Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    6 filmes marcantes de terror psicológico
    Por Barbara Demerov — 7 de mai. de 2020 às 15:42
    Atualizado 7 de mai. de 2020 às 23:44
    facebook Tweet

    Esses filmes podem não ter tantos sustos, mas impactam por suas atmosferas sombrias!

    Filmes de terror com sustos para dar e vender existem aos montes, mas e aqueles filmes que não possuem tantos jump scares e, mesmo assim, ficam em nossas mentes por muito tempo? O impacto de obras de terror psicológico é tão forte quanto o de histórias como O Exorcista e O Chamado.

    Pensando nisso, listamos 5 filmes cujos enredos são compostos por outra forma de assustar: de maneira psicológica e nem tanto visual. Confira!

    Ilha do Medo e a loucura em nós

    Dirigido pelo lendário Martin ScorseseIlha do Medo é estrelado por Leonardo DiCaprio e retrata a loucura humana sob as mais diferentes perspectivas, tendo como fio condutor da trama o tenente Teddy Daniels investigando o desaparecimento de um paciente no Shutter Island Ashecliffe Hospital, em Boston. Quando uma tempestade suspende a comunicação com o exterior, o clima de tensão no local se intensifica.

    Corra! e a reinvenção do gênero

    Neste vencedor do Oscar de Melhor Roteiro Original, conhecemos Chris (Daniel Kaluuya), um jovem negro que está prestes a conhecer a família de sua namorada caucasiana Rose (Allison Williams). A princípio, ele acredita que o excesso de carinho por parte da família dela é uma tentativa de lidar com o novo relacionamento de Rose, mas com o tempo Chris percebe que a família esconde algo muito mais perturbador.

    O Bebê de Rosemary e o clássico absoluto

    O clássico de Roman Polanski foca no drama do casal Rosemary (Mia Farrow) e Guy (John Cassavetes) a partir de quando se mudam para um prédio habitado por pessoas muito estranhas. O terror vai se instaurando aos poucos com a gravidez complicada da esposa e com o ótimo trabalho de suspense apresentado dentro e fora do apartamento dos personagens. 

    Louca Obsessão e a vilã icônica

    Protagonizado por Kathy Bates (que venceu o Oscar de Melhor Atriz por este trabalho), o filme adaptado do livro homônimo de Stephen King se passa, em sua maioria, dentro da casa da enfermeira Annie (Bates). Apesar de parecer uma pessoa boa num primeiro momento e afirmar ser sua fã número 01, ela sequestra o escritor Paul Sheldon (James Caan) e o obriga a escrever um novo final para seu livro, ainda inédito.

    Um Lugar Silencioso e a mudança da fórmula

    Um dos maiores sucesso do cinema em 2018, o longa dirigido por John Krasinski e estrelado por Emily Blunt (sua esposa na vida real) conta a história de uma família que precisa se manter unida  e no completo silêncio, caso queiram sobreviver. O resultado é tensão do início ao fim. A sequência estava prevista para sair no início de 2020, mas com a pandemia de COVID-19, deverá ser lançado no segundo semestre.

    O Iluminado e a adaptação lendária

    Apesar de não ser uma adaptação tão fiel ao livro homônimo (também de Stephen King), O Iluminado mantém-se ainda como um dos maiores filmes da carreira do diretor Stanley Kubrick – e um dos mais aterrorizantes do cinema! Graças à excelente atuação de Jack Nicholson, o cinema ainda ganhou a famosa frase improvisada pelo ator: "Here's Johnny!".

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Alan Ramos Fernandes
      O Iluminado e um filmaço mas bem abaixo dos melhores trabalhos do Kubrick ,Polanski além Bebe De Rosemary tem Repulsa Ao Sexo e o O Inquilino que sao sensacionais .
    • Jonathan Kennedy
      Corra, Um Lugar Silencioso e O Iluminado são filmes imperdíveis.
    • Vidamell Vida R.
      Excelentes filmessss!!!!
    • ChadGrey
      Sem dúvida. Todos eles excelentes filmes. Mas assim de repente sei de alguns que combinam melhor com o tema proposto... Filmes como Creep, The Vanishing, Se7en, Shutter Island e até mesmo The Sixth Sense.
    • valdenys virtuoso de lima
      São mesmo.
    • Krauser Hellclown
      Uma coisa não se pode negar, são excelentes filmes.
    • ChadGrey
      Um pouco desmotivado e desinspirado este artigo, hein?
    Mostrar comentários
    Back to Top