girls com lágrimas nos olhos e coração leve. Orgulhosos das melhores amigas Lorelai e Rory, que retratam o relacionamento entre mãe e filha como um conto de fadas, deixamos a série com a sensação de dever cumprido após ver o crescimento das garotas ao desenrolar da história.
    O remake apresentado pela Netflix, cuja intenção era matar as saudades da dupla e de todo elenco, simplesmente trouxe após 10 anos de história uma versão totalmente revirada daquilo que havíamos vivido anteriormente. Sonhos, objetivos, carreiras, relacionamentos amorosos, e até mesmo o caráter moral do personagens foram desrespeitosamente revirados!
    Não só a história nos trás a angústia pelo fracasso de personagens tão queridos, mas o título ilude e engana suficientemente a ponto de lermos “matar as saudades” e nos depararmos arrependidos de estar presenciando um retrocesso tão grande.
    Uma história cativante é simplesmente destroçada nesse remake, onde, o novo trajeto escrito para as personagens pareceu ser feito por alguém que simplesmente nem as conhece.
    A menos que planejem trazer se quer mais uma estação onde possamos voltar a identificar nossas Gilmore Girls originais, o remake aqui descrito simplesmente não merece ser visto por quem se despediu orgulhosamente da linda história de anos atrás.

    Att.: Francielle Bohen
    Júlia Maria Gomes
    Júlia Maria Gomes

    Segui-los Ler as 2críticas deles

    Crítica da série
    3,0
    Enviada em 19 de janeiro de 2021
    Eu gostei de poder ter eles em uma época mais atual e moderna. Porém fiquei totalmente sem entender tudo isso que aconteceu... primeiro que no último episódio fiquei extremamente triste por ela ter recusado o pedido de casamento de Logan,sempre shippei eles... aí achava q rory ia atrás da carreira e quando vê anos depois ela não fez absolutamente NADA! É um desastre saber disso,fiquei decepcionada. Lorelai e luke deveriam ter se casado,depois de tantos anos juntos e ainda estavam naquela enrolação e vida pouco resolvida. E rory e logan ? Rory dormindo com um cara casado? E ainda engravidando dele ? Foi sem senso total e não entendia porque logan não acabava aquele noivado logo.. se tiver continuação espero que ele largue ela,fique c rory e criem os bebês juntos. Realmente não entendi Oq foi esse revival!
    Renata Russo de Moura
    Renata Russo de Moura

    Segui-los Ler a crítica deles

    Crítica da série
    0,5
    Enviada em 17 de setembro de 2020
    Gente, o que foi isso? Que volta horrível Foi essa! Terminei de assistir ontem e ainda não consigo acreditar nesse horror que fizeram com série. Rory, que era sempre tão esforçada, dedicada aos estudos, que fez a melhor faculdade pra ser um fracasso profissionalmente. . O pior de tudo pra mim é ela é Logan! Pelo amor, o namorado perfeito, que sempre colocava ela em primeiro lugar simplesmente vai se casar com outra pessoa, e ela vira amante dele!!!! Que isso, gente! Ela tinha sido pedida em casamento, não aceitou na época, ok! Mas agora vira a amante? A série não se dá o trabalho nem de explicar como eles chegaram nesse ponto! Ainda estou desacreditada. A vida não é perfeita, nós sabemos, mas a Rory virou una tragédia né?! Convenhamos, o que fizeram com a menina? Nada deu certo na vida dela? Profissão, vida amorosa... nada! Até a minha vida tá melhor, fala sério! Ela é Logan mereciam um final feliz já que na última temporada ela não aceitou o pedido dele. Poderiam ter se reencontrado de outra forma, e eles conversam, e ela nunca toca no assunto que poderia estar casada e feliz e não simplesmente ser a outra! Ah pelo amor de Deus. Ainda fica grávida, vai criar o filho sem pai como fez sua mãe? É maldição hereditária?! Ela e Logan se davam mto bem durante o namoro e do nada ela passa a uma posição horrível de amante?! Que história mal feita e mal contenda! Detestei!
    Karla Innarelli
    Karla Innarelli

    Segui-los Ler a crítica deles

    Crítica da série
    5,0
    Enviada em 13 de abril de 2021
    Achei excelente e eu como mulher de 30 anos me vi muito nessa Rory. Fracasso como muitos disseram em qual perspectiva? O importante é a evolução interior é isso é visível quando ela entrega a chave ao Logan e diz que não precisa ser mais resgatada. O fato de ela estar vivendo uma relação casual, ninguém considerou que ela estava buscando um colo conhecido ou mesmo um resgate? Por que dar certo é somente casar e ter sucesso profissional! Achei bastante inclusiva para quem foge do padrão não por que quer mas por situações da Vida. Chorei muito nos episódios e aprendi muitas lições, sobre o luto, a construção, a reconstrução’!
    Graça Elizabeth K.
    Graça Elizabeth K.

    Segui-los Ler a crítica deles

    Crítica da série
    5,0
    Enviada em 31 de janeiro de 2017
    Amei a série, mas fiquei triste porque terminou no 4º capítulo...seria ótimo seria dessem continuidade.
    Back to Top