Meu AdoroCinema
Sense8
Críticas dos usuários
Média
4,6
3245 notas e 221 críticas
67% (147 críticas)
20% (44 críticas)
7% (15 críticas)
3% (7 críticas)
1% (3 críticas)
2% (5 críticas)
Você assistiu Sense8 ?
Gleyston B.
Gleyston B.

Segui-los 8 seguidores Ler as 2 críticas deles

5,0
Enviada em 12/06/15
Na minha opinião a série deveria se chamar sense9 pois, nós como espectadores também experienciamos todos os sentimentos e situações pelas quais os personagens passam como se também fôssemos um dos sensates, a empatia que sentimos pelos personagens e seus dramas pessoais é um dos pontos mais fortes da série e por várias vezes você se identificará com a situação pela qual um ou outro personagem está passando ou por sua história de vida. Para alguns a série pode parecer confusa no início, mas a meu ver isso foi feito de propósito para que não saibamos mais que os próprios personagens sabem e descobrimos com eles o desenrolar da trama. Essa é certamente uma série que não agradará a todos, principalmente os preconceituosos de de mente fechada pois além de abordar a multi cultura e as histórias de vida de cada personagem mostrando que todos os 8 são personagens principais, a série também aborda temas como intolerância religiosa, machismo, homofobia e tantos outros assuntos que hoje em dia todo mundo, principalmente nos meios de comunicação, prefere não falar e fingir que não existem. Prepare também seu lenço para assistir porque você vai chorar litros a cada episódio, pelo menos eu chorei. A série tem foco no amor, de todas as formas, amor de filho, amor de mãe, de pai, de irmão, de amigo e o amor romântico seja ele por uma pessoa do mesmo sexo ou não. Também não tem o menor "pudor" quanto ao que mostrar, mostra desde nus frontais, masculinos e femininos, até bebes saindo das vaginas de suas mães, o que na minha opinião é uma das grandes vantagens de se fazer uma série pra internet, o que tem que ser mostrado será mostrado, sem censura nem tarjas. Por fim gostaria de terminar dizendo que essa série é simplesmente sensacional e que ao terminar de ver o 12º episódio já me encontrava em abstinência da série e ansioso por uma 2ª, 3ª, 4ª, 5ª e quantas temporadas forem necessárias para contar essa história lindíssima que é sense8.
Lucas S.
Lucas S.

Segui-los 9 seguidores Ler a crítica deles

5,0
Enviada em 07/06/15
Assisti a serie inteira, ela me deixou vidrado.. Possui um enredo muito original, fazia tempo que não surgia im seriado tao bom. Ótimo trabalharem com 8 personagens bem diferenciados, e tirar EUA do centro dos seriados, cada episódio tem seu foco e com emoção, me surpreendeu. A nudez do seriado foi uma das coisas que mais gostei, as cenas são bem trabalhadas e passa muita presença pro seriado, algo verdadeiramente real. Seleção de músicas é ótima, pude recordar Mad World e Sigur Rós. Seriado excelente, não tenho nada a reclamar. Que venha a 2 temporada!!.
Joana M.
Joana M.

Segui-los Ler a crítica deles

5,0
Enviada em 10/06/15
Uma série sublime. Envolve vária culturas e aborda as relações humanas de forma intensa sem preconceito. Vive a intensidade das experiências dos 8 personagens, com uma ligação cruzada que faz pensar como será nos colocar no lugar do outro. Sem dúvida uma história intensa e que dá que pensar.
Fernando L.
Fernando L.

Segui-los 13 seguidores Ler a crítica deles

5,0
Enviada em 07/06/15
No primeiro episódio a série nos deixa um pouco confuso, mas logo nos episódios seguinte se transforma em uma bela trama. Utilizar conexão com oito pessoas de países diferentes talvez deu a série um diferencial em um mundo onde as séries são dominada por heróis Americanos. Com suas cenas polêmicas de sexo, que ja são assunto no mundo todo. Muito boa a série, que venha a proxima temporada.
Adriano G.
Adriano G.

Segui-los 23 seguidores Ler a crítica deles

4,0
Enviada em 07/06/15
Vi até o nono episodio! Estreio dia 05, e hoje é dia 07. É instigante ver temas tão recorrentes mas sempre deixados de escanteio. Temos o poder do homem em Seul - Coreia, suplantando a inteligencia de mulheres. A corrupção de medicamentos manipulados no Nairobi - Quenia local de extrema pobreza, em Chigago - USA, um policial tenta desvendar um crime, Em Mumbai a tradição se conflita com o amor e com a descrença, em Londres a repressão de valores de "ser" macho são dilemas que refletem na Cidade do México com um ser humano (igual aos demais) que precisam ter escolhas de vida ou ficar no armário ou sair dele em São Francisco, com mudança literal de gênero. Todos fazem sexo, todos tem sentimentos, todos amam, todos fazem burradas, são generosos e precisam decidir, escolher. Assim como você que esta lendo. Você pode ser (ou não) um reflexo desse que escreve, e o que esta fazendo para deixar o seu meio melhor? Como uma sussurro em nossa consciência eles conversam com nos. E temos que escolher. Se identificou com algo, assista!
Senhor Ivan
Senhor Ivan

Segui-los 490 seguidores Ler as 2 819 críticas deles

4,0
Enviada em 20/08/15
Os doze episódios de "Sense8",são extremamente diferentes.O que não pode ser levado em conta,é a forma em que as coisas vão mudando a cada episódio com os personagens.A premissa é interessante,unindo logo em primeiro plano,todos os oito principais rostos da trama.As oito pessoas estão espalhadas ao redor do mundo,mas são unidas por conta de um acontecimento com a personagem de Daryl Hannah.Após isso,conhecemos as identidades dos envolvidos na série,com um valor mas alto.Sense8 nos reserva momentos engraçados,emocionantes,cheio de suspense e principalmente uma união fora do comum.É claro que temos episódios melhores que outro,uns com mais ação,outros com mais diálogos,mas sempre explorando as histórias de cada personagem.A grande atração,são os momentos em que ambos roubam a consciência,quando entram em algum problema mais grave,ou sentem emoções instantâneas.Vale a pena conhecer essa história,deixando o tal preconceito de lado,a história tem muito a mostrar.Os irmãos Wachowski,executam uma ótima direção,tendo pequenas falhas ao longo,mas nada que possa comprometer.Os personagens são realmente carismáticos,nos embalam com a forma poderosa de atuação.
Rafaela M.
Rafaela M.

Segui-los 23 seguidores Ler a crítica deles

5,0
Enviada em 12/06/15
Ótima série, com história criativa e empolgante com personagens interessantes e apaixonantes.
Marcelo Estênio
Marcelo Estênio

Segui-los 30 seguidores Ler a crítica deles

5,0
Enviada em 09/06/15
Uma série envolvente independente de sexo, religião ou cença. <3
Rose S.
Rose S.

Segui-los Ler as 2 críticas deles

5,0
Enviada em 15/01/16
Uma série sobre se colocar no lugar do outro, sobre ter empatia e entender que todos, sem exceção, do Quênia ao Japão, possuem problemas, medos, dificuldades, defeitos, mas que também, todos possuem a capacidade de amar. Uma série que mostra que você pode mudar a vida de outras pessoas com o que você tem, seja com socos ou com conhecimentos científicos. Uma série sobre tirar o cérebro da zona de conforto e pensar questões que não pertencem ao seu cotidiano. Uma série que demonstra a força do coletivo, mas ao mesmo tempo a importância de se valorar a individualidade. Uma série que acrescenta alguns anos na sua maturidade emocional. Uma série pra te fazer ter vontade de rodar o mundo. Uma série para assistir sozinho (por vários motivos) ou com alguém com que você possa falar o quanto ficou chocado/espantado/emocionado/avergonhado/triste/admirado. Porque The Matrix não foi o suficiente... veio Sense8.
Marianna S.
Marianna S.

Segui-los 5 seguidores Ler as 4 críticas deles

5,0
Enviada em 18/06/15
Muito perfeita. Me atingiu como público em cheio! A primeira temporada é viciante.
Douglas D.
Douglas D.

Segui-los 1 seguidor Ler a crítica deles

5,0
Enviada em 14/06/15
Série muito boa,totalmente diferente,tramas e sub-tramas na minha opinião muito bem trabalhados assim como os personagens carismáticos que nos prendem e nos levam dar uma volta na vann dame, o desenvolver começa bem lento,mas do nada sense8 toma um soco Wolfgang e surpreende positivamente,de modo que você termina cada episódio e por fim a temporada querendo mais. Ponto pra netflix que agora tem daredevil e sense8 pra esbanjar qualidade em meio a tantas séries porcas.
Mateus O.
Mateus O.

Segui-los Ler a crítica deles

5,0
Enviada em 14/06/15
Série fantástica, esse povo que só sabe criticar, vai entender viu, gostei tanto que vi a temporada toda num dia só. É uma série que você sabe que vai gostar pelo trailer e que se assistir o primeiro episódio não vai conseguir parar *.* Quero a segunda temporada, Pft pft
Enilson S.
Enilson S.

Segui-los 14 seguidores Ler as 120 críticas deles

5,0
Enviada em 07/06/15
A serie estreou dia cinco e já assisti toda a primeira temporada, e gostei de cada episódio pois é de uma criatividade fora do comum, poder sentir e ver o que outros veem e compartilhar da dor e do sofrimento deles bem como de suas alegrias, além de poderem lutar juntos para sobreviver, é a isso que a serie o leva a essa sensação, por isso que as oito pessoas envolvidas são apresentadas, mesmo sendo diferentes são iguais de algum modo, o que faz com que eles busquem descobrir como tudo aconteceu e qual seu envolvimento. Eu achei cada episódio cheio de emoção e perigo, e que ainda a muito o que descobrir, já aguardando a próxima temporada ansioso. Só achei desnecessário e apelativo cenas de nudez e sexo, realmente desnecessário.
Fabih.A
Fabih.A

Segui-los 3 seguidores Ler as 2 críticas deles

1,0
Enviada em 19/10/15
O fato de ter gays na série não é o problema. O problema é frisar tanto a vida sexual deles. Isso foi apelativo. Fora isso a série também deixa a desejar. Muita enrolação.
Larissa B.
Larissa B.

Segui-los Ler as 3 críticas deles

2,5
Enviada em 21/07/15
é uma série boa, mas poderia ser "a serie" e não foi, pois, em vez de se preocupar com o tema central que é inovador... A série buscou emeandrar-se demais por outras temáticas bem fora do foco principal... Eu sei! Disse apenas essas palavras e já fui chamada de homofóbica... Infelizmente isso é mais um resultado negativo provocado pelo erro de percurso no roteiro da série. A série não é uma série LGBT, o tema principal não é esse tampouco é feito qualquer menção a isso na sinopse da mesma. Não estou dizendo que não se pode abordar personagens com essa ou aquela orientação sexual, mas sim que é necessário um desenvolvimento maior no que tange o foco da série. Vamos esperar a próxima temporada para ver o que acontece...
Back to Top