Minha conta
    Caçadores De Emoção
    Média
    4,2
    810 notas
    Você assistiu Caçadores De Emoção ?

    25 Críticas do usuário

    5
    10 críticas
    4
    13 críticas
    3
    1 crítica
    2
    1 crítica
    1
    0 crítica
    0
    0 crítica
    anônimo
    Um visitante
    4,0
    Enviada em 9 de agosto de 2019
    Personagens caricatos, trama policial previsível, cenas de ação exageradas...Ou seja, tudo o que que faz um filme pipoca do final dos anos 80/ começo dos 90 tão divertido. Point Break é absurdo, over-the-top, e ridiculamente satisfatório. Mistura com bastante eficiência toda aquela boboquice dos filmes de dupla policial com trama investigativa dos anos 80 com aquela cafonice surrealista dos filmes de ação dos anos 90 que este inclusive influenciou decisivamente. Kathryn Bigelow dirige ação como poucos realizadores de sua geração. A montagem caótica junto à câmera trêmula deixam o espectador praticamente dentro dos conflitos, recursos técnicos de som e imagem que em mãos erradas poderiam deixar o filme uma bagunça, mas que aqui são usados com sabedoria por uma equipe talentosa. O elenco também está ótimo, como já era de se esperar de um filme de Bigelow. Keanu Reeves e sua cara de bunda caem como uma luva no filme, sendo seu personagem quase uma sátira dos tipões de filmes clássicos do gênero, um sub Clint Eastwood, por assim dizer. Outro ponto alto do longa é Patrick Swayze, o icônico ator incorpora sem problemas todo aspecto over act e motivações estúpidas de seu personagem, numa performance caricatural na medida e completamente casada com a proposta do filme. Gary Busey praticamente rouba a cena por ser...Bem, Gary Busey! Com aquela cara estranha que parece uma máscara de borracha derretida encima de um rosto de outra pessoa e aquela boca enorme com mais de 70 dentes fica difícil não chamar a atenção. Enfim, Caçadores de Emoção pode não ser um primor cinematográfico em termos de narrativa e desenvolvimento de personagens, mas com suas sequências de ação eletrizantes, elenco super a vontade, e algumas cenas de surfe em câmera lenta e saltos de paraquedas insanos com uma trilha de clipe da MTV, garante com boa aventura de ação com toda a cafonice e absurdo que são marca registrada de sua época. Nostalgia total! NOTA : 7.5 / 10
    anônimo
    Um visitante
    4,0
    Enviada em 13 de julho de 2021
    Personagens caricatos, trama policial previsível, cenas de ação exageradas...Ou seja, tudo o que que faz um filme pipoca do final dos anos 80/ começo dos 90 tão divertido. Point Break é absurdo, over-the-top, e ridiculamente satisfatório. Mistura com bastante eficiência toda aquela boboquice dos filmes de dupla policial com trama investigativa dos anos 80 com aquela cafonice surrealista dos filmes de ação dos anos 90 que este inclusive influenciou decisivamente. Kathryn Bigelow dirige ação como poucos realizadores de sua geração. A montagem caótica junto à câmera trêmula deixam o espectador praticamente dentro dos conflitos, recursos técnicos de som e imagem que em mãos erradas poderiam deixar o filme uma bagunça, mas que aqui são usados com sabedoria por uma equipe talentosa. O elenco também está ótimo, como já era de se esperar de um filme de Bigelow. Keanu Reeves e sua cara de bunda caem como uma luva no filme, sendo seu personagem quase uma sátira dos tipões de filmes clássicos do gênero, um sub Clint Eastwood, por assim dizer. Outro ponto alto do longa é Patrick Swayze, o icônico ator incorpora sem problemas todo aspecto over act e motivações estúpidas de seu personagem, numa performance caricatural na medida e completamente casada com a proposta do filme. Gary Busey praticamente rouba a cena por ser...Bem, Gary Busey! Com aquela cara estranha que parece uma máscara de borracha derretida encima de um rosto de outra pessoa e aquela boca enorme com mais de 70 dentes fica difícil não chamar a atenção. Enfim, Caçadores de Emoção pode não ser um primor cinematográfico em termos de narrativa e desenvolvimento de personagens, mas com suas sequências de ação eletrizantes, elenco super a vontade, e algumas cenas de surfe em câmera lenta e saltos de paraquedas insanos com uma trilha de clipe da MTV, garante com boa aventura de ação com toda a cafonice e absurdo que são marca registrada de sua época. Nostalgia total!
    Felipe F.
    Felipe F.

    Seguir usuário 2.526 seguidores Ler as 684 críticas

    4,0
    Enviada em 16 de abril de 2020
    Sem dúvidas Caçadores de Emoções é um dos filmes mais legais dos anos 90. Tem Keanu Reeves no papel principal, boas cenas de ação e com uma ótima investigação policial por trás, e várias cenas envolvendo esportes radicais, principalmente de surf e vale ressaltar que são muito bem filmadas. O filme não envelheceu mal, continua sendo uma ótima pedida para fãs de filmes de ação e dos filmes de décadas passadas, tem um belo charme o longa e sem dúvidas é um filmão.
    Thamires F.
    Thamires F.

    Seguir usuário 100 seguidores Ler as 138 críticas

    4,0
    Enviada em 22 de abril de 2016
    Filme maravilhoso ! Keanu Reeves e Patrick Swayze formam uma dupla e tanto , são atores incríveis !

    Nota 9/10
    Neuton G
    Neuton G

    Seguir usuário 7 seguidores Ler as 25 críticas

    4,0
    Enviada em 10 de junho de 2018
    Filmaço!! Lembro de ter assistido esse filme em 1993 quando eu tinha mais ou menos 7 anos, desde então aquela cena que o assaltante encara o policial na perseguição ficou gravada na minha mente e eu falava pra mim mesmo que um dias assistira essa cena novamente. Recomendo! este é um excelente filme.
    anônimo
    Um visitante
    4,0
    Enviada em 20 de fevereiro de 2021
    Personagens caricatos, trama policial previsível, cenas de ação exageradas...Ou seja, tudo o que que faz um filme pipoca do final dos anos 80/ começo dos 90 tão divertido. Point Break é absurdo, over-the-top, e ridiculamente satisfatório. Mistura com bastante eficiência toda aquela boboquice dos filmes de dupla policial com trama investigativa dos anos 80 com aquela cafonice surrealista dos filmes de ação dos anos 90 que este inclusive influenciou decisivamente. Kathryn Bigelow dirige ação como poucos realizadores de sua geração. A montagem caótica junto à câmera trêmula deixam o espectador praticamente dentro dos conflitos, recursos técnicos de som e imagem que em mãos erradas poderiam deixar o filme uma bagunça, mas que aqui são usados com sabedoria por uma equipe talentosa. O elenco também está ótimo, como já era de se esperar de um filme de Bigelow. Keanu Reeves e sua cara de bunda caem como uma luva no filme, sendo seu personagem quase uma sátira dos tipões de filmes clássicos do gênero, um sub Clint Eastwood, por assim dizer. Outro ponto alto do longa é Patrick Swayze, o icônico ator incorpora sem problemas todo aspecto over act e motivações estúpidas de seu personagem, numa performance caricatural na medida e completamente casada com a proposta do filme. Gary Busey praticamente rouba a cena por ser...Bem, Gary Busey! Com aquela cara estranha que parece uma máscara de borracha derretida encima de um rosto de outra pessoa e aquela boca enorme com mais de 70 dentes fica difícil não chamar a atenção. Enfim, Caçadores de Emoção pode não ser um primor cinematográfico em termos de narrativa e desenvolvimento de personagens, mas com suas sequências de ação eletrizantes, elenco super a vontade, e algumas cenas de surfe em câmera lenta e saltos de paraquedas insanos com uma trilha de clipe da MTV, garante com boa aventura de ação com toda a cafonice e absurdo que são marca registrada de sua época. Nostalgia total!
    Eder Brito
    Eder Brito

    Seguir usuário 34 seguidores Ler as 119 críticas

    4,5
    Enviada em 21 de maio de 2018
    Ta ai um filme antigo que da banho em muito filme atual. Eu sou meio suspeito por ser apaixonado por Surf apesar de não ser praticante, porém o filme vai muito além disso e fica muito claro as dificuldades e aprendizados que o filme nos trás. O filme é simples na sua premissa, quem espera que seja um grupo de assaltantes super inteligentes que querem ganhar milhões com planos extremamente bem elaborados se engana. Muito pelo contrário é um grupo de surfista que quer dinheiro fácil para sustentar sua paixão pelo surf, eles só se preocupam em ser rápidos pegando só o dinheiro do caixa ignorando os cofres e assim vão tocando a vida. Uma história simples, que fogem dos clichês e ao mesmo tempo tempo é lotada de emoção e radicalismo. Há apenas uma cena que achei muito forçada que é spoiler: quando ele salta do avião sem paraquedas, levando em conta sua inexperiência de apenas um salto
    mas em fim. Vale muito apena ser visto!!
    Harley Coqueiro
    Harley Coqueiro

    Seguir usuário 10 seguidores Ler as 13 críticas

    4,5
    Enviada em 27 de maio de 2014
    Uma onda de assaltos a bancos cometidos por uma inusitada quadrilha de mascarados de ex-presidentes americanos [Reagan, Carter, Nixon e Johnson] assombra a costa da Califórnia.
    Pressionado, o FBI se vê obrigado a infiltrar um jovem agente em uma pequena comunidade de surfistas, liderada por um sujeito místico e bastante carismático (Patrick Swayze), que faz com que o agente vivido por Keanu Reeves passe a enxergar a vida de uma maneira diferente e libertária - e quase põe todo o plano policial a perder.
    Ótimo filme de ação, lançado em 1991, com roteiro de James Cameron e magistralmente dirigido pela sua esposa na época, Kathry Bigelow, que merecia ter feito mais sucesso na época de seu lançamento.
    Sidney  M.
    Sidney M.

    Seguir usuário 22.679 seguidores Ler as 1.082 críticas

    4,0
    Enviada em 11 de agosto de 2016
    Belíssimo filme de ação policial, bem filmado, com ótimas locações e nada de cgi exagerado. Ta aí um filme que não precisava de refilmagem.
    Vinícius d
    Vinícius d

    Seguir usuário 150 seguidores Ler as 511 críticas

    4,0
    Enviada em 2 de outubro de 2021
    Point Break "Caçadores de Emoção" e um filme anos 90 na raiz, uma boa vibe assistir esse filme interpretado por dois grandes do cinema: Gary Busey que encaixou bem no personagem dele o tiozão de Utah e policial Pappas e o saudoso Patrick Swayze que saiu da sua linha tradicional de filmes para interpretar o complicado Bodhi. Filme que marcou época, fez um sucesso para Keanu Reeves e mostrou ao mundo a chegada dos anso 90 com boa música, adrenalina e cabeça dos jovens para o que era vida, adrenalina, aventura em 1991. A história policial e interessante, o final surpreendente, a dupla Utah e Pappas deixa saudade. Parabens ao redatores da história na capacidade de mudar de maneira gostosa o desfecho dos personagens em cada instante. Filme policial mas com ar sarcástico e cômico por todo filme. Deixem Bodhi pegar a onda dele!
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    • Melhores filmes
    • Melhores filmes de acordo a imprensa
    Back to Top