Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Jussie Smollett é preso após falsa denúncia de agressão
    Por Katiúscia Vianna — 21 de fev. de 2019 às 11:43
    Atualizado 22 de fev. de 2019 às 16:00

    O ator de Empire se entregou a polícia de Chicago e pode enfrentar três anos de cadeia.

    Getty Images

    Mais reviravoltas no caso Jussie Smollett. O ator de Empire se entregou a polícia de Chicago, doze horas após ter sua ordem de prisão decretada, sob a acusação de falsa denúncia de agressão.

    Em coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (21/02), a polícia de Chicago deu mais detalhes sobre o caso: "O ator se aproveitou de problemas sérios, como racismo e homofobia, para promover sua carreira. Como alguém pode ver o sofrimento alheio e manipular tais símbolos para seu próprio benifício? Essa atitude de marketing é uma cicatriz que a cidade de Chicago não merecia. [...] Após mandar cartas de baixo linguajar para a Fox, Smollett pagou US$ 3,500 mil para orquestrar tal ataque, por estar insatisfeito com seu salário", falou o superintendente Eddie Johnson. 

    A polícia ainda garante ter provas físicas do planejamento do ataque, como o cheque usado para o pagamento e ligações telefônicas. Jussie ainda receberá a decisão sobre seu pedido de fiança, na corte criminal. Se for declarado culpado, o ator pode passar até três anos na cadeia, além de pagar uma multa de US$ 25 mil.

    Foto da ficha criminal de Jussie no momento da prisão.

    No dia 29 de janeiro, Jussie Smollett declarou ter sido vítima de um brutal ataque racista e homofóbico. A polícia de Chicago chegou a prender uma dupla de nigerianos, Olabinjo e Abimbola Osundairo, mas eles foram liberados sem acusações, após "uma mudança nas investigações". Um dos suspeitos foi figurante em Empire, enquanto o outro chegou a ser treinador do ator, então fontes da imprensa internacional apontaram que tudo teria sido armado pelo próprio Jussie, em busca de mídia.

    "Como qualquer outro cidadão, o Sr. Smolett aprecia a teoria que todos são inocentes até que provem o contrário - particularmente numa investigação onde informações, verdadeiras ou falsas, são vazadas para a imprensa. Diante das circunstâncias, estamos disposto a conduzir tal investigação e provar sua inocência", declaram os advogados do astro. Oficialmente, o canal Fox (responsável pela produção de Empire) não se pronunciou sobre a prisão de Smollett, mas fontes da Variety contam que a emissora considera suspender o intérprete de Jamal.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Danilo
      Não sei quantos aos demais, mas para que usar um caso de fora?! Sendo que se tem o caso da gaucha que se marcou com uma suástica ou dos militantes de esquerda que picharam suásticas. Já temos muito disso por essas bandas para ficar importando.
    • ChadGrey
      A minionzada toda vai usar o caso pra descredibilizar os movimentos.Não será preciso,,, Eles descredibilizam-se por si.
    • Vítor Menezes
      Tiro no michael brown-FAKEIncêndio na igreja de negros-FAKEGarotos católicos de covington-FAKEJussie Smollett-FAKEEsse pessoal que fica alardeando falsos crimes de ódio um dia vão noticiar um verdadeiro... E ninguém vai acreditar. E os céticos vão ter tanta culpa quanto os aldeões na estória do pastor mentiroso que gritava LOBO!. Depois de várias histórias desse tipo de crime alardeadas pela mídia se mostrando mentiras, quando for real, assim como na estória, as pessoas não vão acreditar
    • D. Grayson
      Cara prestou um desserviço tão grande pra duas causas de importância gigante que o Donald Trump deve ta rindo pra c*ralho agora. E eu fiquei preocupado real qndo vi q o cara tinha sido hospitalizado. Desgraçado. A minionzada toda vai usar o caso pra descredibilizar os movimentos.
    Mostrar comentários
    Back to Top