Minha conta
    Ariano Suassuna: Conheça o autor que escreveu o Auto da Compadecida
    Julia Abreu
    Julia Abreu
    -Redatora
    Redatora e criadora de conteúdo, é viciada em séries, filmes e tudo sobre o mundo do entretenimento. Adora ler livros do Stephen King, Agatha Christie e Neil Gaiman. Vive para ver um dia mulheres serem bem representadas em filmes, séries e comerciais.

    Com grandes obras literárias na carreira, Ariano Suassuna também teve grande participação na dramaturgia.

    Conhecido mundialmente por seus livros envolventes, Ariano Vilar Suassuna retrata a brasilidade em obras literárias e também em meio a dramaturgia, participando da produção de novelas como História d'O Rei Degolado nas Caatingas do Sertão: ao sol da Onça Caetana e A Pedra do Reino e o Príncipe do Sangue do Vai-e-Volta.

    Uma das obras literárias mais conhecidas que, consequentemente, se tornou um dos filmes mais vistos tanto no Brasil quanto mundo afora foi o Auto da Compadecida , estrelado por Selton Mello, Matheus Nachtergaele, Fernanda Montenegro, Luís Melo, Virginia Cavendish, Denise Fraga e muitos outros nomes importantes na história do audiovisual brasileiro.

    Vida humilde

    Nordestino, Ariano Suassuna nasceu em junho de 1927 em João Pessoa, Paraíba. A vida do autor sempre foi muito humilde: um ano após Ariano nascer, João Suassuna, pai do dramaturgo deixou o trabalho que tinha no governo e se mudou com a família para a fazenda Fazenda Acauhan no sertão. Porém, a maior parte da vida de Ariano Suassuna se passou em Taperoá, na Paraíba, após a morte do pai na década de 30.

    Já em Taperoá, Ariano cresceu e iniciou os estudos. Logo após se mudou para Recife, onde terminou o ensino médio e ingressou na faculdade de Direito. Além disso, Ariano Suassuna também ficou conhecido na região por fundar, junto com Hermilo Borba Filho, o Teatro Estudantil de Pernambuco na década de 40.

    Início na literatura

    Por ter contato com a cultura nordestina e principalmente com o sertão brasileiro, muitas das obras literárias escritas por Ariano Suassuna acontecem na região e oferecem ao leitor a brasilidade. Em 1947, logo após fundar o Teatro Estudantil, Ariano entrou no mundo da escrita, onde escreveu peças como Uma Mulher Vestida de Sol e Desertor de Princesa.

    Mesmo já tendo experiência com a escrita, Ariano Suassuna desempenhava papel da advocacia, mas sempre mantendo o teatro por perto. Foi nesta mesma época que escreveu o Auto da Compadecida, Rico Avarento e O Castigo da Soberba. Desde então, o autor escreveu peças para o Teatro Estudantil e outros Brasil afora, novelas e livros, muitos ganharam adaptação para o cinema.

    Televisão e dramaturgia

    Tendo muitos textos adaptados para o teatro, cinema e televisão, Ariano Suassuna se tornou um dos grandes nomes da literatura brasileira, levando a cultura nordestina mundo afora. Dois dos seus contos fizeram parte da televisão nacional como novela. Além disso, livros do autor fizeram grande sucesso nas telonas, sendo visto até os dias atuais como é o caso do Auto da Compadecida.

    Ariano também participou de diversas produções como parte do elenco, onde atuava e demonstrava o seu amor pelo teatro, como em Cícero Dias, o compadre Picasso e Quaderna.

    Conheça as obras literárias de Ariano Suassuna

    Auto da Compadecida

    Amazon

    Escrita em 1955 pelo autor paraibano Ariano Suassuna, o drama que se passa no Nordeste brasileiro, une elementos da tradição regional com a comédia, fazendo dela, uma das obras mais icônicas do autor.

    Com traços do barroco e do cordel, ele apresenta a história de Chicó e João Grilo, dois homens pobres que se veem em grandes enrascadas. Porém, eles não contavam com a morte, onde Chicó verá o Diabo em pessoa e precisará provar que sua vida vale a pena. Encontre na Amazon por R$ 40,74.

    Farsa da Boa Preguiça

    Amazon

    Considerado um dos livros mais importantes da carreira de Ariano Suassuna, Farsa da Boa Preguiça é uma peça que traz como protagonista o poeta popular Joaquim Simão. O texto mantém o tom bem-humorado de Ariano que aborda sobre amores proibidos e um pacto inesperado que faz com que a vida fique em jogo novamente. Encontre na Amazon por R$ 26,99.

    A Pena e a Lei

    Amazon

    A Pena e a Lei de Ariano Suassuna mostra as transformações do Brasil, fazendo com que a peça seja ainda mais baseada na cultura brasileira e na regionalidade. A obra une temas sérios com a linguagem cômica típica de Ariano, proporcionando ao leitor uma reflexão sobre as diferenças sociais. Encontre na Amazon por R$ 31,99.

    Romance de Dom Pantero no Palco dos pecadores

    Amazon

    Dom Pantero, que é o pseudônimo de Ariano Suassuna, é uma forma que o autor encontrou de realizar um testamento literário. Na obra, o autor conta sobre acontecimentos da sua vida e também episódios traumáticos da vida do autor, como a morte do pai. Encontre na Amazon por R$ 94,90.

    O santo e a porca

    Amazon

    Escrita em novembro de 1957, o livro segue a narrativa típica de Ariano Suassuna que mescla a religião e a comédia. No enredo, Euricão Árabe que esconde em sua casa uma porca cheia de dinheiro. Devoto de Santo Antônio, Euricão se vê entre a religião e o que espera da vida. Encontre na Amazon por R$ 41,66.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    • 6 produtos da Amazon que são muito Black Mirror
    • Casamento às Cegas 3: Conheça mais sobre o reality da Netflix e fique por dentro da nova temporada
    • Conheça 6 séries para celebrar o Mês do Orgulho LGBTQIAP+
    Pela web
    Comentários
    Back to Top