Meu AdoroCinema
Grande Otelo
facebookTweet
Atividade Ator
Apelido

Sebastiao Bernardes de Souza Prata

Nacionalidade Brasileiro
Nascimento 18 de outubro de 1915 (Uberlândia, Minas Gerais, Brasil)
Morte 26 de novembro de 1993 aos 78 anos de idade (Paris, França )
68
anos de carreira
104
filmes e séries lançados

Biografia

- Quando o pai morreu esfaqueado e a mãe, uma cozinheira que trabalhava com o copo de cachaça ao lado do fogão, casou outra vez, ele aproveitou a visita de uma companhia de teatro mambembe a Uberlândia para escapulir. A diretora do grupo, Abigail Parecis, o adotou "de papel passado" e o levou para São Paulo;- Em seu novo lar tinha a tarefa de levar a filha de dona Abigail às aulas de piano. Mas Otelo fugiu de novo e, após várias entradas e saídas do Juizado de Menores, foi adotado, mais uma vez, pela família de Antônio de Queiroz, político influente da época. Dona Eugênia, mulher de Queiroz, tinha ido ao Juizado atrás de uma garota que a ajudasse na cozinha. O administrador do albergue sugeriu que levasse o negrinho fujão que sabia declamar, dançar e fazer graça;- Os Queiroz o colocaram no Colégio Sagrado Coração de Jesus, de padres salesianos, onde estudou até a terceira série ginasial;... Leia mais

Filmografia

A Paz é Dourada
A Paz é Dourada
1 de janeiro de 2008
Cartola - Música para os Olhos
Cartola - Música para os Olhos
6 de abril de 2007
Tudo é Brasil
Tudo é Brasil
29 de outubro de 1998
É Tudo Verdade
É Tudo Verdade
Data de lançamento desconhecida
Boca de Ouro
Boca de Ouro
Data de lançamento desconhecida
Jardim de Alah
Jardim de Alah
1 de janeiro de 1988
Abolição
Abolição
1 de janeiro de 1988
Natal da Portela
Natal da Portela
1 de janeiro de 1988
Toda a filmografia Dê notas express para sua filmografia

Fotos

10 Fotos

Notícias

Rio de Janeiro recebe mostra em memória ao centenário de Grande Otelo
NOTÍCIAS - Festivais e premiações
segunda-feira, 16 de novembro de 2015
CineOP 2015: Versão restaurada do clássico Limite foi destaque nesta sexta-feira
NOTÍCIAS - Festivais e premiações
sábado, 20 de junho de 2015
A mostra exibiu ainda Branco Sai, Preto Fica e Também Somos Irmãos.
Festival de comédias promete animar o RECINE 2012
NOTÍCIAS - Festivais e premiações
segunda-feira, 10 de dezembro de 2012
Chegou a hora de conferir o 11º Festival Internacional de Cinema de Arquivo e o destaque desse ano vai para humor que invade...
Comentários
  • MExenberger

    Grande Otelo tinha a versatilidade dos grandes artistas. Era o único capaz de contracenar, de igual para igual, com Oscarito nas inesquecíveis chanchadas da Atlântida Cinematográfica. A dupla atraiu multidões em filmes como Carnaval no Fogo; Barnabé, Tu és Meu; Carnaval Atlântida e Matar ou Correr. Ao mesmo tempo, Otelo emocionava em papeis dramáticos. Descato, a interpretação moderna dele em Amei um Bicheiro (1953) - um dos melhores filmes policiais de todos os tempos.

Mostrar comentários
Back to Top