Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Jennifer Lawrence conta como foi humilhada por produtores, que a consideravam gorda
    Por Vitória Pratini — 17 de out. de 2017 às 13:20

    Um deles ainda afirmou que ela era perfeitamente 'comível'.

    Frazer Harrison / Getty Images

    Depois de revelar que ficou "muito perturbada" ao ouvir as acusações de assédio sexual feitas contra Harvey WeinsteinJennifer Lawrence relembrou uma experiência "humilhante" e "degradante" que sofreu no início de sua carreira em Hollywood.

    No evento "Elle's Women" (via EW), na noite da última segunda-feira (16) em Los Angeles, a atriz de Mãe!, que era uma das homenageadas da noite, comentou sobre as muitas mulheres que estavam compartilhando suas histórias e suas dores sobre assédios que sofreram.

    Lawrence revelou que os produtores de um filme pediram que ela emagrecesse para um de seus primeiros papéis. Outra atriz havia sido contratada antes dela, mas demitida por não ter pedido peso rápido o suficiente.

    "Quando eu era muito mais jovem e começando, os produtores de um filme disseram para eu perder seis quilos em duas semanas", disse ela. "Mas não acabou aí. Durante esse período, uma produtora me obrigou a fazer uma formação nua com cerca de cinco mulheres que eram muito, muito mais magras do que eu. Nós ficamos lado a lado com apenas fita adesiva cobrindo nossas partes íntimas. Depois desse 'paredão' degradante e humilhante, a produtora me disse que eu deveria usar as minhas fotos nua como inspiração para minha dieta".

    A atriz ainda lembra que tentou se defender e disse a outro produtor que ela achava que a exigência de perda de peso não era apropriada. Apesar de concordar com Lawrence, o fez pelos motivos errados:

    "Ele disse que não sabia porque todo mundo achava que eu era tão gorda, ele achava que eu era 'perfeitamente comível'", revelou a atriz.

    Lawrence afirmou que se sentiu "presa" pela experiência. "Eu me deixei ser tratada de certa maneira porque senti que tinha que fazer para minha carreira. Ainda estou aprendendo que não tenho que sorrir quando um homem me deixa desconfortável", disse ela, e completou: "Todo ser humano deve ter o poder de ser tratado com respeito porque são humanos".

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top