Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Oscar 2018: Artista se inspira em Três Anúncios para um Crime para questionar Hollywood sobre casos de assédio
    Por Rodrigo Torres — 1 de mar. de 2018 às 09:05
    facebook Tweet

    "E o Oscar de maior pedófilo vai para..."

    Três anúncios da vida real
    2. Três anúncios da vida real +
    "Dê nomes ao subir ao palco ou cale-se!"
    Leia mais

    Todo o barulho causado pelo movimento #MeToo rumo ao Oscar 2018 é pouco para Sabo. Usando de criatividade, o artista de rua se inspirou no filme Três Anúncios para um Crime para denunciar a omissão de Hollywood em relação aos casos de assédio na indústria, destacando a falta de prisões, o fato de muitos abusadores ainda não serem conhecidos e uma possível premiação de gente responsável por violentar crianças. Tudo por meio de outdoors como no filme dirigido por Martin McDonagh, com letras negras sobre fundo vermelho. Confira!

    Três Anúncios para um Crime foi indicado ao Oscar 2018 em 7 categorias: filme, roteiro, edição, trilha original, ator coadjuvante para Woody Harrelson e duas categorias em que é favorito: atriz principal, para Frances McDormand, e outra indicação de ator coadjuvante, para Sam Rockwell.

    A cerimônia de premiação do Oscar 2018 acontece no próximo domingo, 4 de março.

    Três Anúncios para um Crime Trailer Legendado
    Três Anúncios para um Crime Trailer Legendado

     

    facebook Tweet
    Links relacionados
    • Oscar 2018: Produtor de Últimos Homens em Aleppo consegue visto de última hora para comparecer à cerimônia
    • Oscar 2018: Artistas indicados sairão da premiação com sacola de presentes avaliada em US$ 100 mil
    • Mostrando-se preparada para a transmissão do Oscar 2018, Dira Paes compara seu novo filme com A Forma da Água e Lady Bird
    • Oscar 2018: Crianças recriam cenas dos indicados a Melhor Filme
    • Oscar 2018: Nicole Kidman, Sandra Bullock e Lupita Nyong’o integram novo grupo de apresentadores confirmados na cerimônia
    Pela web
    Comentários
    • silvana
      Finalmente existe luz no fim do túnel nessa medíocre massa adestrada que segue a mídia sem qualquer critério! Separar o joio do trigo é possível sim, de forma responsável! H L Menken...mito...amei!!
    • Pessoa
      Criativo!?!? Será que modificaram o sentido da palavra?O que ele fez é algo extremamente banal. Para quem conhece pessoas realmente criativas, críticas e com senso de humor como H L Menken, Billy Wilder, Bansky etc, esta vulgaridade do Sabo é ridícula.Ele só usa de insinuações para atacar Hollywood. Hoje em dia é muito fácil incriminar alguém com acusações vagas e sem provas, somente com base em insinuações.Alex Grijelmo descreve muito bem em seu ótimo artigo A Arte de Manipular Multidões publicado na versão brasileira do El Pais como a mídia usa a insinuação e outros artifícios para enganar os ingênuos. E tem caras de pau que se dizem artistas que seguem pelo mesmo caminho.Além disso, para quem conhece este suposto artista, sabe muito bem que sua real intenção não é chamar a atenção para o assédio e outros crimes sexuais. Seu objetivo é simplesmente agredir Hollywood pois a maioria dos membros desta indústria critica Trump, o seu grande ídolo.
    • Vidamell Vida R.
      Cara criativo......
    • Jc V.
      Pesado
    • Mr. Artorias
      Criativo. Pontual. E necessário. Muitos parabéns ao artista.
    Mostrar comentários
    Back to Top