Minha conta
    Mulher-Maravilha quebra recorde de 15 anos do primeiro Homem-Aranha
    Por Rodrigo Torres — 3 de nov. de 2017 às 13:01

    Filme estrelado por Gal Gadot se torna a história de origem dos quadrinhos com maior faturamento da história.

    O maior primeiro filme de super-herói da história é de uma super-heroína! Mulher-Maravilha atingiu, nesse Dia de Finados (2), a marca exata de 821 milhões, 749 mil e 588 dólares nas bilheterias mundiais (via Box Office Mojo), superando o recorde de 15 anos do Homem-Aranha de Sam Raimi (US$821,708 milhões).

    Esse feito significa muitas coisas boas, a começar por se tratar de filme solo de uma super-heroína, até hoje visto com resistência em Hollywood. Desde a estreia de Spiderman (blockbuster que iniciou essa nova e maior onda de adaptações de heróis dos quadrinhos), Batman, Superman (duas vezes), Hulk, Homem de Ferro e outros tantos personagens famosos ganharam as telonas, e a história de origem de Diana Prince superou um a um.

    Outro aspecto importante é o poder da repercussão positiva do longa-metragem estrelado por Gal Gadot, que segue faturando alto cinco meses após a sua estreia nos Estados Unidos (o último mercado a lançá-lo no mundo foi o Japão, em 23 de agosto, um mês após todos os outros). Que isso signifique o lançamento de mais filmes solos de heroínas, e ainda melhores.

    A Princesa de Themyscira retorna aos cinemas no próximo dia 16 de novembro, em Liga da Justiça. E Mulher-Maravilha 2 já tem data marcada: 13 de dezembro de 2019.

     

    facebook Tweet
    Links relacionados
    • Mulher-Maravilha: Fãs começam campanha para heroína ser bissexual nas telonas
    • Mulher-Maravilha se torna o segundo melhor filme de estreia de um super-herói ou heroína
    • Mulher-Maravilha e Batman estão meio confusos em nova imagem de Liga da Justiça
    • Gal Gadot beija Kate McKinnon em paródia de Mulher-Maravilha no Saturday Night Live
    • Gal Gadot explica como a Mulher-Maravilha foi modificada após Batman vs Superman
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top