Minha conta
    La Casa de Papel: Atriz que faz Tóquio roubou item valioso nos bastidores da 5ª temporada (e não devolveu até hoje)
    30 de nov. de 2021 às 14:03
    Aline Pereira
    Aline Pereira
    -Redatora | crítica
    Jornalista que ama boas histórias e combina a paixão por cinema e TV com comunicação para mergulhar ainda mais nos universos e personagens que já fazem brilhar os olhos. Pipoca, suspense, dramédia e uma pitada de reality são a receita perfeita para todos os dias.

    Final de La Casa de Papel estreia na próxima sexta-feira (3) na Netflix e Úrsula Corberó, a Tóquio, confessou "crime" nos bastidores.

    Não é raro ver atores de grandes produções da TV e do cinema que querem levar para casa “lembrancinhas” do trabalho: enquanto Tom Ellis levou um objeto erótico do set de Lucifer e Matt LeBlanc fez uma coleção dos bastidores de FriendsÚrsula Corberó também fez uma pequena coleção de artigos de La Casa de Papel. Em entrevista coletiva com participação do AdoroCinema, a atriz que interpreta Tóquio revelou que fez uma verdadeira “limpa” nos bastidores da série.

    A artista relembrou que, a princípio, La Casa de Papel foi planejada para terminar após a segunda temporada, lançada na Netflix em 2018 - mas o sucesso foi tanto que a produção acabou ganhando mais sequências. Antes de saber disso, Úrsula viveu a época como se fosse uma despedida: “Na segunda temporada levei tudo embora comigo porque achei que era o fim. Fui ao camarim e lembro que terminamos de gravar super tarde, foi um dia longo”, disse.

    Bem, o fim só chegou agora, três anos mais tarde, mas a atriz espanhola decidiu manter a tradição e, desta vez, levou uma joia valiosa para casa. “Depois, na quinta temporada, levei tudo embora comigo de novo. Peguei até um colar da Bulgari”, comentou Úrsula, que estava acompanhada na coletiva por todo o elenco e pelos criadores da série.

    A atriz não especificou o modelo do colar “roubado”, mas a grife italiana Bulgari é uma das mais luxuosas do mundo: os preços dos colares começam em torno de R$ 4 mil reais, mas algumas das peças podem custar mais de R$ 300 mil. “Ninguém me pediu de volta, então…Se me pedirem eu devolvo”, brincou a intérprete de Tóquio. 

    Se na série, o assalto terminou muito mal para a personagem, que não saberá se seus colegas de gangue vão conseguir concretizar o roubo ou não, na vida real, La Casa de Papel rendeu grandes frutos à atriz. Úrsula Corberó, aliás, se tornou embaixadora de uma coleção de diamantes da própria Bulgari, cujas jóias custam, no mínimo, R$ 14 mil.

    Final de Tóquio em La Casa de Papel

    Embora os fãs tenham ficado impactados com o desfecho da personagem - criando até teorias para “contornar” a situação, Úrsula ficou mais do que satisfeita com a história. “Foi difícil, mas fiquei muito feliz com o final de Tóquio. Acho que há algo poético nisso e é bonito quando ela fala sobre viver diferentes vidas. Tenho o sentimento de que foi assim desde o início, quando o Professor a recrutou”, analisou a atriz.

    Além disso, a atriz ainda revelou que já havia conversado sobre a possibilidade de matar Tóquio na série com o próprio criador, Álex Pina.  “Não sei se devo dizer isso, mas, em parte, eu queria que isso acontecesse. Tive conversas com Alex sobre o assunto e acho que Tóquio era uma dessas personagens que precisam morrer”, analisou a atriz.

    Mas calma: para quem já está com saudade da atriz e da personagem, nem tudo está perdido. Tóquio ainda vai retornar antes do final da série - e pode até trazer junto outros personagens queridos.

    O final da 5ª temporada de La Casa de Papel estreia na Netflix em 3 de dezembro. 

     
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top