Aniversariante do Dia: Parabéns, Angelina Jolie!
Heroína, mãe, Embaixadora, diretora, vencedora do Oscar, mulher de galã, musa.

Angelina Jolie Voight completa hoje 39 anos e o AdoroCinema relembra os principais filmes de sua carreira.
Qual é o seu preferido?

Estreia. Aos sete anos, Angelina fez sua estreia no cinema neste filme estrelado por seu pai, Jon Voight.

Confira uma cena da atriz: http://www.youtube.com/watch?v=QLpoMELXFco

Nasce uma estrela. Interpretando a célebre modelo de vida trágica Gia Carangi, Jolie chamou a atenção pela primeira vez. É ela o principal destaque desta produção da HBO, e por seu desempenho recebeu o Globo de Ouro de Melhor Atriz em Minissérie ou Filme para TV.

Academy Awards. Susanna Kaysen (Winona Ryder) é a protagonista, mas quem assombra no filme é Lisa (Jolie), a sociopata sempre disposta a fugir. Angelina ganhou o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante. Seu primeiro e único até o momento.

Adrenalina. Fazendo par com Nicolas Cage, Jolie reforçou aqui sua imagem de jovem rebelde, extremamente sexy e meio louca. Linda, loira e roubando carros em um minuto.

Girl Power. E o videogame nunca mais foi o mesmo... Jolie encarnou de tal forma a heroína Lara Croft que depois foi difícil dissociar as duas figuras. Curiosidade: ela contracena com o pai, Jon Voight.

Trabalho humanitário. Jolie começou a se interessar pela causa ao filmar Tomb Raider no Camboja e logo em 2001 tornou-se Embaixadora da Boa Vontade da ONU. Este longa dirigido por Martin Campbell é um romance, mas bem pode ser encarado como uma promoção do voluntariado em campos de refugiados. Em 2012 Angelina foi nomeada Enviada Especial do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados e em 2014 recebeu um Oscar honorário por seu serviço humanitário.

Par perfeito. Atualmente é impossível falar na atriz e não citar "Brangelina". Formado nos bastidores das filmagens, o casal é um dos mais comentados do mundo desde então. A prole Jolie-Pitt encanta os fãs e uma das crianças, Vivienne, fez sua estreia na telona em Malévola.

Lágrimas. Dirigida por Clint Eastwood, Jolie emocionou representando o drama real da mãe que teve o filho sequestrado e foi enganada e tratada como louca pelas autoridades. Segunda indicação ao Oscar.

Um novo desafio. Angelina sempre expressou o desejo de ir para o "lado de lá" das câmeras e em 2012 finalmente conseguiu realizar seu primeiro longa ficcional como roteirista e diretora. A atriz superou acusações de plágio e comentários negativos sobre os aspectos políticos da trama, conseguindo agradar boa parte da crítica (leia a análise do AdoroCinema) - a obra foi até indicada ao Globo de Ouro. Decidida a investir cada vez mais nessa carreira, Jolie já finaliza Invencível, baseado na história real de um atleta sequestrado pelos japoneses durante a Segunda Guerra.

Sucesso. Melhor estreia da carreira de Angelina, o filme da Disney provou que o star power da atriz está mais vivo do que nunca. Ainda assim Jolie afirmou estar pensando em se aposentar... Será? 

Malévola segue em cartaz nos cinemas. Leia a crítica.

Comentários

  • Elly

    Linda,Diva...
    Só espero que não encerre a carreira tão cedo.

  • Agla? F.

    Gia, garota interronpida, e amor sem fonteiras este ultimo é belissimo e triste de a gente não acreditar em como um filme pode ser dramatico, talvez garota interrompida, só super desenpenhos em grandes filmes, filmes que são emocionalmente um baque, muito forte mesmo, se uma historia e desenpenho conseguem fazer isto, entao foi produzido um grande filme, amor sem fronteiras não consigo assistir sem cair em pranto, o mesmo vale para garota interronpida fiquei chorando sem parar, o mesmo vale para gia,parabens pela data.